Taiwan. 19 milhões de eleitores escolhem futuro do país nas presidenciais

csis_er / Flickr

Tsai Ing-wen

Cerca de 19 milhões de eleitores começaram, este sábado, a votar nas eleições presidenciais em Taiwan, dominadas pelo futuro das relações entre a ilha e Pequim.

As assembleias de voto abriram às 08:00 (00:00 em Lisboa) e vão fechar às 16:00 (08:00 em Lisboa). A contagem dos votos começará de imediato, sendo esperados os resultados ao princípio da noite.

Numa ilha com mais de 23 milhões de habitantes, a escolha do futuro líder joga-se entre a Presidente cessante, Tsai Ing-wen, e o principal adversário Han Kuo-yu, ou entre duas visões divergentes sobre o futuro do território, politicamente autónomo do resto da China há sete décadas.

No entanto, Taiwan, que tem moeda própria, bandeira, forças armadas, diplomacia e governo, apenas é reconhecido como um país independente por 15 capitais em todo o mundo, sendo a maioria nações pobres da América Latina e do Pacífico. O Vaticano é o único da Europa.

No poder desde 2016, Tsai, do Partido Progressista Democrático (no poder), candidata-se à reeleição e apresenta-se como o garante dos valores democráticos face a Pequim. “Vamos votar e vamos dizer ao mundo a determinação de Taiwan na defesa da soberania, na manutenção da democracia e na continuação das reformas.”

Por sua vez, Han Kuo-yu, do Partido Nacionalista (Kuomintang, oposição), defendeu que Taiwan deve estar mais aberto às negociações com a China. No também último comício da campanha, que juntou centenas de milhares de pessoas na segunda maior cidade do país, Han destacou questões práticas como a melhoria da educação e da economia.

“Quero atrair investimentos maciços. Quero produtos a serem exportados sem parar”, afirmou.

Nos últimos dez dias de campanha, é proibida a divulgação de sondagens na ilha, mas até lá, Tsai era dada favorita à vitória, com um avanço confortável sobre Han.

Um terceiro candidato, o conservador James Soong, de 77 anos, apresenta-se pelo Partido Primeiro o Povo, um movimento favorável a Pequim.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Abstenção do PCP no OE serve para "evitar" crescimento das forças "antidemocráticas", diz João Oliveira

O líder parlamentar dos comunistas, João Oliveira, indiciou que a "arrumação" da direita, com o aparecimento do Chega e da Iniciativa Liberal (IL), pesou na definição da estratégia política do PCP, embora não "condicione" o partido. Na …

"Bolhas domésticas" e celebrações online. As sugestões de Bruxelas para o Natal

A Comissão Europeia pediu esta quarta-feira aos países da União Europeia (UE) para definirem “critérios claros” relativamente ao Natal, devendo estipular um número máximo de pessoas por ajuntamento, incentivar “bolhas domésticas” para passar as festividades …

PSD ouviu empresários em greve de fome e apela a Governo que os receba

O líder do grupo parlamentar do PSD apelou esta quarta-feira ao Governo para que receba os empresários da restauração e da animação noturna em greve de fome em frente ao Parlamento, depois de se ter …

China acusada de violar sanções à Coreia do Norte. EUA oferecem recompensa de 5 milhões

A China está a ser acusação de uma “violação flagrante” da obrigação de aplicar sanções internacionais à Coreia do Norte. Os Estados Unidos estão a oferecer uma recompensa de cinco milhões de dólares por informações. De …

Fabricante de aeronaves Embraer revela ter sido vítima de ataque informático

A fabricante aeronáutica brasileira Embraer informou esta terça-feira, em comunicado, que sofreu um ataque informático aos seus sistemas. A Embraer frisou, em comunicado divulgado aos acionistas, que o ataque “resultou na divulgação de dados supostamente atribuídos …

Filho de Michael Schumacher ascende à Fórmula 1 em 2021

O alemão Mick Schumacher, filho do antigo piloto Michael Schumacher, ascende à Fórmula 1 na próxima temporada, para pilotar um dos carros da escuderia Haas, anunciou esta quarta-feira a equipa norte-americana. Atual líder do campeonato de …

Costa diz que ilegalização do Chega não é resposta, mas sim solucionar problemas

O primeiro-ministro considerou esta terça-feira que a resposta política mais eficaz ao Chega não passa pela sua ilegalização, mas por solucionar os problemas sociais que alimentam o populismo e explicam a existência do partido. António Costa …

Após atropelamento que fez 5 mortos na Alemanha, polícia exclui hipótese de terrorismo

O condutor que ontem provocou cinco mortes ao atropelar várias pessoas numa zona pedonal, em Trier, mostra sinais de "distúrbios psiquiátricos", afirmou o procurador dessa cidade do oeste da Alemanha, com a polícia a descartar …

Sonangol admite sair do Millennium BCP se surgir uma "boa oportunidade"

A petrolífera angolana Sonangol, segundo maior acionista do Millennium BCP com cerca de 20%, admitiu aproveitar alguma “boa oportunidade” que surja para vender a sua participação. A informação foi transmitida pela Sonangol de Sebastião Gaspar Martins, …

Portugal com mais 68 mortos e 3.384 novos casos de covid-19

Portugal contabiliza esta quarta-feira mais 68 mortos relacionados com a covid-19 e 3.384 novos casos de infeção com o novo coronavírus, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). Desde o início da pandemia, Portugal já registou 4.645 …