Vírus do herpes pode desempenhar um papel importante na doença de Alzheimer

Um novo estudo reacendeu a teoria controversa sobre o que causa o Alzheimer. A ideia de que vírus pode desempenhar um papel no desenvolvimento da doença já tinha sido levantada no passado.

A teoria de que os vírus poderiam contribuir para o desenvolvimento da doença de Alzheimer surgiu na década de 1950. Cientistas trabalharam a hipótese de que esta doença fosse uma “doença viral lenta“, em que um ou vários vírus degradavam constantemente os processos neurológicos no cérebro após décadas de inatividade.

No entanto, nos anos seguintes, a investigação sobre a demência inclinou-se muito mais para outra hipótese: a amiloide. A causa do Alzheimer pode ser a acumulação de placas feitas de proteínas amiloides em células nervosas do cérebro, que as mata ou as bloqueia.

Entretanto, um estudo de 2014, publicado na revista Alzheimer’s Research & Therapy, questionou a teoria amiloide. Os investigadores examinaram mais de uma década de ensaios clínicos com medicamentos que tinham como alvo as placas amiloides e descobriram que apresentavam uma taxa de erro de 99,6%.

Desde então, a velha hipótese viral ganhou uma nova vida, e o estudo da Icahn School of Medicine at Mount Sinai, que sugeriu que o ADN e o RNA do vírus do herpes humano eram mais abundantes nos cérebros das pessoas com doença de Alzheimer, sustentou isso mesmo.

Depois de analisados três bancos cerebrais, os cientistas descobriram que os 622 cérebros de pessoas com sinais de Alzheimer tinham o dobro de abundância do vírus herpes do que os 322 cérebros de pessoas sem esta condição neurodegenerativa. Assim, o HHV-6A e o HHV-7 foram fortemente associados à doença de Alzheimer. O HHV-6A e o HHV-7 são vírus extremamente comuns, geralmente assintomáticos.

Além disso, os cientistas conseguiram também provar que os genes humanos e os virais interagiam uns com os outros. Os genes associados ao aumento do risco de Alzheimer eram afetados pelo ADN viral, por exemplo.

“Não podemos afirmar que os vírus do herpes são a principal causa da doença de Alzheimer, mas está claro que estes vírus estão a afetar partes do cérebro ligadas ao Alzheimer”, o geneticista Joel Dudley, um dos autores do novo estudo, publicado recentemente no Neuron.

Mas há ainda outra possibilidade: pode ser que os vírus interajam com o ADN humano e estimulem o crescimento de placas amiloides, fazendo com que as duas teorias estejam, afinal, corretas. No novo estudo, os cientistas descobriram ainda que o vírus do herpes está envolvido em redes que regulam a geração de proteínas amiloides.

Estas descobertas podem abrir portas a terapias inovadoras no futuro. Por enquanto, o tratamento da doença do Alzheimer continua fundamentalmente o mesmo, sem novidades.

PARTILHAR

RESPONDER

Rússia cria comissão para investigar "ingerência estrangeira" na política interna

Criação de uma comissão para investigar a "ingerência estrangeira" na política interna da Rússia acontece depois de várias manifestações contra Putin, que Moscovo diz mostrarem envolvimento ocidental. A câmara baixa do parlamento russo anunciou esta segunda-feira …

Novo planeta gigante detetado a orbitar estrela que dista 63,4 anos-luz da Terra

O novo planeta tem uma massa cerca de três mil vezes maior do que a da Terra e orbita a sua estrela a uma distância quase três vezes superior à que separa o Sol do …

Inaugurada em Lisboa clínica dentária gratuita para jovens até os 18 anos

A Santa Casa da Misericórdia abriu esta terça-feira, em Lisboa, uma clínica de saúde oral, com consultas grátis para todas as crianças e jovens até os 18 anos, que vivam ou estudem dentro do concelho. O …

Família mais rica do mundo enriquece a quatro milhões de dólares por hora

Desde o último boletim de riqueza que a Bloomberg publicou, em junho do ano passado, no seu ranking das famílias mais ricas do mundo, a fortuna dos Walton cresceu 39 mil milhões de dólares, para …

Espanha. PSOE rejeita proposta "inviável" do Podemos para coligação

O Partido Socialista Operário Espanhol (PSOE) rejeitou nesta terça-feira a proposta do Unidas Podemos para uma coligação fovernamental, que considera "inviável", e convidou a plataforma de esquerda a encontrar "outras fórmulas" que facilitem a governabilidade …

Ex-Presidente do Sudão admite ter recebido mais de 80 milhões da Arábia Saudita

O antigo Presidente do Sudão, que foi deposto em abril após vários meses de protestos, começou a ser julgado esta segunda-feira por corrupção. O julgamento por corrupção do ex-Presidente do Sudão, Omar al-Bashir, começou esta segunda-feira e, …

Hong Kong. Funcionário do consulado britânico desaparece após enviar mensagem à namorada a pedir para rezar por ele

A 08 de agosto, Simon Cheng Man-kit, de 28 anos, estava a regressar a Hong Kong depois de ter estado na cidade chinesa Shenzhen. No momento em que, a bordo de um comboio de alta …

Open Arms. Procurador siciliano ordena apreensão do navio e desembarque imediato dos ocupantes

Luigi Patronaggio, o procurador da cidade de Agrigento, na Sicília, ordenou esta terça-feira a apreensão do navio Open Arms e o desembarque imediato dos quase 100 migrantes africanos que este levava a bordo. O jurista, que …

Jovens suspeitos de três homicídios filmaram um “testamento final” com o telemóvel antes de se suicidarem

Bryer Schmegelsky e Kam McLeod, os dois jovens de 18 e 19 anos suspeitos de três homicídios no Canadá e que foram encontrados mortos após duas semanas em fuga, terão filmado um “testamento final” com …

Em resposta a Macron, Putin diz que autoridades agiram para evitar situação igual à dos "coletes amarelos" em França

O Presidente da Rússia Vladimir Putin disse, durante um encontro com o seu homólogo francês Emmanuel Macron, que as autoridades russas agiram para garantir que as manifestações dos seus opositores permanecem dentro "da lei", evitando …