VPN do Facebook espia os utilizadores

O Facebook está a incluir na sua aplicação para telemóveis uma nova opção intitulada “Protect” que, afinal, serve sobretudo para fazer espionagem empresarial, permitindo à rede social roubar ideias e ganhar vantagem sobre a concorrência.

O alerta é lançado pelo site de tecnologia TechCrunch que explica que a opção “Protect” (Proteger em português) direcciona os utilizadores da aplicação para telemóveis do Facebook para a App Store, desafiando-os a instalar o serviço Virtual Private Network (VPN) chamado Onavo.

A Onavo surge, assim, como uma ferramenta VPN, ou seja, um sistema de protecção de dados e de privacidade que permite encriptar as informações dos utilizadores quando estes visitam sites, de modo a não serem rastreados.

Embora “mascarem” a actividade dos utilizadores, não permitindo a terceiros a recolha de dados dos mesmos, as VPN´s podem registar tudo o que os seus clientes fazem online. E é precisamente isso que a Onavo faz, mas sob a “máscara” da protecção e com um intuito que passa precisamente pela recolha de dados para uso próprio – já que o Facebook não é uma empresa de Segurança Informática.

Na App Store nota-se que que a Onavo “guarda com segurança os logins de websites e informações pessoais, como contas bancárias e números dos cartões de crédito”, protegendo as “informações privadas dos websites móveis maliciosos, de phishing e não seguros, que podem ver e partilhar as suas informações privadas”.

Aquilo que não se explica é que a Onavo permite ao Facebook saber tudo o que as pessoas fazem nos seus telemóveis, mesmo fora do âmbito da rede social. A ferramenta permite à empresa monitorizar os hábitos no uso da Internet global, conseguindo rastrear informações sobre outras aplicações e sobre a forma como os utilizadores interagem com ela.

É, assim, uma ferramenta preciosa em termos de espionagem empresarial. A Onavo “permite ao Facebook monitorizar a actividade dos utilizadores entre aplicações”, o que dá à rede social “uma grande vantagem em termos de detectar novas tendências em todo o vasto ecossistema mobile“, explica o TechCrunch.

O Facebook pode através da ferramenta perceber em primeira mão que “aplicações estão a tornar-se grandes sucessos”, quais estão a crescer mais lentamente e que “características novas” dessas aplicações estão a resultar melhor com os utilizadores, refere o site tecnológico.

Onavo permitiu “esmagar” rede social em crescimento

A rede social de Mark Zuckerberg já terá tirado partido dos dados da Onavo para ober vantagem relativamente à concorrência, nomeadamente na “batalha com o Snapchat”, segundo o TechCrunch.

Um artigo de Agosto de 2017 do The Wall Street Journal mencionava precisamente este dado, realçando que o Facebook conseguiu perceber antecipadamente que o lançamento da funcionalidade “Histórias” no Instagram, rede social de que é proprietária, estava a afectar negativamente o crescimento do Snapchat, a rede social focada nos telemóveis que se baseia na criação de mensagens instantâneas para Android e iOS.

O TechCrunch acrescenta que a Onavo também permitiu ao Facebook “esmagar” uma outra rede social, vocacionada para adolescentes, que não chegou a afirmar-se, integrando uma das suas funcionalidades que estaria a ter grande sucesso nos telemóveis.

A VPN do Facebook não estará disponível para os utilizadores de todo o mundo. A rede social confirma ao TechCrunch que a Onavo está neste momento disponível nos EUA em dispositivos iOS. Mas o site frisa que terá também utilizadores no Brasil e na Índia e que já terá sido detectada, em 2016, no Reino Unido.

O Gestor de Produto da Onavo, Erez Naveh, explica ao site tecnológico que “como outras VPNs”, esta “actua como uma ligação segura para proteger as pessoas de sites potencialmente perigosos”.

Naveh também reconhece que “a aplicação pode recolher dados de tráfego mobile para ajudar a reconhecer tácticas que agentes maus utilizam”, destacando que isso “ajuda a ferramenta a funcionar melhor” ao longo do tempo, mas não confirmando os aspectos maliciosos da Onavo.

SV, ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. edge-chat.facebook.com,0-edge-chat.facebook.com,1-edge-chat.facebook.com,2-edge-chat.facebook.com,3-edge-chat.facebook.com,4-edge-chat.facebook.com,5-edge-chat.facebook.com,6-edge-chat.facebook.com
    O facebook já nos espia diariamente basta ligar e estamos constantemente a ser monitorizados por 7 paginas que mostram que está online ou esteve á 1 minuto no facebook mesmo com o chat desligado.
    por isso o facebook não tem privacidade nenhuma.

  2. A partir do momento em que as nossas mensagens passam pelo server de alguém, esse alguém pode ver – nao tenhamos ilusões. Mesmo que sejam cifradas, esemplo whatsapp: são eles que cifram as mensagens.
    Nem mesmo os SMS’s escapam, também passam pelos servers dos operadores/fornecedores de telefonia móvel.
    O único modo è cifrar ANTES de enviar, con software independente que não se baseie em servers de ninguém.

  3. isto ja começa a cheirar a paranoia , e no entanto todos os dias temos escandalos de milhoes,ameças a nossa segurança, pelos vistos gastam rios de dinheiro a espiar o cidadao comum e quem supostamente devia ser mais controlado,anda impune

RESPONDER

Há uma pequena galáxia a orbitar a Via Láctea (e ninguém sabe como foi lá parar)

Segue 1 é o nome da pequena galáxia que orbita muito perto da Via Láctea. O corpo celeste é fraco e de pequenas dimensões, tendo surpreendidos os cientistas - pois ninguém sabe ao certo como …

Morreu o virtuoso guitarrista português Phil Mendrix

Filipe Mendes, mais conhecido por Phil Mendrix, faleceu esta segunda-feira. A notícia foi confirmada pela página oficial do músico português no Facebook. Phil Mendrix, um dos mais virtuosos guitarristas nacionais, morre com apenas 70 anos. O …

Finalmente, a Matemática desvendou quem escreveu "In My Life" dos Beatles

Mais de 50 anos depois da criação da música "In My Life", um dos sucessos dos Beatles, a Matemática concluiu quem foi o autor da canção, depois de tanto John Lennon como Paul McCartney reclamarem …

Com 14 anos Ethan ainda não pode votar, mas já é candidato a governador nos EUA

Ethan Sonnebord ainda não pode votar, mas, aos 14 anos, é candidato do Partido Democrata ao cargo de governador do estado de Vermont, nos Estados Unidos. Ao contrário do que acontece na grande maioria dos estados …

China tenta travar divórcios com “período de reflexão”

Tribunais em toda a China estão a começar a impor aos casais que se querem divorciar um período de espera, de entre duas semanas e três meses, visando travar o aumento no número de separações. Segundo …

Descobertos novos geóglifos que podem reescrever história da Amazónia

Novos geóglifos descobertos no estado brasileiro do Acre reforçam a ideia de que havia uma numerosa população milenar e hierarquizada na Amazónia 2.500 anos antes da chegada dos europeus. Estes dados podem “reescrever” a história …

Ministro da Noruega demite-se após violar regras de segurança em viagem ao Irão

Per Sandberg foi obrigado a demitir-se por ter infringido as regras de segurança do Governo ao não informar sobre uma viagem privada ao Irão e por ter levado o telemóvel profissional. O ministro das Pescas norueguês, …

Bomba de 220 quilos da Segunda Guerra Mundial desativada em França

Uma bomba inglesa de 220 quilos, datada da Segunda Guerra Mundial, encontrada no fim de junho em Rouen, no noroeste de França, foi neutralizada neste domingo, anunciaram as autoridades locais. A operação foi realizada por agentes …

Agência do Ambiente pondera aplicar multas por ruído

A Agência Portuguesa do Ambiente (APA) está a analisar a aplicação de multas para o incumprimento das regras do ruído, obrigando as grandes cidades e infraestruturas de transportes a ter mapas e planos estratégicos para …

Pelo menos dois mortos e um milhão de pessoas afetadas por inundações nas Filipinas

Pelo menos duas pessoas morreram e uma desapareceu nas Filipinas devido a inundações que afetam mais de um milhão de pessoas após a passagem da tempestade tropical Yagi, informaram esta segunda-feira as autoridades. O centro e …