“Fora com os pretos”. Universidades e escolas de Lisboa vandalizadas com mensagens racistas

Iara Sobral / Twitter

Mensagem de teor racista na Escola Secundária António Damásio, em Lisboa.

Várias universidades e escolas secundárias da região de Lisboa foram vandalizadas com mensagens de teor racista e xenófobo. “Viva a Europa Branca” ou “Fora com os pretos” são algumas das frases escritas.

Várias pessoas denunciaram esta sexta-feira a presença de graffiti de teor racista em paredes e fachadas de múltiplas universidades e escolas públicas em Lisboa. Os ataques foram feitos nas entradas das escolas secundárias da Portela e de Sacavém, na Escola Secundária António Damásio, nos Olivais, e ainda na Universidade Católica Portuguesa e no Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE), escreve o Público.

As frases escritas fazem apelo à supremacia branca e visam as comunidades negra e cigana, assim como cidadãos de nacionalidade brasileira. Imagens das mensagens racistas e xenófobas foram partilhadas pelas redes sociais.

“Por uma Católica sem escarumbas”, “Viva a raça branca”, “Viva a Europa Branca” ou “Fora com os pretos” são algumas das frases escritas nas várias instituições de ensino.

Em comunicado, a Católica já reagiu ao incidente, condenando o vandalismo por atentar “contra os princípios basilares do que a universidade enquanto espaço de abertura e diálogo representa e reafirma que continuará, firmemente, a desenvolver a sua ação educativa assente no respeito pela dignidade da pessoa, nos valores da liberdade e do diálogo, rejeitando qualquer forma de discriminação social, de raça ou sexo, e pugnando sempre pela inclusão e coesão sociais em prol do bem comum da sociedade”.

À revista Sábado, a UCP confirma que avançou com uma queixa junto do Ministério Público, esta sexta-feira.

É “um ataque direto à universidade e aos seus valores” e impugna a “discriminação com base em raça, género ou outros fatores”, considera a reitora da UCP, Isabel Capeloa Gil. Como tal, já procedeu à limpeza das paredes.

Todos os graffiti têm em comum o teor da mensagem, acompanhada por um símbolo idêntico ao do movimento de extrema-direita Geração Identitária, realça a TVI24.

“Na faculdade, no trabalho, na rua ou em casa. Esta luta é de todos. Por uma sociedade plural em que não haja espaço para demonstrações de ódio deste tipo. Lutar contra este monstro é um dever. Orgulhosamente preto e estudante universitário”, escreveu um estudante do ISCTE em reação às mensagens.

“Este tipo de ações são repugnantes e vão contra todos os nossos valores”, escreve a Associação de Estudantes do ISCTE, salientando que “atos racistas não podem ser tolerados ou confundidos com liberdade de expressão”.

ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. O facto de ter sido na Católica é bastante esclarecedor…
    Também é curioso ver alguém supostamente capaz de raciocinar generalizar um acto destes a todo um país!…

  2. Quem escreve aquilo deve estar cansado de aturar e de ver muitas provocacoes… as vezes apetece repostar, ja vi tanta porcaria que falando, voces nem acreditariam de tanto brutalidade das minorias… mas fico com elas e ouvir tanta mas tanta asneiras e gente parvas a criarem organizacoes e mais associacoes para defender A ou B…. anda tudo louco, parvo ou nao ‘e tolerante este pais…. recebe turistas do melhor que ha…. recebe emigrande do CPLP entre outro… somos racistas… racistas e xenofobia nao existe na forma grave…. mas se formos aprofundar questao, claro que existe em todos os paises….um branco em africa ‘e tratado com lixo, um preto na europa ‘e tratado bom demais….nao venham com opinioes e justificacoes sem sentido….quem vive fora do pais nem sempre ‘e bem tratado…ja perceberam ou precisam de um filme…. xenofobia e racismo existio e vai existir sempre porque ‘e forma quase inconsciente de olharmos a difrenca… nao venham com opinioes de gosto ou nao, ficam com ela….obrigado…

  3. Portugal é um país racista. E quem disser o contrário é porque não conhece o país. O Ventura é resultado dessa cultura. O facto de ter ganhado no Alentejo muitas autarquias ao PCP é bem ilustrativo disso. Quem não perceber esse fenómeno, não conhece a realidade do país.
    Não estou a dizer que somos mais ou menos racistas que outros povos. Mas que somos, somos. Não tenham qualquer dúvida. Contem lá os pretos, ciganos,… que temos como médicos, adogados, deputados, governantes, autarcas… E isso é apenas uma pequena amostra.
    Pessoalmente nem conheço nenhum autarca preto (Eu uso o termo preto e não negro. Tenho amigos pretos e sempre me disseram que são pretos. Quando se diz negro parece que não se quer dizer preto porque isso seria inferiorizar a pessoa, quando no fundo é o que a pessoa é. Eles dissem que eu sou branco. Efetivamente, não sou claro. Prefiro branco).

    • Ah??
      Que confusão vai nessa cabecinha!…
      O Chega ganhou autarquias???
      Grande sonho esse…
      O que tem o número de pretos (ou ciganos) médicos, autarcas, etc, a ver com racismo??
      Não sei se já reparaste, mas a Ministra da Justiça de Portugal é preta e, nunca ouvi nada contra ela!
      Além disso, estamos na Europa, cujos povos originários são, obviamente, brancos.
      Eu não conheço nenhum autarca pessoalmente – nem branco; quanto mais preto!!
      .
      “Mas que somos, somos. Não tenham qualquer dúvida.”
      Falas de ti e dos teus, naturalmente…
      .
      Num sentido oposto ao teu discurso e, há apenas 2 dias:
      “Portugal é dos 10 países com melhores políticas de integração de migrantes”
      zap.aeiou.pt/portugal-10-paises-politicas-integracao-migrantes-356142

RESPONDER

Sporting 2-1 Moreirense | JackPote rende pontos ao “leão”

O “Leão” soma e segue na liderança do campeonato, depois de vencer o Moreirense por 2-1, graças a um bis Pedro Gonçalves. Neste sábado, na recepção ao Moreirense, num embate relativo à oitava jornada, sofreu, mas conseguiu …

Raro crustáceo parasita descoberto na boca de um tubarão em exibição num museu

Uma equipa de cientistas descobriu uma espécie extremamente rara de Cymothoidae na boca de um espécime de tubarão capturado no Mar da China Oriental e agora em exibição num museu. Os Cymothoidae são uma família de isópodes …

Série da Netflix faz disparar venda de jogos de xadrez nos Estados Unidos

A série "The Queen’s Gambit", da plataforma de streaming Netflix, que retrata a ascensão de uma jovem jogadora de xadrez na década de 1950, fez disparar as vendas deste jogo de tabuleiro nos Estados Unidos. …

Novo comité central do PCP eleito com 98,5%

O novo comité central do PCP foi este domingo eleito no XXI congresso nacional dos comunistas, em Loures, com 98,5% dos votos. Dos 611 delegados, 602 votaram a favor, seis abstiveram-se e três votaram contra na …

Elefante salvo de um poço profundo na Índia. Resgate durou 14 horas

Uma equipa de 50 pessoas ajudou a salvar um elefante que tinha caído num poço profundo em Dharmapuri, no sul da Índia. Moradores locais atiraram folhas de bananeira para o animal comer antes de ser …

Santa Clara 0-1 Porto | Magia de Díaz resolve jogo pobre

Missão cumprida. O Porto viajou até aos Açores para defrontar o Santa Clara e leva na bagagem os três pontos. Mas não o conseguiu com brilhantismo, longe disso. A eficácia foi a palavra de ordem, num …

Raro pinguim totalmente branco encontrado nas Ilhas Galápagos

Um raro pinguim com o corpo totalmente "pintado" de branco foi encontrado no arquipélago das Galápagos, no Equador. Em comunicado, o Parque Nacional das Galápagos detalha que o raro espécime foi encontrado enquanto um guia fazia …

A China tem 8 milhões de cegos, mas apenas 200 cães-guia. Há uma razão

A China tem 8 milhões de cegos, mas apenas 200 cães-guia. As cidades populosas, as vias não adaptadas, as poucas escolas de treino e a própria população são entraves à existência destes companheiros (e verdadeiros …

Governo das Ilhas Salomão quer banir o Facebook para preservar a União Nacional

O Governo das lhas Salomão quer banir temporariamente a rede social Facebook numa tentativa de combater o cyberbullying e a difamação, alegando que a plataforma está a "minar" a União Nacional. A decisão, que já …

Sob o nariz dos militares norte-coreanos, ex-ginasta salta muro de 3 metros e foge para a Coreia do Sul

Um homem norte-coreano que queria escapar da sua terra natal deu um salto de quase três metros num muro no início deste mês. O salto, que ocorreu sob os narizes dos soldados, trouxe-o para a …