Trump diz que China ligou para desbloquear negociações. Chineses não sabem “de chamada nenhuma”

Donald Trump disse que a China fez “duas chamadas muito, muito boas” a pedir o regresso a mesa de negociações. Pequim nega.

Contrariando o que Donald Trump disse no final da cimeira do G7, esta segunda-feira, um porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros da China negou ter havido qualquer chamada para os Estados Unidos da parte de Pequim a pedir o recomeço das negociações para pôr fim à guerra comercial entre as duas potências.

Não sabemos nada dessas chamadas ao longo do fim-de-semana de que fala”, disse o porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros chinês Geng Shuang, em conferência de imprensa esta terça-feira, citado pelo Observador.

As declarações do responsável surgem depois de o Presidente norte-americano ter dito que dois membros do governo chinês tinham feito “duas chamadas muito, muito boas“. De acordo com Donald Trump, os emissários chineses tinham dito ao telefone que queriam “fazer um acordo” para pôr um ponto final à guerra comercial entre os dois países.

Desde que a China avisou que ia colocar tarifas a importações no valor de 75 mil milhões de dólares, cerca de 67,5 mil milhões de euros, em produtos norte-americanos, Trump tem-se desdobrado em afirmações e anúncios contraditórios, e este é mais um capítulo nesta história de avanços e recuos.

Na sexta-feira, o Presidente dos Estados Unidos escreveu no Twitter que o país tinha perdido “de forma estúpida” bilhões de dólares com a China ao longo do anos, acusando Pequim de roubo de propriedade intelectual. “Não precisamos da China e, sinceramente, estaríamos melhores sem eles”, escreveu.

Depois, Trump escreveu algo que fez soar alguns alertas. “As excelentes empresas americanas têm, desta forma, ordens para começarem imediatamente a procurar uma alternativa à China, inclusive trazerem as suas empresas de volta para o nosso país, fabricando os seus produtos nos EUA”, escreveu.

Além destas declarações, Trump anunciou também que os EUA iriam aumentar as tarifas para bens importados da China, atualmente nos 25%, para 30% a partir de 1 de outubro. O Presidente anunciou também que os EUA se preparavam para aumentar de 10 para 15%, em duas fases, as tarifas correspondentes a 300 mil milhões de dólares (270 mil milhões de euros) de importações da China.

Contudo, no sábado, Trump admitiu mudar de ideias quanto aos anúncios feitos na véspera. Quando questionado pelos jornalistas se tinha “dúvidas” quanto ao aumento anunciado de tarifas, o Presidente dos EUA respondeu: “Sim, porque não? Pode ser que sim, pode ser que sim. Eu tenho dúvidas em relação a tudo”.

Mais tarde, depois da polémica levantada pelas palavras de Trump, a porta-voz da Casa Branca disse que foram “muito mal interpretadas”, referindo que o seu “pode ser que sim” era uma resposta à possibilidade de aumentar ainda mais as tarifas.

Logo depois, Donald Trump acrescentou que não sabia qual ia ser o próximo passo – “neste momento não tenho um plano” – e referiu que os Estados Unidos estavam a dar-se “muito bem com a China” naquela altura. “Acho que eles querem um acordo muito mais do que eu quero.”

As incertezas nos discursos de Trump levaram a uma queda das bolsas asiáticas. Segundo o Observador, esta segunda-feira, o Hang Seng (Hong Kong) caiu uma média de 2,16% nos últimos cinco dias, tudo isto acompanhado para uma queda do valor do yuan, a moeda chinesa, para um mínimo histórico em 11 anos.

O japonês Nikkei 225 perdeu em igual período um total de 1,07%, com a maior queda a verificar-se na abertura dos mercados esta segunda-feira, em que perdeu 2,3%.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

O núcleo da Terra pode esconder mais de cinco oceanos no seu interior

Um novo estudo sugere que o núcleo da Terra pode abrigar uma grande quantidade de água no seu interior. Segundo os investigadores, a quantidade pode chegar ao equivalente a cinco oceanos. Muitos estudos comprovam que, sob …

Descoberto novo tipo de matéria exótica no "coração" das estrelas de neutrões

Uma investigação levada a cabo por um grupo de cientistas da Finlândia encontrou fortes evidências da existência de matéria exótica de quarks no interior dos núcleos das maiores estrelas de neutrões. Em comunicado, os cientistas …

Os asteróides Ryugu e Bennu podem ser "filhos" de um mesmo pai

Os asteróides Ryugu e Bennu podem ter sido formados a partir de um outro asteróide de grandes dimensões, sugere uma investigação internacional. Simulações numéricas de grandes ruturas de asteróides, como as que ocorrem no cinturão de …

Diário de oficial nazi revela localização de tesouro escondido na Polónia durante a 2.ª Guerra Mundial

Um diário que esteve na posse de uma sociedade secreta durante décadas contém um mapa que descreve a localização de mais de 30 toneladas de ouro escondidas pelos nazis durante a Segunda Guerra Mundial. Escrito há …

"Pés de café" ajudam robôs a andar mais rápido (e sem tropeçar)

Uma das principais aplicações para robôs com pernas é a exploração de locais de desastre. No entanto, para atravessar os escombros, estas máquinas precisam de ter "pés" firmes. Uma equipa de investigadores da Universidade da Califórnia, …

Famalicão 2-1 FC Porto | Dragões falham reentrada

O FC Porto ficou hoje com a liderança da I Liga portuguesa de futebol em risco, ao perder em casa do Famalicão, por 2-1, na 25.ª jornada, que marca o regresso após a paragem devido …

Empresas chinesas compram soja dos EUA apesar de suspensão imposta pelo Governo

Empresas estatais chinesas terão comprado pelo menos três carregamentos de soja aos Estados Unidos (EUA), mesmo após o Governo ter levantado uma suspensão. Esta surgiu depois de Washington afirmar que terminaria com o acordo comercial …

Musk quer bombardear Marte. Pode ser só um "pretexto" para enviar armas nucleares para o Espaço

O plano de Elon Musk de bombardear Marte é apenas um pretexto para o lançamento de armas nucleares para o Espaço, disse o diretor da agência espacial russa Roscosmos, Dmitry Rogozin. Bombardear Marte para tornar o …

Quase 20 mil toneladas de combustível derramadas em rio na Rússia

https://cache-igi.cdnvideo.ru/igi/video/2020/6/2/%D0%BD%D0%BE%D1%80%D0%B8%D0%BB%D1%8C%D1%81%D0%BA.mp4 Quase 20 mil toneladas de combustível foram acidentalmente derramadas num rio no extremo norte da Rússia, levando as autoridades a declarar uma situação de "emergência" e levantando preocupações entre ambientalistas e residentes. Em comunicado, a associação …

Mais verde e mais barato. Suécia segue a Alemanha e instala a primeira turbina eólica de madeira

A Suécia instalou uma nova e interessante turbina eólica: uma torre construída em madeira. A Alemanha também já tem esta nova tecnologia. Construída a partir de materiais de fontes sustentáveis e que oferecem desempenho comparável às …