O foguete Falcon Heavy, da SpaceX, descolou com sucesso da plataforma de lançamento 39A do Centro Espacial John F. Kennedy, na Flórida, no que foi o seu primeiro voo de demonstração.

A viagem servia para testar se o Falcon Heavy, com 70 metros de altura e capaz de transportar mais de 66 toneladas, podia ser usado para transportar carga para o espaço. E a carga testada era nada menos que um Tesla com um passageiro especial.

O foguete, considerado actualmente o mais poderoso do Mundo  e o segundo mais potente da história, atrás apenas do Saturno V, da NASA, partiu para o espaço com um luxuoso Tesla Red Roadster.

Dentro do icónico veículo eléctrico, cientistas da empresa do bilionário Elon Musk instalaram um manequim com dimensões humanas, vestido de astronauta com um dos novos fatos espaciais da SpaceX e baptizado Starman em homenagem ao músico David Bowie – autor do álbum Space Oddity e do tema Life On Mars, entre outros que nos anos 70 dedicou à exploração espacial.

A ideia, concluída com sucesso, era colocar o carro em órbita do sol. Lançado no espaço, o Tesla Roadster irá agora entrar em orbita da nossa estrela até que ela se apague, daqui a uns milhares de milhões de anos – excepto, claro, se for entretanto atingido por um asteróide em contra-mão ou parado por um polícia espacial por excesso de velocidade.

O objetivo da SpaceX é usar o foguetão gigante para transportar satélites mais pesados para o espaço e até, no futuro, seres humanos, graças à sua potência e capacidade apenas superados pela aeronave Saturn V, que esteve ao serviço nas missões Apollo nas décadas de 60 e 70.

Os entusiastas da aventura espacial podem acompanhar a trajectória do veículo e do seu ilustre tripulante na transmissão ao vivo do canal da SpaceX no YouTube.

O Falcon Heavy é a primeira etapa de um ambicioso plano de Musk. A ideia do carismático milionário, que planeia levar os primeiros humanos a Marte já em 2024, é levar para o Planeta Vermelho pelo menos 100 pessoas por ano durante 100 anos – acelerando assim a sua colonização.

De acordo com o SpaceX, o Falcon Heavy é capaz de colocar em órbita uma carga de quase 64 toneladas métricas, o dobro da carga de seu rival mais próximo, o Delta IV Heavy.

Uma das características mais inovadoras do novo foguetão da SpaceX é que os foguetões propulsores laterais são recuperáveis, de uma forma invulgar: após o lançamento, voltam à Terra e aterraram sozinhos.

O lançamento com sucesso do Falcon Heavy foi um pequeno passo para um manequim, mas sem dúvida um passo de gigante na caminhada para Marte.

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. O engenheiro do Hitler Von Braun construiu o Saturno V há quase 60 anos . Maior e mais potente e supostamente teria colocado o homem na Lua … ou não? Porquê tanta festa para colocar um boneco no espaço ?

RESPONDER

O céu de Wuhan iluminou-se com 400 drones para homenagear a população

O céu de Wuhan, cidade chinesa onde se pensa ter surgido o novo coronavírus, em dezembro de 2019, foi iluminado, este domingo, com 400 drones para homenagear os habitantes. De acordo com o vídeo da CGTN, …

Vila do Conde revela que tem 173 casos ativos no concelho

A Câmara de Vila do Conde, do distrito do Porto, revelou esta quarta-feira que existem 173 casos ativos de covid-19 no concelho e que já está em marcha um plano de apoio à população, assim …

Descarrilamento de comboio na Escócia faz pelo menos três mortos

Três pessoas morreram e seis ficaram feridas em consequência do descarrilamento de um comboio de passageiros na Escócia, anunciou a polícia escocesa, citada pela agência Lusa. O acidente ocorreu 160 quilómetros a nordeste de Edimburgo. Numa primeira …

Temido garante que "não haverá exceções" para o Avante (e pede cautela com vacina russa)

A ministra da Saúde defendeu esta quarta-feira que a lotação da Festa do Avante!, organizada pelo PCP, terá este ano que ser inferior à capacidade máxima de 100 mil pessoas do recinto no Seixal, por …

Trump pondera impedir entrada de residentes suspeitos de exposição à covid-19

A Administração norte-americana está a ponderar barrar a reentrada no país a cidadãos norte-americanos ou residentes legais suspeitos de terem sido expostos ao novo coronavírus. De acordo com o Jornal Económico, que cita o jornal New …

Pelo menos 42 feridos em Beirute em confrontos entre polícia e manifestantes

Pelo menos 42 pessoas ficaram feridas, esta terça-feira, em confrontos entre manifestantes e a polícia, pelo quarto dia consecutivo, nas proximidades do Parlamento em Beirute. De acordo com a Cruz Vermelha libanesa, dos pelo menos 42 …

ONU envia ajudas para estabilizar falta de alimentos no Líbano

A Organização das Nações Unidas já começou a ajudar o Líbano, através do envio de farinha de trigo. O objetivo é começar a colmatar a falta de alimentos destruído pelas explosões. Segundo o The Washington Post, …

Mais três mortes e 278 novos casos. Infeções aumentam no Norte

Portugal tem atualmente 12.519 casos ativos de covid-19 e 161 surtos, circunstâncias em que os casos ativos estão ligados a um fenómeno comum, anunciou esta quarta-feira a ministra da Saúde em conferência de imprensa. Esses surtos, …

Oito bebés em Portugal têm a mesma doença que Matilde (e já tomaram o medicamento mais caro do mundo)

Em Portugal, há oito bebés com até 2 anos que já tiveram autorização para tomar Zolgensma, o medicamento mais caro do mundo que pode ser a esperança para os casos de Atrofia Muscular Espinhal. O Jornal …

Praia de Copacabana será a primeira com reserva no areal para banhistas

A praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, Brasil, será o local de testes de um sistema de marcação de lugares no areal através de uma aplicação digital criada pela prefeitura carioca para evitar a …