Vídeo filmado por Amber Heard mostra Johnny Depp descontrolado e violento

Johnny Depp surge descontrolado, a dizer palavrões e a atirar uma garrafa e um copo de vinho ao chão num vídeo divulgado por um site de celebridades e que foi filmado por Amber Heard, na cozinha do casal, que está em processo de divórcio, com acusações de violência doméstica.

O vídeo, publicado pelo TMZ, mostra Johnny Depp descontrolado, a atirar as portas dos armários da cozinha com fúria e a dizer palavrões, enquanto Amber Heard vai pedindo desculpa, não se sabe porquê.

Heard parece tentar acalmá-lo, e pergunta-lhe se bebeu quase uma garrafa de vinho inteira durante a manhã.

A modelo e actriz pediu o divórcio do actor, acusando-o de violência doméstica e de consumo excessivo de álcool.

Nas imagens, é possível perceber que Johnny Depp atira um copo cheio de vinho e uma garrafa ao chão, num momento em que parece aperceber-se de que está a ser filmado.

Depp aproxima-se então de Amber Heard, aparentemente para lhe tirar o telefone.

Segundo o TMZ, o vídeo agora divulgado terá sido filmado meses antes do incidente de 21 de Maio, em que Amber Heard alega ter sido agredida pelo actor.

A publicação cita também fontes próximas de Johnny Depp, que argumentam que o vídeo terá sido “fortemente editado”.

Segundo estas fontes, há partes em que a modelo surge “a sorrir e a incitá-lo”, que terão sido removidas, e o vídeo “foi uma completa encenação de Amber“.

O site também acrescenta que as imagens não deverão vir ser aceites como prova em tribunal, porque o actor não sabia que estava a ser filmado.

Entretanto, Amber Heard faltou, pela terceira vez, a uma audiência em tribunal, onde se esperava que fizesse declarações fortes quanto às alegações de violência doméstica contra Johnny Depp.

O TMZ revelou que a atriz justificou a falta com a impossibilidade de conseguir voo a partir de Londres.

O advogado especialista em divórcios Mitch Karpf refere no entanto ao E! News que este pode ser um indício de que os advogados estão “a fazer progressos nos bastidores” e eventualmente, a tentar chegar a um acordo que evite o julgamento.

SV, ZAP

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Mais uma tipo Bárbara Guimarães. Isto desde que as gajas perceberam que há uma caça às bruxas com a violência doméstica, já fazem de tudo para incriminar os gajos. é isso e abuso sexual de menores. quando uma gaja se quer sair bem no divórcio, faz qualquer coisa para tentar provar que o gajo lhe batía e violava os filhos todos diáriamente.

    Não estou a dizer que essas coisas não aconteçam… Estou é a dizer, sem qualquer margem pra dúvida, que o grande aumento de casos desses, se deve às mulheres terem percebido que encenar e caluniar situações dessas é a forma mais fácil de levarem sempre a melhor dos divórcios, e de preferência arruinando a vida ao Ex-Marido, pra facturar com a coisa.

    Epá mas eu estou-me mesmo nas tintas sobre o q é que o gajo faz em casa. Quero saber é dos filmes.

  2. Ninguém pode julgar o Depp. A questão da violência doméstica bem como os direitos dos amimais é uma falácia total de uma sociedade efeminada e dominado pelo lobby gay…

RESPONDER

Fernando Santos admitiu mudanças. Eis as mexidas que podem acontecer no "onze"

Fernando Santos admitiu promover alterações no onze inicial de Portugal frente à França. Eis a equipa que pode entrar em campo logo à noite. A derrota por 2-4 frente à Alemanha, no segundo jogo da fase …

MP pede pena de prisão efetiva entre dois e três anos para Armando Vara

O Ministério Público (MP) pediu, esta quarta-feira, a condenação de Armando Vara a uma pena efetiva próxima dos três anos de prisão por um crime de branqueamento de capitais, do qual foi pronunciado em processo …

Imunidade de grupo poderá ser atrasada. Jovens com mais de 18 anos vacinados a partir de 4 de julho

Henrique Gouveia e Melo, coordenador da task force para o Plano de Vacinação contra a covid-19, admitiu um atraso de até 15 dias na meta de 70% de população vacinada com a primeira dose, devido …

Supremo espanhol ordena libertação imediata dos nove políticos catalães

O Supremo Tribunal espanhol ordenou, esta quarta-feira, a libertação imediata dos nove líderes independentistas catalães condenados pela tentativa separatista de 2017, depois de o Governo ter concedido um indulto por "razões de utilidade pública". Segundo a …

Corona quer sair do FC Porto e tem uma escolha de eleição

Em final de contrato com o FC Porto, Jesús Corona olha para a porta de saída e vê no Sevilha a escolha de eleição para seguir a sua carreira. Jesús Corona termina contrato com o FC …

Índia alerta para variante Delta Plus, já presente em Portugal. É a chamada "mutação nepalesa"

A Índia alertou, esta terça-feira, para uma mutação da variante Delta, chamada Delta Plus, que já terá sido detetada em nove países, incluindo Portugal. O Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge confirma que se …

PS acusa Rui Rio de "incoerência" por criticar Governo após palavras de Merkel

Sobre as críticas de Angela Merkel subscritas por Rui Rio, Ana Catarina Mendes lembra que, "em maio, o PSD criticava o Governo por não ter ainda anunciado a abertura aos voos do Reino Unido". A líder …

Arqueólogos investigam mistério de túmulos reabertos há 1400 anos

Um novo estudo mostra que pessoas que viviam na Europa há cerca de 1400 anos tinham o hábito de reabrir túmulos e retirar de lá certos objetos, algo que os arqueólogos ainda estão a tentar …

O dilema de Costa nas negociações: de um lado a esquerda que quer "destroikar", do outro Centeno que deixa avisos

António Costa vai dar início às negociações sobre o Orçamento do Estado em julho, mas está numa encruzilhada: se, de um lado, tem a esquerda a pressioná-lo com o dossiê do Código do Trabalho; do …

"Dever de neutralidade". Portugal não assinou carta contra a Hungria pelos direitos LGBTI

O Governo de António Costa está a ser duramente criticado por ter recusado subscrever uma carta assinada por 13 Estados-membros da União Europeia (UE) contra a Hungria, na defesa dos direitos LGBTI neste país. O …