Homicídio qualificado, furtos e danos. ​No Name Boys acusados de 261 crimes violentos

Zipp / Wikimedia

O Ministério Público (MP) acusou 37 elementos da claque No Name Boys de 261 crimes. Em causa estão crimes como homicídio qualificado na forma tentada, ofensas à integridade física, furto, dano e atentado à segurança de transporte rodoviário.

Segundo avançou a TVI este sábado, o Ministério Público (MP) acusou 37 elementos da claque No Name Boys de 261 crimes. O grupo de adeptos do Benfica, com idades entre os 20 e os 40 anos, é suspeito de crimes como homicídio qualificado na forma tentada, ofensas à integridade física, furto, dano e atentado à segurança de transporte rodoviário.

Um dos episódios de violência está relacionado com o apedrejamento ao autocarro do Benfica, em junho, que provocou ferimentos aos jogadores Weigl e Zivkovic.

De acordo com a TVI, que teve acesso ao despacho do Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Lisboa, os arguidos estiveram, alegadamente, envolvidos em pelo menos 11 episódios violentos entre 2018 e 2020.

Os crimes provocaram mais de duas dezenas de vítimas, entre atletas, adeptos de clubes rivais, nomeadamente do Sporting, e agentes das forças de segurança.

No âmbito da operação “Operação Sem Rosto”, a PSP deteve em junho seis pessoas relacionadas com a claque No Name Boys. os arguidos ficaram em prisão preventiva e passaram mais tarde para domiciliária.

Os seis No Name Boys tinham manuscritos com informações de dirigentes e comentadores de clubes, assim como de jornalistas, e orquestravam agressões violentas.

Os No Name Boys são um grupo organizado de adeptos com ligação ao Benfica, mas não reconhecido de forma oficial pelo clube da Luz, enquanto a Juventude Leonina é uma claque oficial do Sporting, à qual foi retirado o apoio, esta época, pela direção do clube de Alvalade.

Em maio, um homem alegadamente pertencente à Juventude Leonina foi agredido, na zona do Lumiar, por um grupo de mais de 30 indivíduos com camisolas dos No Name Boys.

Na mesma noite do apedrejamento ao autocarro, as residências do treinador Bruno Lage e do capitão de equipa Pizzi foram vandalizadas com frases intimidatórias inscritas em spray nas paredes exteriores.

Ambos os atos terão sido cometidos, alegadamente, por elementos de uma fação radical dos No Name Boys.

Maria Campos Maria Campos, ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. As Claques do Futebol ja deveriam merecer uma atençao muito especial das policias, muitas sao verdadeiras associaçoes Criminosas e nem o escondem ,na cidade que resido ,vejo nas Paredes ,Graffitis de uma Claque com Desenhos de evidente inspiraçao NAZI ,com mensagens de apelo a Xenofobia ,violencia , separatismo,so nao ve quem nao quer

RESPONDER

Nova Iorque quer oferecer vacina aos turistas. Miami vai começar a vacinar no aeroporto

Em Nova Iorque os turistas irão receber a vacina da Johnson & Johnson e em Miami a vacina da Pfizer. Com o objetivo de reativar o turismo na cidade, as autoridades de Nova Iorque querem oferecer …

Carta misteriosa escrita por passageira do Titanic está a intrigar os peritos

Uma equipa de investigadores está a tentar desvendar um mistério que envolve uma carta que terá sido escrita por uma jovem a bordo do Titanic na véspera do naufrágio. Uma família encontrou a carta numa garrafa …

Violência na Colômbia preocupa comunidade internacional

Várias cidades colombianas continuam a ser palco de violentas manifestações contra o Governo do país, mas são reprimidas com força pela polícia e por militares. As manifestações começaram em forma de protesto contra uma reforma tributária …

Veterana de Bletchley Park tem um novo código da 2.ª Guerra para decifrar (mas precisa de ajuda)

Um casal que encontrou mensagens codificadas da II Guerra Mundial sob o assoalho está tentar decifrá-las com a ajuda do seu vizinho, um decifrador de códigos de Bletchley Park. John e Val Campbell encontraram um esconderijo …

"Caixas mistério" com animais de estimação geram indignação na China

Uma nova moda conhecida como "caixa mistério" ganhou popularidade na China. O método consiste em fazer uma encomenda através da internet e é enviada, pelo correio, uma caixa com um animal de estimação. Estas encomendas estão …

Arquivos da polícia do Estado Islâmico revelam como era a vida sob o califado

Arquivos da polícia do Estado Islâmico, conhecida como shurta, revelam como era a vida sob o califado. Os polícias eram tão bem pagos que não podiam ser subornados. Não é sempre que os regimes mirram …

Barco português detido por ancorar ilegalmente em águas da Malásia

Um navio mercante registado em Portugal está retido na Malásia por ter alegadamente ancorado em águas territoriais do país sem autorização, avançou esta sexta-feira a Guarda Costeira malaia. Num comunicado, Nurul Hizam Zakaria, diretor da agência …

”Eficácia e qualidade”. OMS aprova vacina chinesa da Sinopharm

A Organização Mundial da Saúde (OMS) aprovou, esta sexta-feira, o uso de emergência da vacina chinesa contra a covid-19 da Sinopharm. Trata-se da primeira vacina desenvolvida pela China a ser aprovada pela organização, lembra a agência …

Sem estado de emergência não pode haver confinamento de pessoas saudáveis

O constitucionalista Jorge Reis Novais defendeu hoje que sem estado de emergência que suspenda a garantia do artigo 27.º da Constituição não pode haver confinamento de pessoas saudáveis, até uma eventual revisão constitucional. Por outro lado, …

"Neuro-direitos". O Chile quer proteger os seus cidadãos do controlo da mente

O Chile quer tornar-se o primeiro país a proteger as pessoas do controlo da mente, à medida que a capacidade de mexer com cérebros se aproxima cada vez mais da realidade. O senador Guido Girardi está …