O voo mais longo do mundo está de volta (e agora é ainda mais longo)

O voo da Singapore Airlines que partia de Singapura com destino até Nova Iorque, foi uma das vítimas do covid-19 e ficou suspendo a 23 de março. Agora, é possível viajar nesta rota novamente, e desfrutar do voo mais longo do mundo.

São de 18 horas dentro do mesmo avião para percorrer os cerca de 15343.49 quilómetros que ligam Singapura à cidade americana de Nova Iorque. Este foi considerado o voo mais longo do mundo, e os que nele embarcavam chegaram até a ser considerados “corajosos”. Contudo, a pandemia suprimiu milhares de viagens em todo o mundo e este percurso não foi uma exceção.

Porém, cerca de sete meses depois, vai voltar a ser possível fazer este percurso de avião. Basta comprar a viagem, pois a companhia aérea de Singapura já programou voos que vão ter início já no próximo dia 9 de novembro.

No entanto, há uma pequena diferença: o aeroporto dos EUA que recebe o voo já não será o de Newark, e passará a ser o famoso JFK, o que aumenta a viagem em cerca de 3 quilómetros, sendo que passará a ter de cumprir uma distancia de cerca de 15346.7 quilómetros.

De acordo com um comunicado da transportadora aérea, esta mudança permitirá “acomodar melhor os passageiros e as cargas em transporte, devido ao ambiente atual”. Enquanto o número de passageiros continuar baixo devido à pandemia, a companhia aérea “antecipa uma procura significativa no transporte de cargas”, o que inclui empresas farmacêuticas, de comércio eletrónico e de tecnologia, diz o CNN.

Ainda é incerto quantos passageiros deverão fazer reservas já para novembro. Neste momento, os visitantes de Singapura não estão autorizados a ingressar em voos no país, exceto os residentes permanentes e que sejam portadores de visto, ou então viajantes que têm na sua posse um “Passe de Viagem Aérea”.

Para além dos habitantes de algumas cidades da China, também os da Malásia, Japão e República da Coreia podem viajar em trabalho para a Singapura se houver uma conexão com alguma empresa do país.

O voo será realizado três vezes por semana a bordo de um Airbus A350-900 com 187 assentos na classe económica, mais 24 na classe económica premium e 42 na classe executiva.

Durante a pandemia a Singapore Airlines manteve ativos os voos diretos do aeroporto de Changi com destino a Los Angeles. A companhia aérea prometeu “continuar a manter as suas rotas para os Estados Unidos, mas vai avaliar a crescente procura por viagens aéreas com o avanço da recuperação da pandemia covid-19, isto antes de decidir restabelecer serviços para outros pontos do país”.

Tendo em conta o contexto atual de pandemia, e para cumprir todas as normas de higienização, a tripulação deverá óculos de proteção, luvas e máscaras, e os passageiros também devem proceder ao uso de máscaras enquanto não estão a fazer refeições.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Dupla de cientistas apresenta uma nova abordagem para reciclar plástico

Um novo estudo oferece uma abordagem totalmente nova para reciclar plástico, tendo sido inspirada na forma como a natureza naturalmente "recicla" os componentes dos polímeros orgânicos presentes no ambiente. As proteínas são um dos principais compostos …

Edição de 2021 da Web Summit recebe 40 mil participantes. Moedas como presidente não será problema

Evento, que se realiza entre 1 e 4 de Novembro, volta a decorrer em formato presencial depois de em 2020 a pandemia ter transferido as atividades para o ambiente digital. O presidente executivo da Web Summit, …

Alunos carenciados com desempenho inferior aos dos mais favorecidos

Mesmo tendo acesso a meios digitais, o desempenho dos alunos carenciados foi sempre “inferior” aos dos seus colegas oriundos de meios mais favorecidos.  Segundo noticia o Público, esta é uma das principais conclusões a que chegou …

José Rendeiro condenado a três anos e seis meses de prisão efetiva

Embaixador jubilado Júlio Mascarenhas acusa o BPP de o ter convencido a investir num produto com juros e capital garantido num momento em que o banco já atravessava sérias dificuldades. O antigo presidente do Banco Privado …

Cantor R. Kelly declarado culpado por crime organizado e tráfico sexual

O cantor norte-americano R. Kelly foi esta segunda-feira declarado culpado por crime organizado e tráfico sexual, após um julgamento em Nova Iorque, nos Estados Unidos da América (EUA), que decorreu durante seis semanas, no qual …

"A FIFA engloba 211 países e 133 nunca estiveram num Mundial"

Arsène Wenger apresenta argumentos para defender a realização de um campeonato do mundo de dois em dois anos. O novo calendário FIFA continua a originar reacções e entrevistas. Arsène Wenger falou sobre as propostas - a …

Responsáveis do Lar do Comércio acusados por 67 crimes de maus tratos

O Ministério Público (MP) imputou 67 crimes de maus tratos, 17 deles agravados por resultarem em morte, a um ex-presidente e a uma diretora de serviços do Lar do Comércio, em Matosinhos. Num processo em que …

Sporting: espanhóis analisam o "maior" Haaland

Avançado do Borussia Dortmund apresenta recordes que, nem Messi, nem Cristiano, tinham. O Sporting entra em campo para a segunda jornada da Liga dos Campeões, diante de um Borussia Dortmund que tem no seu plantel uma …

Escola proíbe alunos de levarem almoço de casa. Ministério da Educação fala em “recomendação”

Interpretações distintas das normas emitidas pelo Ministério da Educação e a inexistência de equipamentos para aquecer as refeições em linha com as recomendações de segurança motivadas pela covid-19 podem estar na origem da decisão. Os alunos …

Autárquicas foram prova de vida para o CDS. Rodrigues dos Santos respira, Melo põe-se à espreita

Nuno Melo já se tinha colocado em posição de ataque na corrida interna, mas terá de esperar. O CDS "está vivo" e as autárquicas foram prova disso. O CDS decidiu apoiar Carlos Moedas e não se …