Portugal “propositadamente atrasado”. Sócrates elogia gastos do seu Governo

André Kosters / Lusa

O antigo primeiro-ministro e ex-líder socialista, José Sócrates

Começou por elogiar a “coragem” dos alunos, por o convidarem, e não se conteve num “auto-elogio”, nem nas críticas à austeridade do Governo de Passos Coelho. Durante mais de duas horas, numa conferência na Universidade de Coimbra, José Sócrates falou da teoria do Portugal “propositadamente atrasado” e de como o seu Governo foi o último com uma visão moderna de desenvolvimento.

Convidado pelos estudantes da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra (FEUC) para a conferência intitulada “O projecto europeu depois da crise económica”, José Sócrates começou por elogiar quem lhe fez o convite, pela “coragem” e o “desassombro de não cederem ao politicamente correcto”.

Depois, não se poupou nas críticas à política da Troika, implementada após a queda do seu Governo. A “austeridade foi ajuste de contas ideológico”, defendeu o ex-primeiro-ministro, considerando que “como resposta à crise falhou em toda a linha”.

Para o antigo governante, é evidente que a Europa criou “uma narrativa” de que “a crise era da responsabilidade dos Estados”, quando, na verdade, “foi a crise que causou o défice e não o contrário”, considerou.

“É como se alguém estivesse num buraco e, para sair do buraco, escava mais, afundando-se ainda mais”, resume Sócrates, definindo a austeridade como uma “receita desastrosa”. “Este Governo deixou de escavar, abandonou a austeridade, e só aí é que se começou a verificar recuperação”, acrescentou no elogio ao Executivo de António Costa.

Mas Sócrates também se lançou em auto-elogios, destacando a falta de ambição dos decisores políticos e notando que Portugal “precisa de um projecto de desenvolvimento” como já teve quando foi primeiro-ministro, entre 2005 e 2011.

“Pode soar a auto-elogio, mas das últimas vezes que ouviram falar de um projecto de modernização foi quando havia um Governo – e eu liderei esse Governo – que apostava nas energias renováveis, na construção de barragens, na modernização e reconstrução das escolas públicas portuguesas, quando apostámos em mais ciência e mais investimento para a ciência, nas tecnologias de informação, isso era um projecto de desenvolvimento“.

Abandono do TGV condena Portugal ao atraso

“O país precisa de recuperar essa vontade, essa ambição, de investimento em algumas áreas críticas, como se fez no passado”, declarou ainda, notando que o projecto do TGV “foi posto em causa por uma visão política” que o encara como um “desperdício” e “dinheiro deitado fora”. “Isso é um erro”, concluiu.

Sobre o abandono do projecto da ligação de alta velocidade ferroviária a Espanha e à Europa, Sócrates disse que é uma “ideia reaccionária” que revela “resignação e falta de ambição”.

“A ideia que a rede de alta velocidade em bitola europeia vai parar em Badajoz, com o país propositadamente atrasado e por uma decisão política que nos condena ao atraso, é das ideias mais reaccionárias que eu tenho visto a desenvolver no nosso país”, afirmou.

“É a ideia de resignação, [do] sim, devemos aceitar tudo isto e não devemos escolher ninguém que tenha um pouco mais de visão para a modernização e para o crescimento económico português”, criticou o antigo primeiro-ministro.

E quando questionado por um aluno sobre se esta sua intervenção pública é um sinal de que está a preparar uma candidatura presidencial, Sócrates reagiu notando que esse é assunto “de bruxaria”. E, portanto, mais vale deixá-lo “entregue aos videntes que fazem disso profissão”, constatou.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

45 COMENTÁRIOS

  1. ESte gajo não se enxerga mesmo. ès mais do mesmo, irresponsável, egocêntrico, vigarista, vendedor de sonhos que se toram em IMENSOS PESADELOS,
    Cresce deixa de ser o Peter Pan que vive na Terra do Nunca,

    • Claro,… ele queria “mais gastos” porque dessa maneira ele podería roubar mais… e fazer as negociatas dele com milhões e mais milhões

      • Qual roubar!
        Falemos em comissões, ou em participação.
        O homem perdeu milhões ao ficar apeado e por não ter concretizado os negócios do TGV e do novo aeroporto.
        No lugar dele eu também ficava chateado. Muito chateado com o Sr dos Passos!

  2. Extraordinário mesmo é que um ex-primeiro ministro, devidamente licenciado, que salvou o país da falência a que este nos levou, tenha levantado a onda de contestação por começar a dar aulas numa Universidade, e que um primeiro ministro que levou o país à falência, se licenciou a um domingo e que é arguido por uma m\ao cheia de crimes, seja ovacionado em palestras universitárias.

    • O Engº Sócrates é licenciado por Coimbra, engº tecnico. Conheço muitos que o são tb e estão em grandes empresas. Não confundam a licenciatura de Eng Técnico com a outra que dizem que foi tirada ao domingo.
      Mas isto é tb uma falácia. O diploma é que tem a data de um domingo. O curso não é feito num dia.
      Eu trabalho ao domingo, mando documentos muitas vezes para a ATributária, faço pagamentos ao domingo e nunca nada me foi devolvido ou dito que era ilegal, por ter data de um domingo

    • Passos Coelho, caso não saiba, (e não sabe mesmo!) não salvou o país. O que ele fez foi enterrá-lo ainda mais! Veja-se, por exemplo, o caso dos CTT…
      Mas… quantos às aulas e palestras… Estamos a falar de algo muuuuuuito diferente! O Sócrates foi dar uma conferência (assim como o Passos) e foi ovacionado assim como outros que lá estiveram (como o Passos). O que é criticado é o facto do Passos (que fez a m erda que fez) ir dar aulas (á nossa custa) numa Universidade Pública. Por favor, faça a distinção. Palestra é uma coisa, aulas é outra!

      • Faz por acaso ideia por que teve a Troika que intervir novamente em Portugal?
        Parece que não. Sócrates deixou o país à beira do abismo. O papel difícil (nem vou questionar se foi bom ou mau) foi desempenhado por Passos, que teve que governar sob intervenção externa. A palestra/conferência não serviu para mais nada a não ser a limpeza da sua imagem e continuar a sua defesa pública, o ataque ao Governo de Passos e a continuação do processo de vitimização. Abram a pestana!

    • por isso se demonstra que a maioria se identifica com um …..corrupto ladrao vigarista e trapaceiro..e detesta o outro so porque nao deixou que a bancarrota prejudicasse mais os portugues. nao precisamos de medir o intimo dos portugueses para saber o que eles preferem…..
      tambem temos que contar para o modo de”pensar” dos portugueses com a propaganda que os grupos radicais e socialistas tem feito nos midia e na internet para desacreditar qualquer um que tente dar um rumo de civilidade e bom senso ao pais…

    • Muito bem observado, mas infelizmente vivemos num país com mentalidade esquerdista e comunicação social (merdosa) também esquerdista. Apenas o trafulha tem mérito, apenas o compadrio merece progressão e enriquecimento. Tudo com o aval de juizes e restantes órgãos soberanos, não tem solução possível, corrupção a mais…

      • HA, HA, HA, HA!!! A comunicação social é esquerdista!…. Imagine se fosse direitista!…
        Com o aval dos juízes? Deve estar a brincar… Deve estar a confundir com o (des)governo do Passos…
        Mas concordo consigo relativamente á designação que usou para a comunicação social (e maném-se assim independentemente da côr que está no governo): merdosa!

  3. É inqualificável que convidem um individuo destes para uma palestra, é mesmo de gente sem vergonha, sem caracter, devem de querer ser os seus substitutos para ocuparem no futuro os cargos e levarem o país ao abismo.
    É tal a ignorância que se se vai contra um homem sério que fez o melhor que pode para tirar o país do lodo onde o Sr. Engº. o colocou, e se aplaude um sem escrupulos nenhuns.
    Devem ter colocado xanax na água que bebem ou no ar que respiram , pois nem quero acreditar que se possa ser tão ignorante a este ponto.
    Muito mal vai esta País ….

    • Não sabe que muitos daqueles alunos, ou todos, pertencem ao PS ou andam lá perto? Professores e quejandos. Por isso sempre farão tudo para defender o seu líder, o seu partido e o menino de ouro do PS. Mesmo que fosse Satanás sempre teria quem o defendesse…!

      • Pois… Esses alunos “todos” do PS convidaram também o Passo e o bonequinho Marques Mendes… Mas que líder afinal “eles” defendem?

    • “É inqualificável que convidem um individuo destes para uma palestra, é mesmo de gente sem vergonha, sem caracter, devem de querer ser os seus substitutos para ocuparem no futuro os cargos e levarem o país ao abismo.” Pois… E não é que convidaram o Passo também? Como a compreendo… Esta gente não tem mesmo vergonha…

  4. Certas pessoas são tão fanáticas, denotando motivações, vá lá o diabo saber porquê, que acabam a falar sem nexo.
    SÓCRATES, quer queiram, quer não, foi talvez o melhor Primeiro Ministro da História do Portugal democrático, exatamente porque tinha AMBIÇÃO para PORTUGAL; estamos fartos de cabeças pequenas; de falácias de certos meios-homens a tentar impor “destinos ” aos outros, do “orgulhosamente sós”, etc…, etc… e curiosamente, sempre que alguém reafirma o superior interesse nacional para NÓS, enquanto País periférico, põem-se alguns, felizmente cada vez menos, a fazer o papel, talvez pago ou encomendado, de, diria – Atirarem em tudo o que move, numa completa insanidade mental – Larguem o Homem; vão trabalhar !.

    • “Sócrates o melhor Primeiro Ministro da História do Portugal democrático”, “porque tinha ambição para Portugal”. Duas frases que só come quem tem ou um QI muito baixo ou algo a ganhar com a presença do Pinto de Sousa no poder. E com que autoridade manda os outros trabalhar? Sócrates tem o condão de estar metido em tudo o que é aldrabice, mas serão certamente coincidências…!

  5. Tem toda a razão, … mas é demasiado triste ver até onde vai toda esta podridão, só conta o tacho deles, pisam tudo por onde passam, destroem qualquer esperança de quem tenta sobreviver neste lamaçal … é mau demais para ser verdade

  6. Tal como alguém disse, dar oportunidade a este fulaninho de falar sobre economia numa universidade é como dar oportunidade ao Zé Cabra de falar de música clássica na casa da música do Porto!

  7. Ó Sócrates, porra!!… está calado. O TGV? só estamos atrasados uns 3 minutos e poupamos uns biliões..TGV para Portugal? só um lunático. Sim, talvez com uns empréstimos de uns “amigos” lá fossemos.

    • Bem… Biliões é palavra que não existe em português (excepto na variante brasileira, talvez…). “TGV para Portugal? só um lunático.” Como a memória é fraca… Parece que já se esqueceu que foi a Ferreira Leite que foi à Europa implorar pelo TGV… Mas afinal quem é lunático?

      • Quem não sabe do que fala é melhor manter-se em silêncio!

        bilião | s. m.
        substantivo masculino
        1. Um milhão de milhões
        2. [Brasil] Mil milhões
        3. [Informal, Figurado] Número ou quantidade muito grande (ex.: um bilião de vezes).

        “bilião”, in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, https://www.priberam.pt/dlpo/bili%C3%A3o [consultado em 02-04-2018].

        E quem se prende a questões de ortografia para argumentar…

  8. A Universidade de Coimbra talvez esteja a pensar cozinhar uma fornada de “ingenheiros” da laia do convidado, por bom caminho vai a sociedade portuguesas com gente desta!.

  9. Apenas este saiu. O gangue continua lá todo. E o povo burro apoia este governo. Há mesmo coisas difíceis de entender. Apenas saiu o Alibabá. Os outros 40 continuam lá.

    • Oh Alibaba!!!. Por favor não insulte o burro, que é um animal inteligente, meigo, útil e não tem nada de acéfalo e ainda por cima com um Q.I. superior a muitos humanóides, e além disso não rouba. Tal comparação é um tremendo insulto ao quadrúpede….

    • “o povo burro apoia este governo”. Pois… Tem razão. Foi mais ou menos este “povo burro” que apoiou o (des)Governo anterior… em que ficamos? Na sua burrice, na minha ou… de todos os portugueses (que vão votar, porque os outros nem sequer os considero)?

  10. Colocando de parte aquilo que para muitos é essencial, o conjunto de aparentes trapalhadas e eventuais indícios de má gestão e/ou corrupção, abusos de poder, que estão a ser avaliados na justiça, é verdade que havia um rumo e um projeto para o país que passava pela sua modernização (equipamentos educativos, redes viárias e energias renováveis, entre outros – não é rasoável). Pode discutir-se a forma como se procurou reunir os meios financeiros (PPP’s) e respetivas contrapartidas, que se revelou mais ou menos catastrófica, mais havia claramente um projeto e uma ideia de futuro, que parecia certa para o país. Desde essa altura não voltou a haver. Passou-se a gerir o dia a dia. É importante retomar uma ideia de futuro que oriente não só as políticas públicas como a iniciativa privada.

  11. Notem meus caros que nos jogos de MARIONETAS nem os fios, a que elas estão ligados, se vêm.
    Contudo é através deles que o real manobrador imprime, no momento que considera mais conveniente, os respectivos movimentos ficando sempre na sombra.
    No caso presente quem é o MAQUINISTA MANOBRADOR QUE É ?????????????????????
    Pois, tal como nos jogos de marionetas jamais se saberá a não ser por vontade do próprio.

    • bela e intrigante interrogaçao……. mas as vezes ha a promenores que levantam alguns veus sobre o maquinista…. e preciso seguir as setas!!! eheheheheh….
      desede que a internacional socialista se aliou a alguns grupos radicais e é financiado pelo mesmo centro financeiro que domina os midia e a alta finança mundial e ja controlam tambem e por detras das cortinas da democracia crista, o poder em bruxelas…é mais facil saber quem e o maquinista desta locomotiva a caminho do paraiso dos macacos!!!

  12. Dentro de poucos dias faz 44 anos que este país pertence aos Alibaba e os 40.000 ladrões Ficavam bem como ornamentação na Ponte Salazar….pendurados pelas patas,, como ornamentação!!! O centro fica reservado para os que já morreram….

  13. GRANDE SÓCRATES! Este individuo é mesmo louco, não pode abrir a boca porque só diz asneiras. Como foi possível terem convidado este homem para a Universidade de Coimbra? Foi falar sobre o quê? Corrupção, vigarices e outros temas que tenham origem em dinheiro por baixo da mesa? Este homem não tem os pés assentes na terra, não tem vergonha na cara, como é possível darem-lhe atenção e alimentarem as alucinações dele. Este homem fica na História de Portugal por todo o mal que fez aos portugueses.

  14. A maçonaria é isto mesmo. E ainda há quem pense que o seu voto fará alguma diferênça. As tetas são diferentes mas a vaca é a mesma.

RESPONDER

Johnson & Johnson acusada de vender pó de talco com propriedades cancerígenas a mulheres negras

A gigante farmacêutica Johnson & Johnson continuou a comercializar pó de talco para mulheres negras, apesar de existirem provas de que esses produtos causam cancro. A queixa contra a Johnson & Johnson, apresentada pelo Conselho Nacional …

Termina hoje prazo para receber reembolso do IRS

O prazo para a Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) liquidar as declarações de IRS termina este sábado, depois de uma campanha que contou com mais quase seis milhões de entregas. De acordo com o portal da …

UE condena "instrumentalização" de refugiados pela Bielorrússia

A União Europeia (UE) condenou esta sexta-feira "a instrumentalização de migrantes e refugiados pelo regime bielorrusso", alegando que é "totalmente inaceitável" usar pessoas para "promover objetivos políticos" e prometeu avaliar hipótese de punição de contrabandistas. O …

André Ventura - Chega

Autárquicas serão "início do fim do reinado" de Costa. Em Moura, Ventura é apelidado de "fascista"

Esta sexta-feira à noite, em Moura, um grupo de pessoas juntou-se perto do comício de André Ventura, em protesto, apelidando o líder do Chega de "fascista". O líder do Chega, André Ventura, apresentava esta sexta-feira os …

Incêndios na Turquia chegam a zonas turísticas. Há suspeitas de mão criminosa

Os devastadores incêndios que se estão a fazer sentir na zona sul da costa da Turquia já fizeram pelo menos quatro mortes. Depois das ondas de calor mortais nas Américas, inundações na Europa e China e …

Sonae vende 24,99% da empresa que detém o Continente por 528 milhões de euros

O grupo Sonae acordou vender uma participação de 24,99% na Sonae MC, a proprietária dos supermercados Continente, por 528 milhões de euros, informou em comunicado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM). A alienação de …

Supertaça. Sporting e Sp. Braga defrontam-se 39 anos depois (e adeptos regressam aos estádios)

Sporting e Sp. Braga lutam este sábado pelo primeiro título da época (e os adeptos já vão estar na bancada). O encontro da 43.ª edição da supertaça Cândido de Oliveira está marcado para este sábado, …

Vacinação de crianças divide peritos. Mas sem a inoculação dos mais novos a imunidade pode não chegar

Na sexta-feira, a Direção-Geral de Saúde anunciou que recomenda que a vacinação contra a covid-19 de jovens dos 12 aos 15 anos com comorbilidades. No entanto, o tema está a gerar controvérsia e divide opiniões …

Governo com margem política para abdicar de 15% do Novo Banco

Em 2022, o Governo tem margem política para abdicar do direito de entrar como acionista no Novo Banco (NB), inicial­mente com uma participação de mais de 2%, mas que pode subir a 15%. Para já, nem …

Tóquio2020. Biles renuncia também às finais de salto e barras assimétricas

A ginasta norte-americana Simone Biles, que renunciou à final do concurso geral individual dos Jogos Olímpicos Tóquio2020, também não vai participar das finais de domingo de salto e barras assimétricas, informou esta sexta-feira a Federação …