Um superfungo mortal está a espalhar-se pelo mundo (e ninguém sabe como pará-lo)

(dr) Legionella Control International

Originalmente identificado no Japão, em 2009, o Candida auris já teve surtos em 5 continentes

Uma infecção fúngica mortal que é resistente aos principais medicamentos antimicrobianos está a espalhar-se globalmente. Os cientistas não têm certeza de onde veio.

O fungo, chamado Candida auris, é uma levedura que normalmente vive inofensivamente na pele e nas membranas mucosas, de acordo com os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC). De acordo com o The New York Times, uma forma do fungo resistente a medicamentos surgiu em todo o mundo, inclusive na Inglaterra, Espanha, Índia, Venezuela e Estados Unidos.

“É uma criatura da lagoa negra”, disse Tom Chiller, chefe do ramo de fungos do CDC, citado pelo Live Science. “Agora está em toda parte.”

O CDC emitiu pela primeira vez um alerta sobre o C. auris resistente a medicamentos em 2016 e hoje descreve-o como uma “ameaça séria”. De acordo com o alerta, o fungo foi descoberto pela primeira vez em 2009 a partir da cera do ouvido de um paciente no Japão, embora um estudo retrospetivo de amostras médicas antigas tenha encontrado uma infecção desde 1996 na Coreia do Sul.

A maioria das cepas de C. auris é resistente a pelo menos uma classe de drogas antifúngicas, de acordo com o CDC, e mais de um terço das cepas são resistentes a duas. Um subconjunto de cepas é resistente a todas as três classes de drogas antifúngicas.

O que torna a infecção ainda mais alarmante é que o fungo persiste nas superfícies e foi documentado a espalhar-se de pessoa para pessoa dentro de hospitais e clínicas. Metade dos residentes testados em algumas casas de repouso na área de Chicago tiveram reultados positivos para C. auris. Até agora, o CDC recebeu 587 notificações de casos nos Estados Unidos.

As infecções por C. auris são mais letais para aqueles que já têm sistemas imunológicos comprometidos, incluindo os idosos e os muito jovens. A infecção geralmente espalha-se nos ambientes de cuidados de saúde, muitas vezes afetando aqueles que já estão em saúde precária. Os sintomas iniciais são febre, dores e fadiga. A doença pode ser fatal, particularmente se disseminar para o sangue, cérebro ou coração.

As cepas de C. auris resistentes a drogas são geneticamente distintas em diferentes continentes, sugerindo que a resistência a drogas está a evoluir separadamente, mas simultaneamente em todo o mundo. Não é claro o que está a causar o aumento das “superbactérias” fúngicas.

Um combate em silêncio

O combate ao Candida auris é uma preocupação que se estende a vários países em todo o mundo mas que tem sido mantida debaixo de algum secretismo por parte dos organismos de estado que lidam diretamente com o desafio. Argumentam que a não divulgação de informação relativa a este combate serve para evitar alarmismos.

Um exemplo paradigmático do secretismo que envolve a expansão do fungo Candida auris é o de um hospital de Valência, em Espanha. Em 2016, foram identificadas como portadoras da fungo 372 pessoas no Hospital de La Fé, da Universidade Politécnica de Valência. Desses, 85 doentes desenvolveram infeções no sangue. Os restantes não chegaram a desenvolver nenhuma doença apesar de serem portadores do fungo. 41% destes pacientes infetados morreram no espaço de 30 dias.

 

ZAP //

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

    • Não é a Humanidade o cancro em si, mas certos homens que dela fazem parte, nomeadamente os Gananciosos, tal como num corpo, não são todas as células que compõem o cancro, mas apenas algumas delas, desviantes, que causam a doença.
      Procura e verás que a origem de TODOS os males deste mundo advêm do dinheiro, da ganância. Poderá não ver por agora o que quero dizer, mas espero que consiga lá chegar.

  1. “superbactérias” fúngicas???? por favor … “superanimais” vegetais ou também, já agora. não vos soa mal de todo o mau uso da “comparação” ?

  2. Pior ainda são as superbactérias candidus esquecidus que existem nas comissões de inquérito do nosso querido parlamento.

  3. Kkk td Euvira é raiña #daZ treva kkk #rad tb sei oq vc ta dzendo #tj mas agora teño interese em me apresentà como cobaia pq axo q to c esa tretaê #cauris

Parker Solar Probe lança nova luz sobre o Sol

Em agosto de 2018, a Parker Solar Probe da NASA foi lançada para o espaço, tornando-se pouco tempo depois a sonda mais próxima do Sol. Com instrumentos científicos de ponta para medir o ambiente em …

Encontrado no mar das Malvinas navio alemão da I Guerra Mundial 105 anos depois de naufragar

O naufrágio de um cruzador alemão da I Guerra Mundial foi identificado nas Ilhas Malvinas, onde foi afundado pela Marinha britânica há 105 anos. O SMS Scharnhorst foi o principal ativo da esquadra alemã na Ásia …

Boavista 1-4 Benfica | Águia goleia no xadrez do Bessa

O Benfica deu o pontapé de saída da 13ª jornada com uma vitória competente na visita ao Boavista, por 4-1. Num jogo potencialmente perigoso para as aspirações “encarnadas”, frente a um adversário com somente uma derrota …

Cientistas desenvolvem técnica para determinar o humor através da caligrafia

Uma equipa de cientistas estudou a biomecânica dos movimentos das mãos a escrever e a desenhar, e desenvolveu um método para avaliar as propriedades individuais da velocidade de escrita e da pressão do lápis no …

Quase seis mil denúncias de agressões sexuais em viagens da Uber nos EUA

A plataforma de transporte de passageiros Uber divulgou na quinta-feira um relatório, revelando quase seis mil denúncias de agressões sexuais a utilizadores, motoristas e terceiros nos Estados Unidos (EUA), em 2017 e 2018. No relatório de …

Polícia de Los Angeles vai usar dispositivo "ao estilo Batman" para prender suspeitos

A polícia de Los Angeles, nos Estados Unidos, vai adotar, no início do próximo ano, um novo dispositivo, conhecido como BolaWrap 100, que dispara um cinto de fibra sintética a uma velocidade de 200 metros …

Corriere dello Sport defende-se das acusações e garante ser "inimigo do racismo"

O jornal desportivo italiano Corriere dello Sport afirmou esta sexta-feira ser “inimigo do racismo”, defendendo-se das críticas motivadas pela manchete de quinta-feira, com o título “Black Friday” e ilustrada com os futebolistas negros Romelu Lukaku …

Alisadores e tintas para cabelo podem aumentar o risco de cancro da mama

Alisadores e tintas para cabelo são dois produtos comummente utilizados por mulheres. Um novo estudo sugere que estes podem aumentar o risco de cancro da mama, especialmente em mulheres negras. Muitos produtos capilares contêm compostos que …

Black Friday. Marca de cosméticos oferece por engano desconto de 96% e perde 10 milhões em duas horas

Uma falha no site oficial da marca de produtos cosméticos Foreo fez com que o seu artigo mais caro fosse vendido com um desconto de 96%, fazendo com que a empresa sueca perdesse 10 milhões …

Camisola usada por Pelé no seu último jogo foi vendida por 30 mil euros em leilão

Uma camisola usada por Pelé no seu último jogo com a seleção brasileira foi vendida por 30 mil euros num prestigiado leilão de objetos desportivos, realizado na quinta-feira em Turim, Itália. A camisola com o número …