Tiroteio de Orlando é o pior da história dos EUA

Cristobal Herrera / EPA

-

Os 50 mortos e 53 feridos no tiroteio em uma discoteca “gay”, em Orlando, que está a ser tratado como “ato de terrorismo”, é o pior da história dos EUA.

Trata-se do pior massacre realizado por um só atirador na história dos Estados Unidos da América, ultrapassando o tiroteio na Universidade da Virgínia Tech, em 2007, que resultou em com 32 mortos.

Considerando o número de mortos, a tragédia no bar gay Pulse Club só é menos significativo do que os acontecimentos de 11 de setembro de 2001, quando dois aviões se despenharam contra as Torres Gémeas de Nova Iorque, provocando a morte a 5996 pessoas.

O presumível atirador tinha duas armas de fogo, uma das quais uma pistola, e foi morto num confronto com os agentes policiais, referiu John Mina.

O massacre começou às 2h da manhã e terminou às 5h, com a morte do atirador, que foi identificado como Omar S. Mateen, cidadão norte-americano de origem afegã, nascido em 1986.

“Vamos determinar oficialmente se é um crime de ódio ou um incidente de terrorismo, ou mesmo se se trata de um crime violento, quando tivermos todos os factos”, disse à imprensa governador da Flórida, Rick Scott.

Atirador jurou lealdade a ‘jihadistas’

O FBI anunciou estar a investigar o massacre como um “ato de terrorismo” e que o suspeito poderá ter “uma inclinação” para o terrorismo islâmico.

Segundo a estação televisiva NBC, que cita fontes policiais, o atirador telefonou alguns instantes antes do crime para o número 911 para anunciar a sua lealdade ao líder do EI.

A CNN avança a mesma notícia, citando um responsável norte-americano que explicou que “o FBI de imediato acreditou tratar-se de um ataque islamita por causa dessa chamada telefónica” e porque eram já conhecidas do FBI as suas “simpatias islamitas”.

No entanto, segundo o pai do presumível atirador, “o tiroteio não tem nada a ver com religião“.

“Não tem nada a ver com religião”, disse Mir Seddique, pai de Omar Mateen, ao canal televisivo NBC.

Segundo Seddique, há algum tempo o jovem tinha ficado furioso ao ver dois homossexuais a beijarem-se no centro de Miami.

“Omar viu dois homens a beijarem-se em frente da sua mulher e do seu filho e ficou muito zangado“, referiu.

“Não sabíamos de nada. Estamos chocados como todo o país”, disse o pai de Omar Matten, identificado como cidadão norte-americano de origem afegã, com cerca de 20 anos.

Mir Seddique apresentou desculpas em nome da sua família pelo ato do filho.

As autoridades norte-americanas estão convencidas que “não há outra ameaça” relacionada com o tiroteio, como declarou um responsável da polícia federal, Ron Hopper.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

Responder a ELE Cancelar resposta

Pela primeira vez, a idade da reforma pode cair (e a culpa é da pandemia)

A idade da reforma é determinada pela esperança média de vida. No entanto, a pandemia e o consequente aumento da mortalidade podem fazer cair esse indicador, levando a um recuo histórico na idade da reforma. Até …

Onde estão os antigos "donos disto tudo" no desporto?

Sporting parece estar em ano de regresso ao topo do futebol. Mas outros clubes dominadores, ou desapareceram, ou andam discretos. "Felizmente não subimos à I Divisão", admite o presidente do HC Sintra. "Donos disto tudo" pode …

Após chumbo ao aeroporto do Montijo, Governo quer mudar a Lei para tirar poder aos municípios

O chumbo ao aeroporto do Montijo depois de os municípios da Moita e do Seixal terem reprovado o projecto não demove o Governo da empreitada. Em cima da mesa estão três soluções e a intenção …

Vacina da Janssen deverá ser aprovada na Europa a 11 de março. Imunizante só requer uma toma

A Agência Europeia do Medicamento convocou uma reunião extraordinária para concluir a avaliação da vacina à covid-19 da multinacional Janssen, com vista a colocá-la rapidamente no mercado. Neste sentido, espera-se que haja mais uma vacina contra …

Medina leva nega. Bloco, PCP e PAN querem concorrer sozinhos em Lisboa

O anúncio de que Carlos Moedas vai encabeçar a candidatura PSD/CDS à Câmara Municipal de Lisboa uniu a direita, mas não mudou a estratégia da esquerda. O Bloco, o PCP e o PAN querem concorrer …

Coates alcançou feito sem paralelo na Europa

Coates não comete uma única falta há mais de um mês, embora tenha sido totalista de minutos nesse período. É o único jogador das principais ligas europeias a consegui-lo. Provavelmente já não se lembra da última …

"Nunca batem certo". Madeira contesta dados do boletim da DGS

As autoridades regionais madeirenses afirmam que "os números fidedignos são os dados reportados, diariamente, pela Direção Regional de Saúde". A Direção Regional da Saúde (DRS) da Madeira contestou, esta terça-feira, os dados reportados nos boletins da …

I Liga pondera reduzir número de equipas a partir de 2022/2023

O desportivo Record avança esta quarta-feira que a Liga de Clube pondera reduzir o número de equipas em competição na I Liga já a partir da época de 2022/2023. Em cima da mesa está a redução …

Sob risco de expulsão, Fidesz de Orbán deixa bancada do Partido Popular Europeu pelo próprio pé

O partido Fidesz, liderado pelo primeiro-ministro húngaro Viktor Orbán, vai deixar a bancada do Partido Popular Europeu no Parlamento Europeu. De acordo com a agência Reuters, o partido Fidesz, que governa a Hungria, anunciou esta quarta-feira …

Varandas move mundos e fundos por João Mário, que ganha dobro do teto salarial

Frederico Varandas está disposto a investir na contratação em definitivo de João Mário. O médio do Inter ganha quase o dobro do teto salarial em Alvalade. "João Mário é para ficar", lê-se esta quarta-feira na capa …