200 portugueses sem salário e a viver num prédio abandonado na Dinamarca

birdwatcher63 / Flickr

-

O Governo português está a acompanhar o caso de 200 trabalhadores que alegadamente trabalhavam há cerca de dois meses sem contrato nem salário e viviam num edifício abandonado na Dinamarca, disse à Lusa fonte oficial do Ministério dos Negócios Estrangeiros.

Numa reportagem transmitida pela SIC, os portugueses afirmam terem sido “aliciados com muito dinheiro” por uma empresa irlandesa para trabalharem no metro de Copenhaga, capital da Dinamarca, mas em dois meses de trabalho nunca receberam qualquer pagamento nem têm contrato.

Além disso, os portugueses foram colocados a viver num prédio abandonado e em más condições.

O caso, que foi denunciado pela imprensa local, tornou-se polémico naquele país e levou mesmo o Governo dinamarquês a prometer ajuda aos emigrantes, providenciando desde logo novo alojamento, agora num hotel.

Contactada pela Lusa, fonte oficial do Ministério dos Negócios Estrangeiros (MNE), afirmou estar a acompanhar o caso “através da embaixada de Portugal em Copenhaga” e adiantou que “já foram feitos contactos com as autoridades dinamarquesas”.

Esta quinta-feira, “dois funcionários da embaixada foram às instalações onde os trabalhadores estiveram alojados e ao hotel onde se encontram actualmente” e também contactaram alguns portugueses.

O Governo português diz ter a garantia de que a empresa irlandesa vai responder às necessidades dos trabalhadores.

“A empresa assegurou que iria procurar atender às necessidades expressas pelos trabalhadores”, disse a mesma fonte.

A embaixada esteve “em contacto com os trabalhadores portugueses” e também “com um representante da empresa irlandesa para a qual os cidadãos portugueses trabalham”, acrescentou, referindo ainda que os funcionários da embaixada se deslocaram ao município de Rodovre.

A mesma fonte do MNE mencionou ainda que a Autoridade para as Condições de Trabalho também foi informada, através do gabinete do secretário de Estado das Comunidades.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Forças Armadas dos EUA estão a adquirir coletes à prova de bala adaptados para mulheres

As Forças Armadas dos EUA estão a dar grandes passos no que diz respeito à igualdade de género. A instituição está a começar a mudar os seus coletes à prova de bala, de forma a …

Abstenção do PCP no OE2021? É um excelente indicador, diz Costa

O primeiro-ministro, António Costa, considerou um “excelente indicador” o PCP ter anunciado a abstenção no Orçamento do Estado de 2021 (OE2021) e resultado de um entendimento “para ter um bom orçamento para o próximo ano”. “É …

Egito abre restaurante com vista de luxo para as pirâmides de Gizé

O Egito inaugurou um novo restaurante com vista panorâmica para as pirâmides. O investimento faz parte de uma tentativa de reavivar o turismo no país. O Egito revelou novas instalações para os visitantes no planalto nas …

Novo recorde. Portugal regista mais 3.669 casos de covid-19

Portugal regista este sábado 3.669 novos casos de infeção com o novo coronavírus, responsável pela covid-19, o valor diário mais elevado desde o início da pandemia, e mais 21 mortes relacionadas com a covid-19, segundo …

Câmara do Porto encerra cemitérios nos dias 31 de outubro e 1 e 2 de novembro

O presidente da Câmara do Porto anunciou o encerramento dos cemitérios em 31 de outubro e 1 e 2 de novembro, justificando a decisão com a necessidade de desviar meios para cumprir a proibição de …

Rui Vitória de saída do Al Nassr

O treinador português Rui Vitória está de saída do Al Nassr, avança este sábado o canal árabe 24Sports. A saída de Rui Vitória, que em janeiro de 2019 deixou o comando técnico do Benfica, surge …

Casamento com 200 pessoas autorizado em Arruda dos Vinhos. Câmara contesta

O presidente da Câmara de Arruda dos Vinhos criticou a decisão da autoridade de saúde de autorizar a realização de um casamento “com cerca de 200 pessoas”, considerando que vai colocar a população do concelho …

Novo Banco desmente demissão de gestores após polémicas com Fundo de Resolução e Vieira

O Novo Banco veio a público desmentir a notícia do Público que alega que três gestores de topo da instituição se demitiram, após divergências internas envolvendo várias polémicas relacionadas com o Fundo de Resolução, com …

Milhões da bazuka europeia só chegam em junho

Portugal e os restantes Estados-membros das União Europeia (UE) só deverão receber os respetivos fundos da bazuka europeia de apoio à retoma no pós-pandemia na segunda metade de 2021, em meados de junho. A confirmar-se …

Braço de ferro entre Costistas e Nunistas novamente adiado

O PS voltou a adiar, agora de 31 de Outubro para 7 de Novembro, a reunião da Comissão Nacional que decidirá a orientação do partido face às eleições presidenciais. Fica assim adiado o braço-de-ferro entre …