Um terço dos portugueses no Reino Unido falha requisitos exigidos a extracomunitários

Um terço dos portugueses que residem no Reino Unido não preencheria os requisitos impostos aos imigrantes extra-comunitários, afirmou hoje em Londres o secretário de Estado das Comunidades Portuguesas.

“Se se aplicassem hoje as regras que são aplicadas a cidadãos exteriores da União Europeia, um terço dos portugueses não teria condições para poder permanecer no Reino Unido”, revelou José Luís Carneiro.

O governante acrescentou que esta situação é semelhante à de muitos outros europeus, indicando que dois terços dos cerca de três milhões de europeus também não preenchem os requisitos atuais de rendimento anual de 20.800 libras (24.500 euros) e qualificações superiores, além de conhecimentos avançados da língua inglesa.

O secretário de Estado falava no consulado-geral de Londres, onde veio hoje anunciar um reforço de pessoal e serviços para responder ao aumento da procura, em parte devido aos pedidos de informação que surgiram na sequência do referendo que determinou a saída britânica da União Europeia.

A questão surgiu após um apelo do eleito local da zona de Stockwell, no sul de Londres, Guilherme Rosa, para que o governo português se prepare caso as autoridades britânicas endureçam as exigências para atribuir residência a cidadãos europeus.

“Há muitas pessoas que vivem na total dependência do sistema de ajudas [sociais], que não sabem inglês e nunca trabalharam. Estão muito vulneráveis se as leis se tornarem mais rígidas”, vincou.

Guilherme Rosa sugeriu que Portugal, a longo prazo, possa precaver um cenário difícil e criar um sistema de repatriação voluntária, para as pessoas serem reintegradas na sociedade portuguesa, com apoio na procura de emprego e habitação.

“Quando forem criadas leis, e prevê-se que as coisas vão nesse sentido, estas pessoas vão ser afetadas“, avisou o político.

José Luís Carneiro apelou à calma para não criar pânico quanto às consequências do referendo, sublinhando: “Temos de nos bater para que não evolua nesse sentido, que seria o mais pernicioso desta decisão”.

As negociações para a saída do Reino Unido ainda não começaram e o resultado é incerto, nomeadamente no que diz respeito à livre circulação de cidadãos europeus.

“Portugal procurará salvaguardar e defender os interesses dos portugueses que trabalham no Reino Unido, mas também dos milhares de britânicos que vivem, trabalham e investem em Portugal”, garantiu o secretário de Estado das Comunidades Portuguesas.

Oficialmente, indicou José Luís Carneiro, estão registados na segurança social britânica cerca de 230 mil portugueses, mas as autoridades portuguesas estimam que residam no Reino Unido meio milhão de nacionais.

/Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. O governo português que comece a preparar casas e subsídios para o caso de regressarem a Portugal e já agora, a exemplo dos refugiados, psicólogos qualificados.

  2. Mas que confusão vai por aí tentar misturar alhos com bugalhos ou seja comunitários com extracomunitários, quando as coisas não correm bem ao gosto de certas pessoas ou partidos tudo se procura para tentar deitar abaixo é o caso agora da Grã-Bretanha onde todos parecem empenhados em lhe fazer a vida negra só porque decide abandonar o barco.

RESPONDER

PS e BE afastados "porque dá jeito" (e os riscos de andar para trás)

O líder do PSD alertou este domingo para o distanciamento do PS em relação ao BE, porque “dá jeito para as eleições”, notando ser uma tentativa de “limpar” a proximidade dos últimos quatro anos e …

A KLM vai passar a "voar" de comboio

A KLM, que já tinha sugerido que se voasse menos e se viajasse mais de comboio, confirmou que vai retirar um dos voos Bruxelas-Amesterdão, passando os passageiros a efetuar a rota sobre carris, num comboio …

Cientistas fazem reconstrução facial de um guerreiro escocês do séc XV

Cientistas reconstruiram digitalmente o rosto daquele que terá sido um membro poderoso de um clã do século XV da Escócia, que terá morrido num violento conflito com um clã vizinho. Corria o ano de 1957 quando …

Estudo mostra que os golfinhos também já são resistentes aos antibióticos

Um novo estudo realizado nos Estados Unidos mostra que os golfinhos Tursiops truncatus também já mostram resistência aos antibióticos. Não é segredo que os seres humanos usam demasiados antibióticos, tanto que estamos a desenvolver uma resistência …

Indígenas famosos pela sua saúde cardíaca começaram a usar óleo de cozinha (e a engordar)

O povo Tsimane, que vive na Bolívia, tem permanecido relativamente afastado do mundo exterior durante várias gerações, prosperando da terra e praticando formas tradicionais de caça, pesca, agricultura e recolha de alimentos. Durante vários anos, sabe-se …

Mais de 150 detidos em protestos violentos em Paris. Desta vez, sem coletes amarelos

As autoridades francesas detiveram este sábado mais de 150 pessoas numa nova jornada de protestos em Paris, onde coincidiram uma manifestação dos coletes "amarelos" com outras dois em defesa do clima e contra a reforma …

UE deteta 50 a 80 casos de desinformação e fake news russas por semana

O grupo de trabalho do Serviço Europeu de Ação Externa contra a desinformação russa deteta, semanalmente, entre 50 e 80 casos, num total de mais de 6.300 situações identificadas desde 2015, que têm vindo a …

Moreirense 1-2 Benfica | Rafa abre caminho à reviravolta

O Benfica sofreu a bom sofrer para levar de vencida o Moreirense, em casa deste, por 2-1. Os homens da casa marcaram primeiro, por Luther Singh, logo no arranque do segundo tempo, e estiveram na …

Bernardo Silva faz o primeiro 'hat-trick' da carreira na maior goleada de sempre do City

O avançado português Bernardo Silva fez este sábado o primeiro ‘hat-trick’ da carreira na vitória por 8-0 do Manchester City frente ao Watford, em jogo da sexta jornada da Liga inglesa de futebol. David Silva abriu …

Centenas foram à baixa de Lisboa protestar contra exploração do lítio

Cerca de quatro centenas de manifestantes de diferentes movimentos independentes de defesa do ambiente e de proteção do património rural protestaram hoje em Lisboa, contra a concessão e exploração a céu aberto do lítio em …