Tempestade Kai-Tak faz 41 mortos nas Filipinas

Francis R. Malasig / EPA

A tempestade Kai-Tak, que os filipinos denominam de Urduja, provocou 41 mortos e deixou 45 pessoas desaparecidas. O Governo destinou perto de 700 mil euros em assistência aos afetados.

A passagem da tempestade Kai-Tak pelas Filipinas provocou 41 mortos, 45 desaparecidos e afetou mais de um milhão de pessoas no país, de onde se estava esta terça-feira a afastar, de acordo com o mais recente balanço oficial.

A porta-voz do Conselho Nacional de Gestão e Redução de Desastres, Romina Marasigan, indicou, em conferência de imprensa, citada pelo canal de televisão GMA, que a maioria das mortes foi registada na província de Biliran (28), seguindo-se Leyte (5) e Masbate (3).

A mesma responsável assinalou que o Governo destinou 41.185,423 milhões de pesos (691.830 euros) em assistência para os afetados. Do total de afetados, 57.691 encontram-se atualmente em abrigos, havendo ainda 47.791 pessoas a serem atendidas pelas autoridades fora desses centros.

Pelo menos duas pontes – metade face ao dia anterior – e 14 troços continuam cortados. O número de pessoas presas em diferentes portos do país, devido ao cancelamento das ligações marítimas, diminuiu para pouco mais de uma centena, dos cerca de 100 mil registados esta segunda-feira.

O Governo prometeu aos habitantes de Biliran, uma das províncias mais atingidas por inundações e deslizamentos de terras, que restabelecerá o fornecimento de energia elétrica antes do Natal.

As estimativas provisórias dão conta de que os danos na rede de infraestruturas causados pela tempestade Kai-Tak ascende a 543 milhões de pesos (9,1 milhões de euros), enquanto as perdas na agricultura são na ordem dos 3.758.043 milhões de pesos (63.135 euros).

As Filipinas são atingidas anualmente por entre 15 e 20 tufões durante a época das chuvas que, geralmente, começa em maio ou junho e termina em novembro ou dezembro.

O tufão Haiyan, um dos mais fortes de que há registo nas Filipinas, fustigou o país em novembro de 2013 com rajadas de até 315 quilómetros por hora e deixou 6.300 mortos, mais de mil desaparecidos e 14 milhões de afetados.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Viagens ao Espaço têm um novo perigo desconhecido para os astronautas

Há um perigo inerente às longas viagens espaciais dos astronautas desconhecido até aos dias de hoje. Um novo estudo aponta que os cosmonautas podem ver o seu fluxo sanguíneo revertido na parte superior do corpo. A …

Macrocilix maia, a misteriosa traça que tem moscas a comer fezes nas suas asas

Macrocilix maia é uma espécie de traça que se destaca pela forma como se camufla dos seus predadores. Nas suas asas vê-se duas moscas a comer excrementos de pássaro. A natureza nunca falha em surpreender-nos e …

Há provas que ligam misteriosa doença que paralisa crianças a vírus raro

Pela primeira vez, foram encontradas provas da associação do Enterovírus D68, um vírus raro até há algum tempo, à Mielite Flácida Aguda, uma doença semelhante à poliomielite que tem afectado centenas de crianças, provocando a …

Antigos egípcios podem ter encurralado milhões de pássaros só para os mumificar

Novas evidências de ADN sugerem que os antigos Egípcios capturavam pássaros selvagens para sacrifícios ritualísticos (e para os poderem mumificar depois). As catacumbas egípcias contêm milhares de pássaros mumificados, especificamente íbis-sagrados (Threskiornis aethiopicus), empilhados uns sobre …

Estudo mostra que sondagens tendenciosas enviesam eleições políticas

Através de experiências práticas, uma investigação recente sugere que as sondagens tendenciosas podem influenciar e enviesar as eleições políticas, até mesmo nas grandes democracias. Enquanto uma eleição se aproxima no Reino Unido e uma votação presidencial …

A Rússia criou a arma mais mortífera da história. Foi há 72 anos

Comummente conhecida por AK-47, a espingarda Kalashnikov foi responsável por milhões de mortes durante a nossa História, sendo uma das armas mais populares do mundo e a mais fabricada pela indústria de armamento. Segundo o The Conversation, …

Luxemburgo 0-2 Portugal | Campeão marca presença no Euro

Portugal venceu o Luxemburgo por 2-0 e apurou-se para a fase final do Euro2020 – a 11ª presença consecutiva da turma das “quinas” em fases finais de grandes competições. Num encontro mal jogado, em parte pelas …

Hologramas e outras tecnologias podem ajudar a combater incêndios florestais

Portugal continua a ser assombrado pela destruição sem precedentes dos incêndios florestais. Agora é a hora de aproveitar as nossas ferramentas tecnológicas e encontrar maneiras inovadoras de ajudar a aliviar o problema e também evitar …

Pombos estão a perder dedos ou patas por causa da poluição

Basta passar algum tempo na praça de uma cidade para ver que alguns pombos têm patas feridas ou dedos em falta. Embora possamos pensar que isto é causado por algum vírus ou pelos eventuais desentendimentos …

Descoberto no Japão fóssil de pássaro com 120 milhões de anos

O fóssil de um pássaro do Cretáceo recentemente descoberto no Japão pode levar os cientistas a repensarem alguns detalhes sobre a evolução do voo. Há cerca de 120 milhões de anos, um pássaro com o tamanho …