Vacinação para maiores de 45 anos arranca hoje (mas já esteve aberta por 1 hora)

António Cotrim / Lusa

O portal de agendamento das vacinas esteve aberto, durante alguns minutos, nesta sexta-feira de manhã, para a marcação para pessoas com mais de 45 anos, mas foi um erro. A vacinação para esta faixa etária só arranca a partir da tarde.

O site onde é feito o agendamento das vacinas anunciou, durante a manhã, a abertura da marcação para as pessoas com mais de 45 anos. Mas a opção só esteve disponível durante cerca de uma hora, pois foi um erro, segundo apurou a TVI24.

Apesar disso, “várias pessoas nessa faixa etária conseguiram fazer o agendamento“, aponta o Público.

A abertura oficial do processo de vacinação dos maiores de 45 anos só vai acontecer, contudo, durante a tarde. Não se sabe, assim, se o agendamento feito por aquelas pessoas será válido.

O Público acrescenta que as primeiras vacinas na faixa etária entre os 45 e os 49 anos estão a ser agendadas para dia 14 deste mês.

O agendamento da vacinação para os maiores de 40 anos arranca no próximo domingo, 6 de Junho.

Neste momento, já está a decorrer a vacinação das pessoas com mais de 50 anos.

Entretanto, o coordenador da task force para o plano de vacinação anunciou que vai ser criada uma “casa aberta” para chegar às pessoas acima dos 70 anos que ainda não foram vacinadas. Essas pessoas poderão, assim, ser vacinadas sem marcação.

OMS não recomenda vacinação de crianças (para já)

A task force está também a estudar a forma como vão ser vacinados os imigrantes ilegais, além de estar a estudar as vantagens e os riscos de imunizar as crianças e jovens.

A especialista em vacinas da Organização Mundial da Saúde (OMS), Kate O’Brien, aponta que vacinar as crianças contra a covid-19 não é uma prioridade perante a escassez de doses.

Assim, a OMS defende que as crianças não devem ser o foco dos programas de imunização, mesmo com um número crescente de países ricos a autorizar a vacinação contra o coronavírus em adolescentes e crianças.

“As crianças têm um risco muito baixo de contrair a covid“, nota O’Brien que é pediatra e directora do departamento de vacinas da OMS. Para a responsável, a justificação para imunizar crianças era interromper a transmissão, em vez de protegê-las de adoecer ou morrer.

O’Brien afirma que é fundamental garantir que os profissionais de saúde e os idosos, ou aqueles com doenças subjacentes, sejam vacinados antes de adolescentes e crianças.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Os planetas formam-se em sopas orgânicas — e não há duas iguais

Uma série de novas imagens revela que os planetas formam-se em sopas orgânicas — e não há duas sopas iguais. Astrónomos mapearam os produtos químicos dentro dos berços planetários com detalhe extraordinário. Os mapas revelam a …

O Hawaii quer remover a sua "escadaria para o paraíso" - e a culpa é dos turistas

Em causa estão preocupações com a segurança e vandalismo, que têm aumentado com a explosão de popularidade da escadaria Ha‘ikū nas redes sociais. É caso para dizer que a Stairway to Heaven vai para o inferno …

Inventou o ZX Spectrum e mudou o mundo. Morreu Clive Sinclair

O empresário britânico e inventor do computador doméstico ZX Spectrum, Clive Sinclair, morreu hoje aos 81 anos na sua casa, em Londres (Reino Unido), devido a doença prolongada, informou a filha ao jornal “The Guardian”. Morreu …

Esta torre construída na Suécia não é gigante em altura, mas em sustentabilidade

Para além de ser feito de um material sustentável — fornecido por florestas locais com gestão consciente e transformado por uma serração nas proximidades, o Centro Cultural dispõe de múltiplas tecnologias que fazem dele mais …

Empresa canadiana debaixo de fogo por publicar anúncios de emprego destinados a não vacinados

Uma empresa de canoagem, sediada no Canadá, está debaixo de fogo depois de ter colocado anúncios de emprego destinados, exclusivamente, a pessoas não vacinadas contra a covid-19. "Por favor, NÃO se candidate se tiver tomado quaisquer …

Disparam ataques a jornalistas. Bruxelas insta países da UE a aumentar proteção

Os países da União Europeia (UE) foram instados por Bruxelas a tomar medidas para proteger os jornalistas, após um aumento no número de ataques a membros da imprensa. A Comissão Europeia exortou os governos a criarem …

Facebook e Google criticados por anúncios de "reversão do aborto"

O Facebook já veiculou anúncios de "reversão do aborto" 18,4 milhões de vezes desde janeiro de 2020, de acordo com um relatório do Center for Countering Digital Hate (CCDH), promovendo um procedimento "não comprovado, antiético" …

Líder militar dos EUA temeu que Trump iniciasse guerra nuclear com a China - e chegou a ligar aos chineses

As revelações aparecem em Peril, o novo livro de Bob Woodward e Robert Costa sobre os bastidores da Casa Branca. Trump já respondeu. O General Mark Milley, o chefe do Estado-Maior das Forças Armadas dos EUA, …

França suspende 3.000 profissionais de saúde que recusaram vacina contra covid-19

A França suspendeu 3.000 profissionais de saúde sem remuneração por se recusarem a tomar a vacina contra a covid-19, revelou o ministro responsável pela pasta, Olivier Véran. Segundo Véran, citado esta quinta-feira pelo Guardian, "várias dezenas" …

Austrália, Reino Unido e EUA assinam pacto de defesa para conter China

A Austrália, os Estados Unidos (EUA) e o Reino Unido anunciaram o "Pacto de Aukus", que visa frente às pretensões territoriais da China no Indo-Pacífico e envolverá a construção de uma frota de submarinos com …