Veiga pediu a Rangel cunha para o filho entrar na Católica

José Sena Goulão / Lusa

O ex-empresário de futebol José Veiga

Rui Rangel terá prometido financiamento partidário a Mendo Castro Henriques – presidente do partido Nós, Cidadãos e professor na Universidade Católica – da parte de José Veiga em troca da entrada do filho no curso de Gestão da instituição.

Na Operação Lex, Rui Rangel é acusado de ter prometido vários favores a José Veiga. Segundo a edição desta segunda-feira do Jornal de Notícias, o ex-juiz desembargador terá pedido a dois professores da Universidade Católica para que garantissem a entrada de um filho do empresário no curso de Gestão.

À margem das suas funções de magistrado, Rangel terá contactado os professores Mendo Castro Henriques e Gustavo da Cunha, em 2013. Além de docente, Castro Henriques é também presidente do partido Nós, Cidadãos.

De acordo com o JN, o ex-juiz terá fornecido os dados do filho de José Veiga, prometendo financiamento partidário ao Nós, Cidadãos por parte do empresário. A prova desta troca surge numa mensagem de texto de 14 de agosto de 201, um dia após receber uma mensagem de Veiga com os dados do filho.

O relatório da Polícia Judiciária (PJ) avança que, no dia 15, Rangel tranquilizou Veiga: “Amigo, já tratei do assunto que me pediu com o responsável máximo da instituição. Penso que vai correr bem. Mas só amanhã tenho a confirmação.”

A candidatura do estudante foi validada, mas a investigação da PJ refere que “não foi instruída com os documentos necessários, pelo que o candidato veio a ser excluído por falta de dados”.

A investigação concluiu que o juiz praticou “atos com vista a interceder junto de funcionários da instituição de utilidade pública” que devem ser relevados, “não obstante o [seu] insucesso”, por terem coincidido com o período, de agosto a setembro de 2013, em que Veiga transferiu 250 mil euros para a “órbita de Rui Rangel”.

À PJ, Mendo Castro Henriques disse “não se recordar” do teor da mensagem em que o juiz lhe pedira a cunha e garantiu que “não desenvolveu qualquer ato para dar seguimento ao pedido de Rui Rangel, classificando o mesmo como inadequado”. O Ministério Público considerou que o professor “não deu qualquer sequência” ao pedido.

Rui Rangel está acusado de corrupção passiva para ato ilícito, abuso de poder, recebimento indevido de vantagem, usurpação de funções, fraude fiscal e falsificação de documento. Já José Veiga está acusado de corrupção ativa para ato ilícito.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Numa entrevista ao director do Centro de Estudos Judiciários, publicada em 2018, foi definido o perfil médio dos admitidos ao CEJ: 32 anos, mulheres na sua maioria. Consultei os requisitos para ingresso no Centro. Fiquei completamente esclarecido, apesar de, antes desses conhecimentos, não ter muitas dúvidas quanto à falta de capacidade da maioria dos membros do Ministério Público. Daí a minha convicção que o MP é o “dark side” da justiça. Existe um sindicado dos magistrados (procuradores), é essa anomalia sindical que manda no MP, não a PGR.

  2. A máfia portuguesa, tal como os cartéis da droga um pouco por todo o mundo, não desistem. Provavelmente são o rastilho para uma grande explosão social… porque, desde as escolas e universidades que aparentemente funcionam muito bem, até às empresas e função pública, só os filhos da máfia chegam ao topo, que é o velho modo de a máfia se perpetuar. Até quando?

RESPONDER

Pure Skies. Empresa desenha cabines dos aviões do pós-pandemia

Desde o início da pandemia, os especialistas têm testado diferentes maneiras de alcançar o distanciamento social em aviões, embora com pouco sucesso. Agora, há uma empresa que está a levar esta ideia até ao próximo …

OE2021. Bloco de Esquerda vota contra na generalidade

O Bloco de Esquerda vai votar contra a proposta do Orçamento do Estado para 2021 na generalidade, anunciou a coordenadora do partido, Catarina Martins. Em declarações aos jornalistas, a bloquista confirmou este domingo que o …

PS ganha eleições nos Açores sem garantia de maioria absoluta

O PS voltou a ganhar as eleições regionais dos Açores, obtendo entre 37% e 41%, o que não garante a maioria absoluta, segundo a projeção à boca das urnas realizada este domingo pela Universidade Católica …

Extinção da fauna em Madagáscar pode dever-se à presença humana (e a mudanças climáticas)

Grande parte da fauna de Madagáscar e das ilhas Mascarenhas foi eliminada durante o último milénio. Neste sentido, uma equipa de cientistas analisou um registo do clima nos últimos 8000 anos nas ilhas. O resultado …

PAN vai abster-se na generalidade. OE mais próximo da aprovação

O partido Pessoas-Animais-Natureza (PAN) vai abster-se na votação na generalidade da proposta de Orçamento do Estado para 2021 (OE2021) na próxima quarta-feira, anunciou a líder parlamentar do partido, Inês Sousa Real. Com a abstenção dos três …

O passado tóxico fica para trás. Asbestos, a cidade "amianto", mudou de nome

A cidade canadiana Asbestos (que significa amianto) ganhou um novo nome, quase 11 meses após o anúncio da votação. Wuase metade dos cerca de 6 mil residentes da cidade canadiana marcaram presença numa votação organizada num …

Menino de 12 anos encontra fóssil de dinossauro com 69 milhões de anos

Nathan Hrushkin, aspirante a paleontólogo de 12 anos, encontrou o fóssil de um dinossauro enquanto passeava com o pai em Alberta, no Canadá. Depois de enviarem uma fotografia ao Museu Royal Tyrrell, ficaram a saber …

Autarca de Cascais associa festa privada de luxo a “número muito expressivo” de casos

O presidente da Câmara Municipal de Cascais associou este sábado uma festa privada, organizada num clube de luxo na Avenida de Liberdade, a "um número muito expressivo de casos" registado no concelho. "A festa de aniversário …

João Almeida acaba em 4.º e faz história no Giro. É o melhor português de sempre na prova

O português João Almeida (Deceuninck-QuickStep) subiu este domingo ao quarto lugar final da 103.ª edição da Volta a Itália em bicicleta, no contrarrelógio da 21.ª etapa, que 'coroou' o britânico Tao Geoghegan Hart (INEOS). O português …

Santo Stefano paga 8.000 euros por ano a quem quiser viver na vila medieval italiana

Santo Stefano di Sessanio, uma vila medieval em Abruzzo, uma região no lado leste do centro-sul da Itália, está disposta a pagar a quem quiser mudar-se e começar um negócio nesta pequena localidade. Uma pequena vila medieval …