Já é possível trabalhar remotamente nas paradisíacas Ilhas Caimão (com uma condição)

Os trabalhadores que estão a trabalhar remotamente e que procuram uma mudança de escritório podem agora mudar-se para as paradisíacas Ilhas Caimão – desde que ganham pelo menos 100 mil dólares por ano.

De acordo com a CNBC, o Global Citizen Concierge Program, que se aplica a todas as três ilhas, permite que pessoas de todo o mundo se inscrevam para um certificado de 2 anos que lhes permite trabalhar lá, numa altura em que muitas pessoas estão a receber luz verde para continuar em regime de teletrabalho.

“Tendo reduzido a ameaça da covid-19 a quase zero, as Ilhas Cayman oferecem o oásis perfeito para pessoas com um estilo de vida de trabalho remoto experimentarem o estilo de vida das Caimão”, disse Moses I. Kirkconnell, vice-primeiro-ministro e ministro do Turismo das Ilhas Caimão, em comunicado.

Desde o início da pandemia, as Ilhas Caimão tiveram 239 casos e uma morte, de acordo com o Ministério da Saúde, Meio Ambiente, Cultura e Habitação das ilhas.

A maioria dos esforços de distanciamento social foram relaxados por enquanto, mas as máscaras ainda são necessárias nos transportes públicos e nos aeroportos.

Os rendimentos exigidos para o programa de trabalho remoto sobe para as pessoas casadas (ou parceria doméstica) ou com filhos (ou outros dependentes), em 150 mil e 180 mil dólares, respetivamente. Há também uma taxa de 1.469 dólares por ano para duas pessoas, juntamente com 500 dólares por dependente.

Os candidatos devem fornecer passaporte válido, carta do banco autenticada, comprovativo de seguro de saúde e verificação de antecedentes criminais, além de um formulário que pode ser encontrado no site oficial do programa.

Se aprovado, os visitantes precisam de seguir as regras do país para entrar, que incluem dois testes covid-19 e uma quarentena de 14 dias. Os trabalhadores podem ficar num resort ou numa residência privada durante a quarentena.

Quanto os trabalhadores estiverem no país, podem ir e vir, mas devem passar um mínimo de 90 dias por ano nas ilhas.

As Ilhas Caimão não são o único país que permite trabalhadores remotos no país durante a pandemia. Anguila, Bermudas e Barbados também têm programas que permitem que as pessoas trabalhem remotamente para recuperar as suas economias altamente dependentes do turismo.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Há uma rua no Texas onde todas as casas foram impressas em 3D

Esta é a primeira comunidade de casas impressas em 3D nos EUA que está pronta a receber habitantes. A construção torna as habitações mais resistentes ao fogo e a inundações. Chama-se East 17th Street e fica …

A filha de Picasso doou nove obras do artista espanhol a França

A família de Pablo Picasso doou nove obras do artista ao Estado francês, que serão agora integradas no Museu Picasso, em Paris. Maya, a filha de Pablo Picasso, doou nove obras do artista como parte de …

Dormir bem? Depois da pandemia, não

O novo coronavírus criou uma "nação" de pessoas com insónias. Trabalhar menos horas pode ajudar. Insónias. Já eram um problema para muita gente até ao início de 2020 mas a pandemia que mudou o mundo também …

"Não posso ficar sentado a ver-nos voltar a 1972". Médico desafia a lei no Texas e admite que já fez um aborto

Um médico texano escreveu uma coluna de opinião no Washington Post a admitir que já fez um aborto no estado, depois da lei que proíbe interromper as gravidezes após seis semanas ter entrado em vigor. Em …

A cidade mais segura do mundo foi revelada (e é europeia)

Copenhaga foi eleita a cidade mais segura do mundo em 2021 pelo Índice de Cidades Seguras (SCI), da Economist Intelligence Unit. Quando se trata de escolher o destino a visitar, a segurança é um dos aspetos …

Benfica 3-1 Boavista | Águia evolui com Darwin para a vitória

Desde 1982/83 que o Benfica não vencia os primeiros seis jogos no Campeonato. Pois bem, na noite desta segunda-feira, os encarnados venceram o duelo ante o Boavista e fizeram xeque-mate graças ao bis de Darwin …

Milhões de pessoas em risco de tráfico e escravidão devido à crise climática, revela relatório

Milhões de pessoas forçadas a deixar as suas casas por causa da seca severa e ciclones correm o risco da escravidão moderna e de tráfico humano nas próximas décadas, alertou um novo relatório publicado esta …

Mercado teme corrida ao imobiliário com o fim dos vistos gold

A partir de janeiro, segundo as novas regras aplicáveis aos vistos gold, vão deixar de estar abrangidos os investimentos em imobiliário com destino a habitação em Lisboa, no Porto e no litoral. O regime que visa …

Desempregados inscritos no IEFP caem 10% em agosto

O número de desempregados inscritos no Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) voltou a cair, pelo quinto mês consecutivo. Agosto fechou com 368.404 desempregados inscritos nos serviços públicos de emprego De acordo com os dados …

Agora que a catedral de Notre-Dame está estabilizada, pode dar-se início à reconstrução

Dois anos e meio após o incêndio que devastou a catedral de Notre-Dame, o edifício encontra-se seguro para iniciar o processo de reconstrução, que se espera estar concluído em 2024. Os trabalhos de segurança e consolidação …