Votação do Brexit pode ter sido influenciada por ataque de hackers

-

O Parlamento britânico admite que um site que permitia aos cidadãos do Reino Unido registarem-se para poderem votar no referendo que decretou a saída do país da União Europeia, pode ter sido alvo de um ataque de hackers de nações estrangeiras, com vista a influenciar o sentido de voto.

Este dado consta do relatório de uma Comissão do Parlamento do Reino Unido que foi divulgado nesta quarta-feira pela agência Reuters.

O site em causa ficou indisponível pouco antes de terminar o prazo para que os britânicos pudessem inscrever-se para votar no referendo que terminou com a vitória do Brexit.

Depois disso, o governo decidiu prolongar a data final para essa inscrição, atribuindo a falha do site ao excesso de acessos.

Mas agora, o Comité de Administração Pública e Assuntos Constitucionais (PACAC na sigla original em inglês) do Parlamento britânico assume que o site pode, afinal, ter sido alvo de um ataque de hackers do tipo DOS (Denial of Service).

“O PACAC está profundamente preocupado com estas alegações quanto à interferência estrangeira”, aponta-se no relatório que faz referências à China e à Rússia, embora sem atribuir a estes países responsabilidades directas pelo ataque, conforme cita a Reuters.

Rússia e China e a psicologia de massas

“O entendimento dos EUA e do Reino Unido do “ciber” é predominantemente técnico e baseado em redes de computador. Por exemplo, a Rússia e a China usam uma abordagem cognitiva baseada no entendimento da psicologia de massas e de como explorar indivíduos”, escrevem os deputados.

“As implicações deste diferente entendimento do ciber-ataque, como puramente técnico ou como indo além do digital para influenciar a opinião pública, para interferência em eleições e referendos, são claras”, concluem os parlamentares britânicos.

A Rússia já foi acusada de ter influenciado as eleições para a presidência dos EUA, em 2016. Neste ano, surgiram também notícias sobre a eventual tentativa de influência do país da Europa de Leste nas eleições para a presidência de França.

O jornal The Guardian avança também, que o Reino Unido tem sido alvo de ataques de hackers “patrocinados pelo Estado russo” para “roubar segredos de defesa e de política internacional”, citando alegações de um elemento do GCHQ, serviço de inteligência britânica.

De acordo com o mesmo jornal, o Centro de Cibersegurança Nacional do Reino Unido bloqueou “34,550 ataques potenciais” a departamentos e a membros do governo, no decurso de apenas seis meses, o que dá “cerca de 200 casos por dia”.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Continuem a tomar decisões importantes com o uso de tecnologia, depois queixem-se. Qualquer hacker de jeito, faz o que quer. Papel e caneta volta estás perdoado.

RESPONDER

"Lupin". Livros originais regressam aos mais vendidos com série na Netflix

Novo fenómeno da Netflix, a série francesa Lupin estreou a bater recordes no ecrã… e não só. Com o sucesso da adaptação moderna da história clássica do ladrão Arsène Lupin, os livros originais voltaram aos …

Escavações revelam canibalismo azteca durante invasão espanhola

Centenas de invasores espanhóis capturados na localidade azteca de Tecoaque em 1520 terão sido sacrificados e devorados pelos indígenas, motivando um posterior massacre ordenado pelo "conquistador" Hernan Cortés. Um estudo publicado pelo Instituto Nacional de Antropologia …

A carrinha NV350 da Nissan inaugura uma nova forma de teletrabalho

O teletrabalho pode tornar-se menos aborrecido graças à Nissan. A fabricante japonesa apresentou a sua carrinha NV350 através do YouTube, na semana passada. A empresa destacou a principal caraterística deste veículo: pode ser formatado para …

Hospitais estão no limite. Modelos computacionais podem ajudar a manter as portas abertas

Modelos computacionais podem ser aplicados para ajudar a fazer uma melhor gestão das camas disponíveis para o internamento de doentes infetados com o novo coronavírus. A covid-19 está a causar pressão nos serviços de saúde em …

Guardas diabólicas. Mulheres comuns pertenceram à SS (e torturaram outras em campo de concentração)

Prosseguir, torturar e matar judeus não foi uma ação impulsionada apenas por homens. Na altura da Segunda Guerra Mundial foram muitas as mulheres que se juntaram à SS para fiscalizar e realizar tarefas nos campos …

Sp. Braga 2-1 Benfica | Braga bate Benfica no jogo aéreo e volta à final da Taça da Liga

O Sporting de Braga venceu esta quarta-feira o Benfica por 2-1, com dois golos de cabeça, e vai defender o título na Taça da Liga em futebol na final de sábado, frente ao Sporting, em …

EUA. Com medo da covid-19, homem esconde-se em aeroporto durante três meses

Com receio de ir para casa devido à covid-19, um homem de 36 anos ficou durante três meses no Aeroporto Internacional O'Hare, em Chicago, nos Estados Unidos (EUA), sem ser descoberto. De acordo com um artigo …

Congeladores em vez de assentos. Empresa remodela avião para transportar vacinas contra a covid-19

O transporte de vacinas contra a covid-19 acabou de se tornar mais fácil graças a uma empresa aeronáutica italiana que remodelou uma avião para o efeito. A empresa italiana Tecnam normalmente fabrica peças de aeronaves para fabricantes, além …

Netanyahu tem a seringa com que foi vacinado contra a covid-19 exposta no seu escritório

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, guardou a seringa com que foi vacinado contra a covid-19. O objeto está agora exposto no seu escritório no interior de uma caixa de vidro com uma base em …

Presidente da Câmara de Pedrógão Grande acusado de 11 crimes

O presidente da Câmara de Pedrógão Grande foi acusado de 11 crimes na sequência dos incêndios de junho de 2017, sete de homicídio por negligência e quatro de ofensa à integridade física por negligência. Numa informação …