Vereador da CDU na Câmara de Cascais detido em protesto

Tiago Petinga / Lusa

-

O vereador da CDU na Câmara de Cascais, detido esta terça-feira quando participava num protesto contra uma obra em São João do Estoril, acusou a polícia de o agredir e de fazer uso excessivo da força.

Em declarações à agência Lusa, Clemente Alves explicou que se encontrava numa ação de protesto a convite de alguns moradores que estão contra a construção de um parque de estacionamento “numa zona de Reserva Ecológica Nacional”, quando chegaram cerca de dez polícias.

“Um graduado da PSP dirigiu-se a mim de uma forma agressiva, instando-me a abandonar o local. Identifiquei-me como vereador, estávamos num protesto pacífico, mas continuou a dizer: ‘saia daqui imediatamente’ e deu-me um primeiro empurrão. Deu-me um segundo empurrão, caí ao chão e um conjunto de agentes policiais algemou-me e levou-me para a esquadra da PSP do Estoril”, relatou o vereador, sublinhando que ele é que foi “agredido” pela polícia.

O vereador da Coligação Democrática Unitária (CDU) na Câmara de Cascais e cabeça de lista por esta coligação nas próximas eleições autárquicas, marcadas para 1 de outubro, foi notificado para comparecer às 09h30 de quarta-feira no Tribunal de Cascais, para ser julgado em processo sumário.

Fonte do Comando Metropolitano de Lisboa (Cometlis) da Polícia de Segurança Pública explicou anteriormente à Lusa que o vereador foi detido por resistência e coação sobre funcionário, por “não obedecer às ordens e resistir” a abandonar o local.

“Os agentes policiais tentaram que o vereador abandonasse o local, mas este tratou mal um polícia, desobedeceu às ordens e resistiu. Foi detido e levado para a esquadra do Estoril”, indicou o Cometlis, acrescentando que a detenção ocorreu cerca das 11h00.

“Não entendo como é que a PSP pode sustentar essa acusação. Não resisti a coisa nenhuma. Apenas interpelei o graduado sobre a presença policial no local e acabei agredido. Eu é que fui agredido, lançado ao chão, manietado e levado algemado para a esquadra. Houve manifestamente uso excessivo da força por parte da polícia”, defendeu Clemente Alves, criticando a “forma agressiva” como os agentes policiais atuaram e o abordaram diretamente assim que chegaram.

Moradores na Quinta da Carreira, em São João do Estoril, “inconformados com o processo de construção clandestino e ilegal de mais um parque de estacionamento pago, junto à estação ferroviária da CP”, marcaram para as 09h00 de hoje uma ação de protesto popular, na qual marcou presença o vereador.

Segundo um comunicado da organização da manifestação, os populares estão contra a continuação dos trabalhos, “que se encontram repletos de diversas anomalias técnicas, jurídicas e contrárias ao interesse da população, a qual, aliás, nunca foi ouvida”.

Em comunicado divulgado em fevereiro, a concelhia da CDU de Cascais referia que o nome de Clemente Alves foi proposto e aprovado por unanimidade para encabeçar a lista da CDU à Câmara de Cascais.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Conselho de Ministros de hoje vai trazer de volta "antigo normal". Restauração abandona certificado

Governo vai reunir no dia de hoje para decidir quais os moldes em que avança a última fase do processo de desconfinamento. Regras só deverão entrar em vigor a partir de 1 de outubro. Após vários …

O que causou um enorme buraco na camada do ozono em 2020? A ciência já pode ter resposta

O grande buraco que se abriu na camada do ozono no ano passado pode ter sido desencadeado por temperaturas recordes, durante o inverno, no oceano Pacífico Norte, indicam novas análises. O enorme buraco, que se formou …

Rio diz que Governo “procura influenciar voto" com “notícia positiva” pré-eleições

O presidente do PSD defendeu que o Governo “se esforçou” por, em cima das autárquicas, dar uma notícia positiva aos portugueses sobre a pandemia, considerando que deveria tê-lo feito há mais tempo ou então só …

Um habitat demasiado perfeito pode ser pior para o acasalamento dos pandas

Apesar de serem necessários habitats para a sobrevivência dos pandas gigantes, estes animais têm uma maior tendência para reproduzir se não houver abundância de recursos. Este ano, as autoridades chinesas disseram que os pandas gigantes deixaram …

Computador quântico ajuda a criar um computador quântico melhor

Um computador quântico foi usado para projetar um qubit aprimorado que poderá alimentar a próxima geração de computadores quânticos mais pequenos, de alto desempenho e mais confiáveis. Da mesma forma que um bit binário é a …

Em apenas três anos, a Austrália perdeu um terço dos seus coalas

A seca, os incêndios florestais e a desflorestação na Austrália levaram o país a perder um terço dos seus coalas nos últimos três anos. A Austrália perdeu cerca de 30% dos seus coalas nos últimos …

Há modelos matemáticos que preveem se uma música vai ser viral — os mesmos utilizados com a covid-19

O uso de modelos matemáticos para antecipar o nível de sucesso de uma música pode começar a ser usado, a partir da publicação do presente estudo, por artistas e editoras para melhorar o desempenho dos …

Alemanha. Funcionário de posto de combustível abatido a tiro por cliente que se recusou a usar máscara

Um homem de 49 anos matou um funcionário de um posto de combustível na Alemanha, após tentar comprar cerveja sem utilizar a máscara. No país, o uso deste equipamento de proteção é obrigatório para entrar …

Um violino gigante flutuou no Grande Canal de Veneza (ao som de Vivaldi)

No passado fim de semana, um violino gigante, com quase 12 metros de comprimento, desceu o Grande Canal de Veneza. A bordo estava um quarteto de cordas, que tocou Four Seasons de Vivaldi. O Noah's Violin …

Assembleia de credores aprova recuperação da Groundforce

Esta quarta-feira, os credores da Groundforce aprovaram a recuperação da empresa. Em causa está uma dívida de 154 milhões de euros. Os credores da Groundforce, reunidos esta quarta-feira em assembleia de credores, no tribunal de Monsanto, …