André Ventura admite “acordo escrito” com o PSD nos Açores

Filipe Farinha / Lusa

O líder do Chega garante que o partido não vai viabilizar um Governo socialista nos Açores, mas está disposto a firmar um “acordo escrito” com o PSD.

Em entrevista à rádio TSF e ao Diário de Notícias, André Ventura declara que a decisão será tomada em articulação entre o Chega Açores e a direção nacional, acrescentando que não pode ser “uma decisão solitária”.

“No Chega, qualquer acordo de viabilização, de coligação, tem de ser aprovado pelo conselho nacional do partido; não pode ser apenas uma decisão solitária do presidente ou dos representantes nessa Assembleia”, afirma o líder do partido.

Ventura diz que os dois deputados regionais eleitos pelo Chega “votarão contra o Governo do PS, portanto, não permitirão que o PS forme Governo”, mas mantém em aberto a possibilidade de viabilizar um Governo à direita, com o PSD.

Questionado sobre se haverá um acordo escrito para viabilizar esta coligação, o também  deputado da Assembleia da República admite que até prefere esta opção.

“Agora, não me peçam para viabilizar um Governo socialista. Isso é pedir-me o impossível. Se o CDS quiser, ou estiver muito desejoso de fazer esse papel, faça-o. Depois, a nível nacional vamos ver as consequências disso”, atira.

O presidente do Chega confirma que uma das exigências que faz ao PSD, a propósito dos Açores, é que vá a jogo na revisão constitucional, que os sociais-democratas já disseram que iam chumbar.

No entanto, Ventura considera que “há uma mudança de atitude”, logo, as coisas podem mudar. “O PSD há uns meses dizia que nem pensar, não ia a jogo, não iria dar força a um projeto do Chega; agora admite que isso seja possível”.

“Nós não queremos que o PSD apoie as nossas propostas de revisão constitucional. Quero é que venham a jogo como num Estado democrático (…). Não estamos a pedir ao PSD nada de especial, estamos a pedir que venham com propostas“, acrescenta.

Nas eleições regionais nos Açores, o PS voltou a vencer, mas perdeu a maioria absoluta. O resultado pode originar uma espécie de geringonça entre PSD, CDS, Chega, PPM e Iniciativa Liberal.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Ai e tal… “Coligações com partidos do sistema nunca!…” – haverá bandalho vendido com menos palavra que este?

  2. Hoje a politica toda ela está composta só por cata ventos, hoje dizem uma coisa amanhã outra e o que disseram antes deixou de ter qualquer validade.

RESPONDER

Já pode "adotar" um pedaço de Notre-Dame para ajudar na sua reconstrução

Uma organização está a dar a oportunidade de o público ajudar na reconstrução de artefactos específicos da catedral de Notre-Dame, em França, que foi parcialmente destruída por um incêndio em 2019. De acordo com a cadeia …

Proporção divina identificada na gerbera

Descobrir como se formam os padrões distintos e omnipresentes das cabeças das flores tem intrigado os cientistas há séculos. Quando se pede a alguém que desenhe um girassol, quase todas as pessoas desenham um grande círculo …

Audi apresenta o novo Q4 e-tron que traz uma autonomia até 520 km

Ainda antes do verão, a Audi vai colocar no mercado o seu primeiro SUV elétrico concebido de raiz e não adaptado a partir de uma plataforma concebida para motores a combustão. O Q4 e-tron destaca-se pela …

Vanuatu em alerta depois de um corpo com covid-19 ter dado à costa

Vanuatu proibiu viagens de e para a sua principal ilha três dias depois de ter dado à costa um corpo de um pescador filipino, que testou positivo à covid-19. De acordo com a Radio New Zealand, …

Cientistas russos querem criar a primeira vacina comestível contra a covid-19

O Instituto de Medicina Experimental de São Petersburgo, na Rússia, anunciou o seu plano de concluir dentro de um ano os testes pré-clínicos da primeira vacina comestível do mundo contra o novo coronavírus. Em entrevista à …

Em plena crise política, o país mais pobre das Américas ainda não recebeu nenhuma vacina

Numa altura em que a maior parte dos países já têm o processo de vacinação a decorrer, o governo do Haiti ainda não garantiu uma única dose da vacina contra o coronavírus. O país mais pobre …

Afinal, Leonardo da Vinci não esculpiu o busto de Flora

Está terminada a controvérsia que durou mais de cem anos após a aquisição do Busto de Flora em 1909, por Wilhelm von Bode. A datação por radiocarbono revelou, recentemente, que a obra não foi …

Crise climática "implacável" intensificou-se em 2020, diz relatório da ONU

Houve uma intensificação "implacável" da crise climática em 2020, com a queda temporária nas emissões de carbono devido ao confinamento a ter um impacto pouco significativo nas concentrações de gases de efeito de estufa, revelou …

Já se sabe o que causou a misteriosa "tempestade de asma", que vitimou dez pessoas em 2016

Em 2016, na cidade de Melbourne, aconteceu o evento de "tempestade de asma" mais grave do mundo. Os cientistas descobriram agora o culpado. No dia 21 de novembro de 2016, as urgências de um hospital em …

Carlos César reivindica papel do PS na construção da democracia e no combate à corrupção

O presidente do PS defendeu, esta segunda-feira, que se deveu ao seu partido o aprofundamento da democracia e os avanços no combate à corrupção, embora admitindo desvios", "erros" e "omissões num ou outro momento da …