Loki, o maior vulcão de Io, pode estar prestes a entrar em erupção

(dr) NASA / JPL

Loki, o vulcão da lua de Júpiter Io

O maior vulcão de Io, uma das quatro grandes luas de Júpiter, pode estar prestes a explodir. Décadas de observação mostram um ciclo periódico nas erupções deste vulcão.

De acordo com o Science Alert, o vulcão Loki, o maior da lua de Júpiter Io, foi originalmente descoberto com um ciclo de cerca de 540 dias — uma conclusão baseada nas observações dos cientistas entre 1988 e 2000 e depois descritas num artigo liderado pela física e cientista planetária Julie Rathbun, do Instituto de Ciência Planetária, nos EUA.

Até 2001, o Loki funcionou como um relógio suíço. No início de uma erupção, iluminava-se e permanecia brilhante durante cerca de 230 dias, antes de ficar mais escuro novamente (e depois o ciclo repetia-se). Depois desse ano, o vulcão parou de brilhar e escureceu.

Porém, em 2013 — e desde então —, o vulcão começou novamente a ter o mesmo comportamento, embora com um ciclo um pouco mais curto: 475 dias, em vez de 540.

“Se este comportamento se mantiver, o Loki vai entrar em erupção em setembro de 2019. Já conseguimos prever corretamente que a última erupção ocorreria em maio de 2018”, afirma Julie Rathbun, que apresentou as suas descobertas no EPSC-DPS Joint Meeting 2019, na cidade suíça de Genebra.

A equipa de cientistas interpretou Loki como um lago de lava numa depressão semelhante a uma cratera chamada patera, com cerca de 200 quilómetros de largura. À medida que a crosta de arrefecimento na superfície do lago se torna gravitacionalmente instável e entra em colapso, o poço “tomba”, sendo inundada por lava fresca.

Esta conclusão foi suportada por observações relatadas em 2017 que viram ondas de lava a rolar lentamente por patera, num processo que pode demorar até 230 dias.

Ainda não se sabe o que causou o hiato entre 2001 e 2013, mas uma possível explicação poderia implicar mudanças no conteúdo volátil do magma, o que afeta a densidade do magma e da crosta. Mesmo uma pequena mudança pode produzir grandes variações no tempo que a crosta demora para se afundar.

No ano passado, a última erupção começou entre 23 de maio e 6 de junho. Isto significa que a janela de 475 dias deste ano é entre 9 e 24 de setembro (logo, pode já até ter começado).

“Os vulcões são difíceis de prever porque são muito complicados. Muitas coisas influenciam as erupções vulcânicas, incluindo a taxa de suprimento de magma, a composição do magma — particularmente a presença de bolhas no magma, o tipo de rocha em que o vulcão se encontra, o estado de fratura da rocha, entre outros”, afirma Rathbun.

“Achamos que Loki pode ser mais previsível por ser muito grande. Devido ao seu tamanho, a física básica provavelmente irá dominar quando entrar em erupção, logo as pequenas complicações que afetam vulcões menores não o afetarão tanto”.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Entre interrupções e insultos, Biden chama palhaço a Trump (e este põe em causa a sua sanidade mental)

Aconteceu ontem o primeiro de três debates, nos quais os candidatos republicano e democrata à Casa Branca - Donald Trump e Joe Biden - têm oportunidade de apresentar aos eleitores norte-americanos as suas propostas para …

Europa alarga restrições. Alemanha limita festas, Eslováquia em emergência e Itália não facilita

Os país europeus estão a anunciar novas medidas restritivas contra a covid-19, num altura em que o número de infeções voltou a aumentar e o inverno está a chegar. De acodo com o Diário de Notícias, …

Jogos da seleção com Espanha e Suécia vão ter adeptos nas bancadas

Os próximos jogos da seleção portuguesa frente à Espanha e à Suécia, no estádio Alvalade XXI, foram autorizados a receber público, revelou, esta terça-feira, a Federação Portuguesa de Futebol (FPF). "No jogo de preparação entre as …

Santos Silva rejeita apoio a Ana Gomes (e diz que polémica com embaixador dos EUA foi ultrapassada)

Augusto Santos Silva, ministro dos Negócios Estrangeiros, falou, em entrevista à TVI24 esta terça-feira, sobre a aprovação do Orçamento de Estado para 2021 e as eleições presidenciais e desvalorizou a polémica com o embaixador …

Santa Clara-Gil Vicente vai ser o primeiro jogo da I Liga com público

O jogo entre o Santa Clara e o Gil Vicente, da terceira jornada da I Liga, vai ter uma assistência de mil pessoas, sendo o primeiro jogo profissional da época a ter público no estádio …

Uma rara "anomalia climática" agravou a 1.ª Guerra e a gripe espanhola

Uma equipa de cientistas descobriu uma anomalia climática que ocorre uma vez em cada 100 anos durante a I Guerra Mundial, que provavelmente aumentou a mortalidade durante a guerra e a pandemia de gripe nos …

Marcelo defende que "ninguém lhe perdoaria" se permitisse agora uma crise política

O Presidente da República defende que "ninguém lhe perdoaria" se permitisse a criação de condições para uma crise política no atual contexto de crise sanitária e consequente crise económica. Marcelo Rebelo de Sousa defendeu esta …

"Cada qual no seu lugar". Jerónimo avisa Marcelo que “tudo tem limites” nos poderes presidenciais

O secretário-geral do PCP avisou Marcelo Rebelo de Sousa que “tudo tem limites” quanto aos poderes presidenciais, face aos sucessivos apelos para a viabilização do Orçamento do Estado de 2021 pela esquerda ou pelo PSD. “Cada …

Ferro Rodrigues não aceita projeto de lei do Chega por inconstitucionalidade

O projeto de lei do Chega para limitar o cargo de primeiro-ministro e outros governantes apenas a portadores de nacionalidade portuguesa originária foi rejeitado pela Assembleia da República devido a inconstitucionalidade. O despacho do presidente da …

Os cientistas já sabem porque é que alguns sapos têm uns olhos "enormes"

Os cientistas acabam de descobrir porque é que alguns sapos têm os olhos enormes comparativamente com a dimensão do seu corpo. De acordo com uma nova investigação, cujos resultados foram recentemente publicados na revista científica …