//

A Uber tem uma nova app para encontrar trabalho temporário

Depois da Uber e da Uber Eats, a plataforma lança esta sexta-feira, em Chicago, uma aplicação destinada ao recrutamento.

A Uber prepara-se para lançar, esta sexta-feira, uma nova aplicação que coloca as empresas em contacto direto com trabalhadores temporários, remunerados à hora e num modelo de vínculo semelhante ao que detém os trabalhadores da Uber e da Uber Eats.

Segundo o Expresso, a aplicação Uber Works será lançada apenas em Chicago, nos Estados Unidos, em regime experimental. Contudo, a aplicação não deverá demorar muito tempo a expandir-se a outros países.

Em comunicado divulgado na página oficial, a própria empresa já admitiu a intenção de expansão, revelando os contornos do projeto e como funcionará esta nova app, direcionada para o segmento do trabalho temporário. A aplicação já é vista por muitos como uma ameaça do gigante ao negócio do recrutamento profissional.

A Uber Works funcionará de forma quase instantânea. “A Uber Works quer tornar mais claros e seguros os processos de procura de emprego, levando aos candidatos todas as ofertas relevantes e horários numa determinada região”, explica a empresa.

Segundo a Uber, esta nova app poderá também dar um grande impulso à economia dos freelancers, garantindo que os profissionais que já trabalham desta forma recebam os seus pagamentos a tempo e horas e que possam dar o seu feedback a outros profissionais sobre a qualidade do empregador.

Por outro lado, para as empresas, o principal benefício será “aceder a uma imensa rede de profissionais qualificados” que facilitará os desafios de gestão.

Todas as ofertas são para funções temporárias“, adianta a empresa, referindo que, através da aplicação, os candidatos conseguem aceder a informações sobre oportunidades de trabalho disponíveis, local, horários ou turnos que deverão cumprir e o salário que é oferecido.

“Acreditamos que uma abordagem nova e tecnológica pode oferecer formas mais rápidas e fáceis de as pessoas conseguirem trabalho, oferecendo um maior olhar às muitas oportunidade de trabalho que estão disponíveis – melhorando a experiência tanto para trabalhadores como para empresas”, lê-se na publicação da Uber no blogue da empresa.

Uma séria ameaça

Para as empresas que fazem recrutamento de trabalhadores temporários, o sucesso da Uber Works pode constituir uma séria ameaça, uma vez que a app é quase instantânea na forma como divulga oportunidades e, pelo que se vê nas informações agora reveladas, é bastante transparente em matérias essenciais para os trabalhadores, como os horários e o salário proposto.

Segundo o Público, este grande passo da Uber surge numa altura em que o comportamento bolsista da empresa continua a dececionar.

Desde a admissão das ações em Wall Street, a bolsa de Nova Iorque, a cotação baixou 30%, tendo a empresa reportado perdas recorde de 5200 milhões de dólares (mais de 4700 milhões de euros) no segundo trimestre de 2019.

Analistas citados pela imprensa norte-americana afirmam que uma das razões para este fraco desempenho é a forte concorrência asiática. Outro fator de risco prende-se com a legislação, uma vez que a Uber tem, em diversos países, enfrentado braços-de-ferro judiciais contra a forma como opera.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.