Tempestade de neve em Nova Iorque provocou um morto, fechou escolas e cancelou voos

https://www.youtube.com/watch?v=VI5KGQELYPs

Um morto, acidentes de trânsito, escolas fechadas, atrasos nos transportes públicos, voos cancelados e ruas cheias de neve foi hoje o panorama em Nova Iorque e noutras cidades devido ao temporal na costa leste dos Estados Unidos.

A primeira vítima do nevão, segundo a agência espanhola Efe, foi um porteiro identificado como Miguel Ángel González, que enquanto limpava a neve do acesso a um edifício em Nova Iorque escorregou e caiu de costas, morrendo em consequência dos ferimentos.

Os residentes de Nova Iorque passaram de um dia quase de verão, com uns amenos 16 graus centígrados registados na quarta-feira, para amanhecer hoje com as ruas brancas de neve e sob ‘código azul’ que ativa os serviços de emergência das agências públicas.

Todas as escolas, assim como a universidade pública da cidade, cancelaram as aulas e alguns funcionários públicos de serviços não essenciais foram autorizados a ficar em casa.

“Quero apelar a todos os nova-iorquinos para que fiquem em casa se puderem. Não saiam se não tiverem que o fazer. Se tiverem, por favor não usem o automóvel, porque temos que permitir que o Departamento de Higiene possa limpar as ruas”, disse o ‘mayor’ de Nova Iorque, Bill de Blasio.

A estimativa era de que ao longo do dia a tempestade de neve provocasse uma acumulação entre os 25 e 45 centímetros de neve na costa noroeste, com Nova Iorque, Filadélfia e Boston a serem as cidades mais afetadas.

O governador de Nova Iorque, Andrew Cuomo, pediu à população, por seu lado, para redobrar as precauções e evitar viagens desnecessárias enquanto durar o mau tempo.

Alguns condados do estado de Nova Iorque declararam estado de emergência, que proíbe a circulação rodoviária, excetuando os casos realmente necessários.

Na cidade, onde se espera uma acumulação de quase 30 centímetros de neve, foram mobilizados 2.400 trabalhadores do Departamento de Higiene e 1.600 máquinas limpa-neves para desobstruir as ruas, em particular os acessos aos hospitais.

Devido à pouca visibilidade, a polícia foi chamada a dezenas de acidentes de trânsito.

Ainda que a tempestade não tenha conseguido parar “a cidade que nunca dorme”, como é conhecida Nova Iorque, conseguiu, ainda assim, dificultar o acesso a algumas ruas e lugares de interesse turístico, como Times Square, que hoje esteve quase deserta. Foram cancelados mais de 3.800 voos devido à tempestade, afetando 50 milhões de pessoas.

Em Nova Jersey foram encerradas escolas e reportados dezenas de acidentes, um cenário muito semelhante ao vivido em Boston e Filadélfia, onde as aulas foram suspensas e se registaram também grandes acumulações de neve.

Lusa // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Aposta no Parlamento. 10% dos deputados são candidatos às autárquicas

De acordo com as contas do semanário Expresso, 23 deputados da Assembleia da República, ou seja, 10% dos 230 que compõem o hemiciclo, são candidatos às eleições autárquicas do outono. Na quinta-feira, foi aprovado na generalidade …

Relógio japonês parado pelo terramoto de 2011 volta a funcionar novamente (graças a outro sismo)

Um relógio japonês com 100 anos de idade que deixou de funcionar depois do devastador terramoto de 2011 voltou a trabalhar após um novo sismo este ano. De acordo com o jornal Maunichi Shumbun, o relógio, …

Ventura tem "receio" que partido seja ilegalizado

Este domingo, o Chega vai organizar uma manifestação contra a ilegalização do partido. André Ventura admitiu ter um "receio muito significativo". O Observador avança que a manifestação tem início no Príncipe Real, passa pelo Tribunal Constitucional …

Três mortos e 441 novos casos em Portugal

Este domingo, Portugal regista mais três mortes e 441 novos casos de infeção, de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da Direção-Geral da Saúde, o país …

Grande Crise do Ketchup. A pandemia atacou um mercado improvável (e já há um mercado negro para o molho)

Os problemas da cadeia de suprimentos estão a chegar a um canto distante do universo empresarial: os pacotes de ketchup. O ketchup é o molho de mesa mais consumido nos restaurantes dos Estados Unidos, com cerca …

Autoridades brasileiras ilibam João Loureiro

João Loureiro já não é suspeito no processo que envolve a apreensão de um avião com 500 quilos de cocaína, segundo as autoridades brasileiras. As autoridades brasileiras descartaram, este sábado, qualquer ligação do advogado português João …

No Canadá, há dois rios que se encontram (mas não se misturam)

Em Nunavut, no Canadá, há dois rios que se encontram, mas não perdem a sua aparência individual enquanto se movem sinuosamente pela tundra. O Back River flui para o norte em direção ao Oceano Ártico. Ao …

Russos acusados de explosão na República Checa são suspeitos de envenenar Skripal

Os dois suspeitos russos, envolvidos na explosão que matou duas pessoas em 2014 na República Checa, têm os mesmos passaportes que os dois homens acusados de envenenar, com o agente nervoso novichok, o espião Sergei …

Numa cidade na Nova Zelândia, a Páscoa resume-se a exterminar coelhos

Em Alexandra, na região de Otago, os coelhos são considerados pragas, uma espécie que ameaça a biodiversidade do país e a agricultura. Elle Hunt, correspondente do The Guardian em Auckland, na Nova Zelândia, escreveu um artigo …

Reavaliação de barragens da EDP ficou por fazer, depois de Governo ter recuado na decisão

No início do ano passado, o ministério do Ambiente considerou ser necessário reavaliar as barragens da EDP, mas a Agência Portuguesa do Ambiente (APA) e a Parpública disseram não ter competências para fazer a avaliação …