Tempestade de neve em Nova Iorque provocou um morto, fechou escolas e cancelou voos

https://www.youtube.com/watch?v=VI5KGQELYPs

Um morto, acidentes de trânsito, escolas fechadas, atrasos nos transportes públicos, voos cancelados e ruas cheias de neve foi hoje o panorama em Nova Iorque e noutras cidades devido ao temporal na costa leste dos Estados Unidos.

A primeira vítima do nevão, segundo a agência espanhola Efe, foi um porteiro identificado como Miguel Ángel González, que enquanto limpava a neve do acesso a um edifício em Nova Iorque escorregou e caiu de costas, morrendo em consequência dos ferimentos.

Os residentes de Nova Iorque passaram de um dia quase de verão, com uns amenos 16 graus centígrados registados na quarta-feira, para amanhecer hoje com as ruas brancas de neve e sob ‘código azul’ que ativa os serviços de emergência das agências públicas.

Todas as escolas, assim como a universidade pública da cidade, cancelaram as aulas e alguns funcionários públicos de serviços não essenciais foram autorizados a ficar em casa.

“Quero apelar a todos os nova-iorquinos para que fiquem em casa se puderem. Não saiam se não tiverem que o fazer. Se tiverem, por favor não usem o automóvel, porque temos que permitir que o Departamento de Higiene possa limpar as ruas”, disse o ‘mayor’ de Nova Iorque, Bill de Blasio.

A estimativa era de que ao longo do dia a tempestade de neve provocasse uma acumulação entre os 25 e 45 centímetros de neve na costa noroeste, com Nova Iorque, Filadélfia e Boston a serem as cidades mais afetadas.

O governador de Nova Iorque, Andrew Cuomo, pediu à população, por seu lado, para redobrar as precauções e evitar viagens desnecessárias enquanto durar o mau tempo.

Alguns condados do estado de Nova Iorque declararam estado de emergência, que proíbe a circulação rodoviária, excetuando os casos realmente necessários.

Na cidade, onde se espera uma acumulação de quase 30 centímetros de neve, foram mobilizados 2.400 trabalhadores do Departamento de Higiene e 1.600 máquinas limpa-neves para desobstruir as ruas, em particular os acessos aos hospitais.

Devido à pouca visibilidade, a polícia foi chamada a dezenas de acidentes de trânsito.

Ainda que a tempestade não tenha conseguido parar “a cidade que nunca dorme”, como é conhecida Nova Iorque, conseguiu, ainda assim, dificultar o acesso a algumas ruas e lugares de interesse turístico, como Times Square, que hoje esteve quase deserta. Foram cancelados mais de 3.800 voos devido à tempestade, afetando 50 milhões de pessoas.

Em Nova Jersey foram encerradas escolas e reportados dezenas de acidentes, um cenário muito semelhante ao vivido em Boston e Filadélfia, onde as aulas foram suspensas e se registaram também grandes acumulações de neve.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Siza Vieira reforça que é "trabalho" dos Bancos discutir com os clientes o reembolso das moratórias

O ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, reforça que cabe aos Bancos "discutir com os seus clientes que têm moratórias nos sectores mais afectados" pela pandemia o reembolso das dívidas após o fim destes mecanismos …

Domingos Soares de Oliveira de saída do Benfica

Além de João Varandas Fernandes e José Eduardo Moniz, o administrador Domingos Soares de Oliveira também não vai integrar a lista de Rui Costa para as próximas eleições. Rui Costa confirmou na terça-feira que é candidato …

Depois do Bayern, Barcelona também está atento a Luis Díaz

Luis Díaz continua a somar boas exibições e clubes interessados na sua contratação. Agora fala-se do desejo do Barcelona em contratar o colombiano em janeiro. Luis Díaz atravessa um momento de forma excecional ao serviço do …

Fuse Valley, Matosinhos

Está a nascer em Matosinhos a Silicon Valley portuguesa (e até Siza Vieira está "espantado")

O "Fuse Valley" promete ser a Silicon Valley portuguesa, em Matosinhos, num empreendimento inovador da Farfetch e da Castro Group que até deixa o ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, "espantado". A abertura está prevista …

Portugal aguarda "luz verde" da EMA para avançar com terceira dose aos idosos

Portugal aguarda a autorização da Agência Europeia de Medicamentos para avançar com a administração da terceira dose da vacina contra a covid-19 a maiores de 65 anos. Com base nos resultados de dois grandes estudos científicos …

E depois de Merkel? Alemanha já sente falta da Chanceler que saiu da sombra para salvar o seu "delfim"

Angela Merkel tinha prometido ficar afastada das eleições legislativas deste domingo, na Alemanha, mas saiu da sombra para apoiar o seu "delfim", o candidato da CDU, Armin Laschet, que deverá disputar a vitória com o …

Já há refugiados afegãos a realizarem entrevistas de emprego em Portugal

Já há refugiados afegãos a realizarem entrevistas de emprego em Portugal, disse a secretária de Estado para a Integração e as Migrações, Cláudia Pereira. Em três semanas, chegaram 178 refugiados afegãos a Portugal. A secretária de …

Arranca hoje a conferência dos Trabalhistas - num clima de "guerra civil" entre Starmer e os Corbynistas

A proposta de Starmer de mudar a sistema de eleição do líder dos Trabalhistas tem suscitado muitas críticas, num partido que já estava profundamente dividido entre os membros mais conservadores e os membros leais a …

Multinacional oferece emprego qualificado em Portugal mas não tem candidatos

Um engenheiro de Mirandela regressou à terra para instalar na cidade transmontana o polo principal de uma nova multinacional na área da energia que está a recrutar, mas não consegue candidatos para emprego qualificado. Manuel Lemos …

Austrália, Japão, EUA e Índia reúnem-se "sem objetivos militares", mas China sente-se ameaçada

Estados Unidos, Austrália, Japão e Índia reuniram-se naquela que foi a primeira reunião do chamado Quad. A China sente-se ameaçada e avisa que o grupo está "fadado ao fracasso". Joe Biden liderou esta sexta-feira a primeira …