11 mil euros e trabalho comunitário para médico que gravou iniciais no fígado de pacientes

O cirurgião Simon Bramhall gravou as iniciais no fígado de dois doentes enquanto os operava. As marcas foram descobertas por um colega que o denunciou.

O cirurgião que gravou as iniciais no fígado de dois doentes durante uma operação no Reino Unido foi condenado a uma pena de 12 meses de trabalho comunitário e ao pagamento de uma multa de 10 mil libras, cerca de 11 mil euros.

O The Guardian conta que Simon Bramhall fez uso de instrumento cirúrgico, geralmente utilizado para estancar hemorragias, para gravar as suas iniciais (SB) no fígado dos doentes que estava a operar, no final da intervenção.

As cirurgias ocorreram a 9 de fevereiro e 21 de agosto de 2013 e, quando foi descoberto por um colega – um dos doentes precisou de voltar a ser operado – Bramhall foi suspenso do cargo que ocupava no hospital Queen Elizabeth, em Birmingham. O médico acabaria por se demitir no verão seguinte, na sequência da abertura de um processo disciplinar interno. Na altura, falou à imprensa e admitiu que gravar o nome no fígado dos doentes em cirurgia tinha sido um erro.

Em tribunal, o procurador disse que uma das vítimas do cirurgião tinha ficado a sentir-se violada e com sequelas a nível psicológico. As marcas no fígado não punham a vida dos doentes em perigo e iriam desaparecer com o passar do tempo se não tivessem sido descobertas.

O juiz ordenou ainda ao médico que cumpra 120 horas de voluntariado, dizendo ao réu: “Ambas as cirurgias foram longas e difíceis. Aceito que em ambas as ocasiões estivesse cansado e stressado e aceito que isto possa ter afetado o seu raciocínio. Esta conduta nasceu de arrogância profissional de tal magnitude que degenerou em comportamento criminoso”, sublinhou. “O que fez foi um abuso de poder e uma traição da confiança que estes pacientes tinham em si”.

O médico acabou por ser admoestado pelo organismo equivalente à Ordem dos Médicos no Reino Unido, estando agora a trabalhar para o serviço nacional de saúde britânico em Herefordshire.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Revelada finalmente a identidade do homem que trabalhou 18 meses em 15 anos

Foi revelada a identidade do auxiliar médico que, entre baixas e férias, só trabalhou 18 meses em 15 anos. Chama-se Juan Carlos, tem 60 anos e fez culturismo. Na semana passada, a imprensa espanhola contou a …

Duterte quer ser morto a tiro caso se torne um ditador

O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, pediu para os militares o matarem a tiro caso tencione violar a Constituição e resolva permanecer no cargo mais do que o seu mandato lhe permite. "Caso permaneça no poder …

"The Shape of Water" lidera corrida aos Óscares com 13 nomeações

O filme "The Shape of Water" lidera as nomeações da 90.ª edição dos Óscares, que serão entregues a 4 de março, em Los Angeles, incluindo as categorias de Melhor Filme, Melhor Realização e Melhor Atriz, …

Queda de helicóptero da TV Globo faz duas vítimas mortais

Um helicóptero da Rede Globo caiu, esta terça-feira, na Praia do Pina, no Recife, provocando duas vítimas mortais. Um helicóptero da TV Globo caiu esta terça-feira na praia do Pina, em Boa Viagem, na zona sul …

Tribunal de Beja pediu exame psiquiátrico a um morto

A Directora de Psiquiatria do Hospital de Beja nem queria acreditar quando recebeu do tribunal da cidade uma solicitação para realizar uma perícia médico-legal psiquiátrica a um morto. "Obviamente, não é possível", foi a resposta. Ana …

Erupção violenta no vulcão Mayon pode estar iminente. 40 mil pessoas procuram abrigo

O monte Mayon, o vulcão mais ativo das Filipinas, continuou esta terça-feira a emitir lava e cinzas, obrigando cerca de 40 mil habitantes a procurar abrigo em centros de evacuação. A lava foi projetada até 700 …

Polícia quer enviar cães pisteiros à Casa dos Horrores para procurar cadáveres

A polícia norte-americana quer enviar cães pisteiros nas novas buscas à casa do casal Turpin, acusado de ter mantido em cativeiro durante vários anos os seus 13 filhos, em Perris, na Califórnia, para procurar eventuais …

Portugueses fogem da Venezuela e refazem a vida em Madrid

Madrid é uma cidade de refúgio de muitos luso-venezuelanos, principalmente jovens da segunda e terceira geração de emigrantes portugueses, que falam melhor castelhano e que tiveram de sair da Venezuela. "Viemos para Madrid devido à situação …

Corrida para evitar a nova lei já esgotou os eucaliptos nos viveiros

A semente de eucalipto mais recomendada pelas celuloses, por crescer mais depressa, está esgotada nos viveiros devido à corrida dos proprietários que tentam fazer novas plantações antes da entrada em vigor da nova lei que …

"Tinham que meter Manuel Vicente no processo"

Orlando Figueira, o ex-procurador do Ministério Público (MP) acusado de ter recebido subornos de Manuel Vicente, o ex-vice-presidente de Angola, negou todas as acusações de que é alvo. Em tribunal, Figueira ilibou Manuel Vicente e …