SpaceX já escolheu o primeiro turista espacial que vai dar a volta à Lua

SpaceX

O super-lançador Falcon Heavy vai ter um irmão ainda mais poderoso

A companhia aeroespacial SpaceX, fundada por Elon Musk, vai levar o primeiro turista ao espaço para que voe à volta da Lua.

A SpaceX, empresa aeroespacial de Elon Musk, revelou esta quinta-feira no Twitter que já escolheu quem será a primeira pessoa a dar uma volta à Lua no BFR, o seu novo foguete lançador.

“A SpaceX assinou com o primeiro passageiro privado do mundo para que voe à volta da Lua a bordo do nosso veículo de lançamento Big Falcon Rocket (BFR)”, afirmou a empresa.

A identidade do primeiro turista da SpaceX será revelada na próxima segunda-feira. Todo o evento poderá ser acompanhado em tempo real no canal de youtube da empresa. A empresa diz que esta missão é um “grande passo” para que “as pessoas comuns que sonham em viajar para o espaço” possam atingir o seu objetivo no futuro.

De acordo com os planos da companhia, o novo super-foguete deverá ser usado para viagens privadas à volta Terra, para a Lua e até mesmo para Marte. O BFR, com os seus 31 motores e capacidade de produzir até cinco vezes mais impulso do que os motores do Falcon, ainda precisa de ser devidamente testado.

As primeiras provas estão marcadas para 2019 e é estimado que o novo foguete alcance velocidades na ordem dos 27 mil quilómetros por hora, ultrapassando os atuais Falcon 9 e Falcon Heavy.

A SpaceX está na vanguarda da exploração espacial, mas está longe de estar sozinha. Outras empresas como a Virgin Galactic de Richard Branson, e a Blue Origin, de Jeff Bezos, que tem nos seus planos levar pessoas a 100 quilómetros de distância da Terra numa cápsula chama Blue Shepard, estão a disputar palmo a palmo este mercado.

Concebida como uma empresa com enormes ambições, entre elas levar o Homem até Marte, a SpaceX será responsável, no próximo ano, por levar quatro astronautas da NASA para o espaço nas naves Crew Dragon e Dragon 2 – um passo de gigante para a empresa, que até agora apenas lançou ao espaço um crash test dummy ao volante de um Tesla.

A NASA, que depois de ter encerrado o programa Space Shuttle deixou de ter autonomia para levar cargas e astronautas ao espaço (e depende para isso das Soyuz da agência russa Roscosmos), contratou a SpaceX e a Boeing – uma colaboração entre os setores públicos e privado com a qual quer recuperar o controlo das viagens espaciais para os EUA.

ZAP // Canal Tech / EFE

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Três meses depois do anúncio, o apoio de emergência às Artes ainda não chegou

Cinquenta das 311 entidades abrangidas pela Linha de Apoio de Emergência às Artes, dotada de 1,7 milhões, ainda não tinham esta quinta-feira recebido o valor que lhes foi atribuído, três meses depois do anúncio dos …

Avaliação dos professores, "mock exams" e testes no outono. Britânicos podem "escolher" as próprias notas

O Governo britânico deu aos estudantes de liceu três alternativas diferentes para obterem o resultado das suas avaliações deste ano letivo, que foi atípico devido à pandemia de covid-19. De acordo com o jornal britânico The …

Governo reitera que não há exceções para a Festa do Avante. Críticas multiplicam-se

A ministra de Estado e da Presidência destacou que o Governo “não tem competências legais ou constitucionais” para proibir iniciativas políticas como a Festa do Avante!, mas salientou que não serão admitidas exceções às regras. Na …

Trabalhadores que estiveram em lay-off durante pelo menos 30 dias também vão ter bónus

O Conselho de Ministros aprovou um decreto-lei que clarifica que os trabalhadores que estiveram em lay-off por mais de 30 dias consecutivos, mesmo sem completar um mês civil, vão receber o complemento de estabilização. "Criado com …

Marcelo pede tolerância zero contra o racismo (e pede “sentido nacional” a Governo e oposição)

O Presidente da República recomendou esta quinta-feira aos democratas “tolerância zero” e “sensatez” para combater o racismo, ao comentar as ameaças de que foram alvo três deputadas e outros sete ativistas. “Os democratas devem ser muito …

43% das escolas no mundo sem condições de higiene para reabertura segura

Mais de 40% das escolas no mundo não têm acesso a condições básicas de higiene, como água para lavar as mãos e sabão, aumentando os riscos de reabertura no contexto da pandemia de covid-19, alertam …

Mais seis mortes, 325 novos casos e 237 recuperados

Portugal regista esta quinta-fira mais seis mortes por covid-19, 325 novos casos de infeção e mais 237 pessoas dadas como recuperadas em relação a quarta-feira, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo …

"Filme fantástico". Novo livro revela cartas entre Kim Jong-un e Donald Trump

O líder norte-coreano, Kim Jong-un, qualificou o seu relacionamento com o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, como um “filme fantástico”, segundo os editores de um livro a ser publicado, que revela a correspondência entre …

Grupo avisa Bruxelas que Portugal pode tornar-se ilha ferroviária na Europa

Um grupo de portugueses ligados ao setor ferroviário alertou a comissária europeia dos Transportes para a possibilidade de Portugal se tornar uma ilha ferroviária na Europa devido ao atraso em adotar "a bitola europeia" nas …

China encontra traços do coronavírus em asas de frango importadas do Brasil

Traços do novo coronavírus foram encontrados em asas de frango importadas do Brasil, na cidade de Shenzhen, no sul da China, noticiou, esta quinta-feira, um jornal oficial do Partido Comunista Chinês (PCC). Os traços foram detetados …