//

Três mortos e um ferido grave num tiroteio em Bruxelas

 

Três pessoas morreram hoje e outra ficou ferida com gravidade na sequência de um tiroteio no Museu Judaico, no centro de Bruxelas, Bélgica, informou fonte dos bombeiros.

Um homem, que chegou de carro, entrou no museu e começou a disparar, pondo-se em fuga de imediato, revelou a mesma fonte, citada pela agência France Presse.

O primeiro-ministro belga, Elio Di Rupo, já se manifestou “bastante chocado” com o sucedido através da sua conta na rede social Twitter.

Uma testemunha citada pela France Presse, Alain Sobotik, disse ter visto “dois corpos”, um de uma mulher e outro de um homem, na entrada do museu.

As coleções do Museu Judaico da Bélgica refletem a vida e a história das populações judaicas da Holanda e da Bélgica desde o século XVIII.

O museu está situado num dos bairros mais turísticos da capital belga, o Sablon, conhecido pelas galerias de arte e antiquários.

/Lusa

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE