A trágica explosão de Beirute foi tão violenta que “sacudiu” a ionosfera

Wadel Hamzeh / EPA

A 4 de agosto de 2020, o porto de Beirute, capital do Líbano, foi palco de uma trágica explosão. Uma carga de 2.750 toneladas de nitrato de amónio explodiu, numa das maiores explosões artificiais não nucleares da história.

A devastadora explosão matou 210 pessoas, feriu 7.500 e deixou 300 mil desabrigadas.

Uma equipa de cientistas detalhou o efeito que a explosão teve na ionosfera, a camada externa da atmosfera. Segundo os investigadores, a explosão de Beirute rivalizou com os efeitos vistos anteriormente em erupções vulcânicas.

A ionosfera é a região ionizada da alta atmosfera da Terra e estende-se de 48 a 965 quilómetros. A radiação solar que atinge as moléculas dessa região ioniza-as, separando os seus eletrões.

A ionosfera pode ser perturbada por eventos espaciais como tempestades geomagnéticas, mas também por eventos que acontecem no solo – e não só eventos naturais como erupções vulcânicas. A atividade humana, como é o caso dos testes nucleares, também a afeta.

As mudanças na ionosfera afetam os sinais de GPS. Pequenas mudanças geralmente são levadas em consideração pelos recetores e transmissores de GPS, mas para eventos incomuns, os sinais podem ser usados ​​como uma forma de estudar a ionosfera.

A explosão em Beirute gerou uma onda através da ionosfera que teve uma magnitude maior do que a criada pela erupção do vulcão Asama, no Japão, em 2004. Outras erupções no arquipélago japonês que aconteceram ao longo da última década foram comparáveis ​​em magnitude ao evento de Beirute.

“Descobrimos que a explosão gerou uma onda que viajou na ionosfera em direção ao sul a uma velocidade de cerca de 0,8 quilómetros por segundo”, disse Kosuke Heki, da Universidade de Hokkaido, em comunicado.

A explosão ocorreu devido a nitrato de amónio – usado predominantemente como fertilizante e como ingrediente em explosivos – mal armazenado que tinha sido abandonado num armazém em 2014.

Um incêndio eclodiu no armazém, que também armazenava fogos de artifício. Estes explodiram primeiro, com uma força equivalente a cerca de duas toneladas de TNT. Meio minuto depois, todo o depósito explodiu com uma força de 1,1 quilotoneladas de TNT, semelhante à de uma bomba nuclear de baixo rendimento.

A energia da onda ionosférica gerada pela explosão de Beirute foi significativamente maior do que a explosão mais energética numa mina de carvão de Wyoming, nos Estados Unidos, em 1996.

A explosão foi ouvida no Chipre, a mais de 240 quilómetros de distância. Além disso, o evento foi registado pelo Serviço Geológico dos Estados Unidos como um evento sísmico de magnitude 3,3, e deixou uma cratera visível da órbita de 140 metros de diâmetro.

Este estudo foi publicado em fevereiro na revista científica Scientific Reports.

Maria Campos, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Bilardo foi "distraído" para não saber da morte de Maradona

Carlos Bilardo continua sem saber que Diego Maradona morreu. Família tenta proteger saúde do antigo selecionador argentino. Diego Armando Maradona morreu em novembro e Carlos Bilardo continua sem saber desse falecimento. A família tenta proteger a …

Processo de envelhecimento é imparável, revela estudo

Um novo estudo, que envolveu cientistas de 14 países, confirmou que provavelmente não podemos diminuir a velocidade com que envelhecemos, devido a restrições biológicas. A pesquisa, publicada na quarta-feira na Nature Comunications, inclui especialistas da Universidade …

Inglaterra 0-0 Escócia | Nulo total no dérbi britânico

A Inglaterra empatou hoje 0-0 com a Escócia, em jogo da segunda jornada do Grupo D do Euro 2020 de futebol, e desperdiçou a oportunidade de garantir já um lugar nos oitavos de final do …

Infeção pelo coronavírus pode não garantir proteção prolongada, revela estudo

Um novo estudo britânico sugere que uma infeção pelo SARS-CoV-2 não garante que o hospedeiro desenvolva uma resposta imunitária prolongada contra o vírus, sendo a imunidade "altamente variável de pessoa para pessoa". Segundo a pesquisa do …

Ex-ministro da Bolívia planeou um segundo golpe usando mercenários dos EUA

O vazamento de gravações telefónicas e e-mails revelam que um ex-ministro da Defesa boliviano estava a preparar-se para usar tropas estrangeiras para impedir que o partido de esquerda MAS regressasse ao poder. Os documentos e registos …

Espécie rara de orquídea encontrada em telhado de banco de investimentos em Londres

Uma espécie rara de orquídea, que se acredita estar extinta no Reino Unido, foi descoberta no jardim do telhado de um banco de investimentos em Londres. Segundo o The Guardian, a Serapias parviflora, uma espécie rara …

Pintura de David Bowie comprada por três euros vai agora ser leiloada por milhares

A pintura do ícone do rock, David Bowie, deverá ser vendida por milhares de dólares num leilão de arte online. O retrato, intitulado "DHead XLVI", faz parte de um conjunto de aproximadamente 47 obras que David …

Vila Nova de Milfontes vai ter praia para cães

A praia pet friendly, que fica próxima de Furnas-Rio, vai funcionar já esta época balnear de forma experimental. Uma praia concessionada que também admite cães vai funcionar, nesta época balnear, de forma experimental, em Vila Nova …

Podia ser um quadro de Dalí, mas é só o degelo glacial na Islândia

Na Islândia, o degelo glacial criou uma paisagem deslumbrante que o fotógrafo espanhol Manuel Ismael Gómez de Almería não deixou passar em branco. Faz lembrar a arte surrealista de Salvador Dalí, mas é uma versão ampliada …

Digby, o cão dos bombeiros, ajudou a salvar uma mulher do suicídio

O cão Digby desempenhou um importante papel ao salvar uma mulher que estava a ponderar pôr fim à sua própria vida no Reino Unido. Digby é um cão terapeuta que ajuda as pessoas a lidar com …