Uma ano e meio após ser roubada, porta do Bataclan (e obra de Banksy) é encontrada em Itália

A obra que o artista de rua britânico Banksy pintou na entrada do teatro Bataclan, em Paris, em homenagem às vítimas do ato terrorista de novembro de 2015 reapareceu numa cidade de Itália.

Um polícia de Teramo confirmou que as autoridades daquela cidade italiana recuperaram “a porta roubada do Bataclan”, na qual Banksy pintou “uma jovem triste”, graças a uma operação conjunta que realizaram com a polícia de França.

Este trabalho é parte de uma série de murais atribuídos a Banksy que apareceram em Paris em junho de 2018 e foram desmontados por estranhos e levados numa carrinha em janeiro do ano seguinte.

Em 13 de novembro de 2015, membros do grupo terrorista do Estado Islâmico cometeram seis ataques coordenados em Paris que mataram 130 pessoas. Durante esses ataques, os autores causaram várias explosões perto do Stade de France, bem como tiroteios em três restaurantes, um centro comercial e o teatro Bataclan.

Algumas obras que o artista britânico realizou na capital de França, como as que lidam com questões relacionadas com a imigração, foram vandalizadas. As autoridades locais instalaram telas para protegê-las.

Esta não foi a única vez que um mural de Banksy é roubado em Paris. Em 2019, uma obra de Banksy que se encontrava junto ao Centro Pompidou, em Paris, foi roubada. Nesse mesmo ano, uma obra que representava uma crítica ao Brexit, com um homem a partir uma das estrelas da bandeira da União Europeia, desapareceu do edifício onde estava pintado.

A identidade de Banksy permanece um mistério, mas os seus trabalhos têm alcançado valores elevados em leilões. Em outubro de 2018, uma obra de Banksy destruiu-se depois de ser vendida por 1,04 milhões de libras (1,18 milhões de euros) na leiloeira londrina Sotheby’s. O próprio autor divulgou uma fotografia no momento em que o quadro “Girl with balloon” se desfazia em tiras ao passar por uma trituradora de papel instalada na parte inferior do quadro.

As obras de arte de Bansky refletem temas como a guerra, a pobreza infantil e o meio ambiente. Os seus trabalhos são satíricos – ratos, polícias a beijarem-se, polícias de choque com caras de ‘smileys’ amarelos – e apareceram inicialmente em paredes de Bristol, antes de se espalharem por Londres e depois pelo resto do mundo.

ZAP //

 

 

PARTILHAR

RESPONDER

Portugal está "numa terceira fase de crescimento" da pandemia, avisa epidemiologista

"Estamos numa terceira fase de crescimento" de novos casos de covid-19, garante Baltazar Nunes, epidemiologista do Instituto Nacional de Saúde Dr. Ricardo Jorge. O número de novos casos voltou a aumentar esta sexta-feira, batendo o recorde …

Áustria corrige Trump. Os seus cidadãos não vivem em florestas

O Governo austríaco decidiu corrigir a afirmação do Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que afirmou que as pessoas naquele país europeu vivem em "cidades da floresta". Trump referiu recentemente a Áustria e outros países europeu …

UE em rota de colisão com a Polónia. Em causa estão os crimes de ódio

A relação entre a União Europeia e a Polónia está cada vez mais comprometida. As duas partes têm chocado no que toca à discussão dos crimes de ódio. No seu primeiro discurso sobre o estado de …

Leixões nega ter colocado adeptos na bancada a ver um jogo

Episódio aconteceu numa partida de voleibol em Gondomar. Presidente garante que jovens pertencem aos órgãos sociais do clube, Federação não confirma a identidade à entrada. A Supertaça de voleibol começou, no Grupo B, com o duelo …

Ventura quer ser Sá Carneiro do século XXI e ter juventude partidária

O presidente do Chega vai apresentar-se este fim de semana em Évora para a II Convenção Nacional do partido populista de direita como “o principal continuador em Portugal” de Sá Carneiro, o falecido líder fundador …

Alemanha tem provas materiais de que Maddie está morta

As autoridades alemãs têm provas materiais de que Madeleine McCann está morta, garante o porta-voz da Procuradoria de Braunschweig, Hans Christian Wolters, à RTP. Apenas está por provar o envolvimento de Christian Brueckner no homicídio …

BE quer que direito das grávidas a acompanhante seja respeitado

O Bloco de Esquerda (BE) quer que as normas da Direção-Geral da Saúde (DGS) sobre gravidez e parto no âmbito da covid-19 sejam revistas para que o direito das mulheres grávidas a estarem acompanhadas seja …

Proposta do PCP para passar Novo Banco para esfera pública foi chumbada

A recomendação ao Governo proposta pelo PCP para reverter da venda do Novo Banco, transferindo-o para a esfera pública, foi hoje chumbada no parlamento com os votos contra de PS, PSD, CDS-PP, PAN, Iniciativa Liberal …

Trump ataca voto por correspondência. Resultados podem não ser "determinados de forma precisa"

O Presidente dos EUA, Donald Trump, reforçou na quinta-feira no Twitter os ataques ao voto por correspondência nas eleições de novembro, ao que a rede social reagiu ligando duas das suas mensagens a informação verificada …

Quatro candidatos disputarão sucessão de Santana no Aliança

O novo líder do Aliança, que sucederá ao fundador do partido, Pedro Santana Lopes, vai ser escolhido entre quatro candidatos no próximo congresso nacional, agendado para 26 e 27 de setembro em Torres Vedras. Segundo noticiou esta …