Ventiladores comprados à China custaram 1,3 milhões. Autarquias algarvias vão pedir devolução do dinheiro

Massimo Percossi / EPA

Os 30 ventiladores comprados à China seriam usados nos hospitais do Algarve, mas os equipamentos não funcionam. Os autarcas vão agora exigir devolução do dinheiro.

De acordo com a edição do jornal Público deste domingo, o Centro Hospitalar Universitário do Algarve (CHUA) pediu uma auditoria às contas do Algarve Biomedical Center (ABC), consórcio de que faz parte juntamente com a Universidade do Algarve.

O diário destaca que, de entre as dúvidas, destaca-se a aquisição de 30 ventiladores à China, que custaram 1,3 milhões euros, e não funcionam. O financiamento foi assegurado pelas 16 câmaras da região, através da Comunidade Intermunicipal do Algarve (Amal).

Agora, a Amal entende que devem ser acionadas as cauções bancárias para que o dinheiro seja devolvido às autarquias. “Existe consenso para exigir a devolução do dinheiro“, uma vez que os aparelhos revelaram ter problemas técnicos inultrapassáveis, explicou António Pina, presidente da Amal, ao Público.

Assim que foi detetada a anomalia, os fornecedores “tentaram resolver remotamente o problema”, mas não conseguiram. Os técnicos chineses ainda se deslocaram ao Algarve, mas o problema subsistia.

“O equipamento não cumpre todos os critérios [de segurança]. Cumpre alguns, mas não todos”, disse António Pina, acrescentando que “resta acionar as cauções bancárias” para reverter o dinheiro investido.

Horácio Guerreiro, representante do CHUA, adiantou ao Público que a região “dispõe de alguma reserva em ventiladores e camas nos Cuidados Intensivos para doentes covid e tem capacidade de ampliar o número de camas”, no que diz respeito à reposta do SNS à crise pandémica.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. É made in China, queriam o quê? Claro que isto é uma vergonha, mas como é a “querida” China demora-se mais tempo a reclamar (porque existem grandes negócios e conveniências) enquanto vários infetados morrem internados.

RESPONDER

Várias escolas de Tóquio pedem "certificados de cabelo real" aos alunos

As escolas japonesas são conhecidas pela sua rigidez relativamente à aparência dos seus alunos, tanto que os estudantes que não seguem o padrão de "cabelo liso e preto" têm de apresentar provas. Dados divulgados, esta semana, …

UE estima normalidade nas vacinas daqui a duas semanas. Orbán recebeu vacina chinesa

A União Europeia (UE) estima que dentro de duas a três semanas "tudo vai funcionar normalmente" na produção e distribuição de vacinas nos Estados-membros. Entretanto, o primeiro-ministro húngaro já foi vacinado (mas com uma vacina …

"Os dados de milhões de pessoas estão em risco", alertam denunciantes da Amazon

Denunciantes da Amazon alertam que os dados de milhões de pessoas estão em risco devido à falta de preocupação da empresa com a cibersegurança. A par da Google, Apple, Microsoft e Facebook, a Amazon é uma …

Mais 41 mortes e 718 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas

Portugal registou, este domingo, mais 41 mortes e 718 novos novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 718 …

Navalny chega a colónia penal a leste de Moscovo

O principal opositor do Kremlin chegou, este domingo, a uma zona a cerca de 200 quilómetros a leste de Moscovo para ser transferido para uma colónia penal onde vai cumprir a sua pena, informou um …

Já chegou o voo de repatriamento com 300 passageiros vindos do Brasil

O voo de repatriamento vindo do Brasil chegou, este domingo de manhã, ao Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, com cerca de 300 passageiros. De acordo com a RTP, o voo de repatriamento vindo de São Paulo, …

Costa imune ao descontrolo da pandemia. Popularidade de Marcelo dispara

A sondagem TSF/JN/DN regista uma avaliação positiva do primeiro-ministro e do Presidente da República, com este a atingir um novo pico de popularidade. Os líderes do PSD e do Chega surgem empatados como principais figuras da …

Mais seis mortos nos protestos em Myanmar. Embaixador na ONU afastado

Seis manifestantes foram mortos em Myanmar, este domingo, por forças de segurança que dispersavam com violência as manifestações pró-democracia. Três manifestantes foram mortos em Dawei (no sul do país), enquanto dois adolescentes, de 18 anos, morreram …

Siza Vieira anuncia que Programa Apoiar vai ser reforçado e alargado

O programa Apoiar, destinado a empresas afetadas pela pandemia da covid-19, vai ser reforçado e alargado a novas situações, anunciou o ministro da Economia, indicando que as medidas vão ser anunciadas na próxima semana. "Queremos reforçar …

Embaixadora deixa Venezuela na terça-feira. UE chama embaixador em Cuba

A embaixadora da União Europeia na Venezuela vai sair do país na terça-feira, informou à agência Lusa fonte diplomática europeia, sem adiantar mais detalhes. Na última quarta-feira, a Venezuela decidiu expulsar Isabel Brilhante Pedrosa, em retaliação …