Um superfungo mortal está a espalhar-se pelo mundo (e ninguém sabe como pará-lo)

(dr) Legionella Control International

Originalmente identificado no Japão, em 2009, o Candida auris já teve surtos em 5 continentes

Uma infecção fúngica mortal que é resistente aos principais medicamentos antimicrobianos está a espalhar-se globalmente. Os cientistas não têm certeza de onde veio.

O fungo, chamado Candida auris, é uma levedura que normalmente vive inofensivamente na pele e nas membranas mucosas, de acordo com os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC). De acordo com o The New York Times, uma forma do fungo resistente a medicamentos surgiu em todo o mundo, inclusive na Inglaterra, Espanha, Índia, Venezuela e Estados Unidos.

“É uma criatura da lagoa negra”, disse Tom Chiller, chefe do ramo de fungos do CDC, citado pelo Live Science. “Agora está em toda parte.”

O CDC emitiu pela primeira vez um alerta sobre o C. auris resistente a medicamentos em 2016 e hoje descreve-o como uma “ameaça séria”. De acordo com o alerta, o fungo foi descoberto pela primeira vez em 2009 a partir da cera do ouvido de um paciente no Japão, embora um estudo retrospetivo de amostras médicas antigas tenha encontrado uma infecção desde 1996 na Coreia do Sul.

A maioria das cepas de C. auris é resistente a pelo menos uma classe de drogas antifúngicas, de acordo com o CDC, e mais de um terço das cepas são resistentes a duas. Um subconjunto de cepas é resistente a todas as três classes de drogas antifúngicas.

O que torna a infecção ainda mais alarmante é que o fungo persiste nas superfícies e foi documentado a espalhar-se de pessoa para pessoa dentro de hospitais e clínicas. Metade dos residentes testados em algumas casas de repouso na área de Chicago tiveram reultados positivos para C. auris. Até agora, o CDC recebeu 587 notificações de casos nos Estados Unidos.

As infecções por C. auris são mais letais para aqueles que já têm sistemas imunológicos comprometidos, incluindo os idosos e os muito jovens. A infecção geralmente espalha-se nos ambientes de cuidados de saúde, muitas vezes afetando aqueles que já estão em saúde precária. Os sintomas iniciais são febre, dores e fadiga. A doença pode ser fatal, particularmente se disseminar para o sangue, cérebro ou coração.

As cepas de C. auris resistentes a drogas são geneticamente distintas em diferentes continentes, sugerindo que a resistência a drogas está a evoluir separadamente, mas simultaneamente em todo o mundo. Não é claro o que está a causar o aumento das “superbactérias” fúngicas.

Um combate em silêncio

O combate ao Candida auris é uma preocupação que se estende a vários países em todo o mundo mas que tem sido mantida debaixo de algum secretismo por parte dos organismos de estado que lidam diretamente com o desafio. Argumentam que a não divulgação de informação relativa a este combate serve para evitar alarmismos.

Um exemplo paradigmático do secretismo que envolve a expansão do fungo Candida auris é o de um hospital de Valência, em Espanha. Em 2016, foram identificadas como portadoras da fungo 372 pessoas no Hospital de La Fé, da Universidade Politécnica de Valência. Desses, 85 doentes desenvolveram infeções no sangue. Os restantes não chegaram a desenvolver nenhuma doença apesar de serem portadores do fungo. 41% destes pacientes infetados morreram no espaço de 30 dias.

 

ZAP //

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

    • Não é a Humanidade o cancro em si, mas certos homens que dela fazem parte, nomeadamente os Gananciosos, tal como num corpo, não são todas as células que compõem o cancro, mas apenas algumas delas, desviantes, que causam a doença.
      Procura e verás que a origem de TODOS os males deste mundo advêm do dinheiro, da ganância. Poderá não ver por agora o que quero dizer, mas espero que consiga lá chegar.

  1. “superbactérias” fúngicas???? por favor … “superanimais” vegetais ou também, já agora. não vos soa mal de todo o mau uso da “comparação” ?

  2. Pior ainda são as superbactérias candidus esquecidus que existem nas comissões de inquérito do nosso querido parlamento.

  3. Kkk td Euvira é raiña #daZ treva kkk #rad tb sei oq vc ta dzendo #tj mas agora teño interese em me apresentà como cobaia pq axo q to c esa tretaê #cauris

Responder a Ana Cancelar resposta

Alverca 2-0 Sporting | Leões desinspirados afastados da Taça pelo Alverca

O Alverca surpreendeu hoje o Sporting com uma vitória por 2-0, na terceira eliminatória da Taça de Portugal, tornando-se no primeiro grande «tomba-gigantes» da competição ao afastar o atual detentor do troféu. Alex Apolinário, aos 10 …

A Barbie também arrenda casa no Airbnb

A boneca mais famosa do mundo celebra 60 anos. Agora, a empresa que produz a Barbie, a Matel, tornou a boneca uma anfitriã no Airbnb e vai arrendar uma mansão à beira-mar em Malibu, na …

Os primeiros bebés podem nascer no Espaço daqui a 12 anos

A empresa SpaceBorn United pretende realizar missões espaciais entre 24 e 36 horas para que algumas mulheres dêem à luz em órbita dentro de 12 anos. A notícia é avançada pelo fundador e CEO da empresa, …

Japão importou cinco vírus mortais, incluindo Ebola, por causa de Tóquio 2020

Com os Jogos Olímpicos à porta, um laboratório japonês decidiu importar cinco vírus mortais, nomeadamente Ebola, para fazer frente a um eventual surto durante a competição que vai levar ao país mais de 600 mil …

Empresa anónima quer os direitos do seu rosto para construir robôs (e paga 115 mil euros)

Uma empresa privada anónima está a oferecer 115 mil euros pelos direitos de usar o seu rosto numa nova linha de robôs humanóides. A empresa quer usar a imagem para dar uma cara a um robô …

Empresa está a vender vinho (com flocos de ouro) para celebrar o Brexit

Quando o Reino Unido abandonar a União Europeia, uma saída programada para 31 de outubro, é provável que as pessoas celebrem com um vinho especial com flocos de ouro. Para aqueles que querem celebrar a saída …

Neandertais ocuparam ilhas do Mediterrâneo dezenas de milhares de anos antes do que se pensava

Cientistas descobriram provas de que a ilha de Naxos, na Grécia, já era habitada por neandertais há 200.000 anos, dezenas de milhares de anos antes do que se pensava até agora. Um estudo publicado esta quinta-feira …

Testes "bárbaros" em macacos levam ativistas a pedir encerramento de laboratório alemão

Durante meses, um ativista pelos direitos dos animais trabalhou no Laboratório de Farmacologia e Toxicologia (LPT, na sigla inglesa), em Hamburgo, na Alemanha, onde testemunhou situações de violência contra os animais utilizados em testes e …

Próxima cimeira do G7 vai ser num resort de Donald Trump

A próxima cimeira do G7 será realizada num dos clubes de golfe do Presidente norte-americano, Donald Trump, na Florida, e o clima não constará da agenda de trabalhos, disse esta quinta-feira o chefe de gabinete …

Russos e ucranianos estão em guerra por causa de sopa

A sopa de beterraba é russa ou ucraniana? Um tweet do Ministério dos Negócios Estrangeiros da Federação Russa veio falar em prato nacional e a reação na Ucrânia não tardou a chegar. O tweet é de …