Smellicopter, o drone que usa uma antena de traça para detetar cheiros

Uma equipa liderada pela Universidade de Washington, nos Estados Unidos, desenvolveu o Smellicopter, um drone autónomo que usa uma antena viva de uma traça para navegar em direção aos cheiros.

Por serem tão pequenos, os drones conseguem ter acesso a lugares que os seres humanos não conseguem chegar, uma característica que se torna muito útil em situações de emergência.

Com este objetivo em mente, uma equipa de cientistas liderada pela Universidade de Washington quis desenvolver um dispositivo capaz de se mover em situações perigosas, “farejando” substâncias tóxicas para encontrar sobreviventes de acidentes, fugas de gás ou ameaças relacionadas com explosivos.

O resultado é um drone autónomo que usa antenas de traças para o ajudar a mover-se em direção a cheiros diferentes. “Usando uma antena de traça real, conseguimos obter o melhor dos dois mundos: a sensibilidade de um organismo biológico numa plataforma robótica cujo movimento pode ser controlado por nós”, explicou Melanie Anderson, da Universidade de Washington, citada pelo EurekAlert.

Os cientistas batizaram-no de Smellicopter, ou “Cheirocóptero” e o artigo científico foi recentemente publicado na Bioinspiration & Biomimetics.

As traças usam as suas antenas para detetar produtos químicos, procurar fontes de alimento e até eventuais companheiros. Como as antenas destes insetos são capazes de amplificar sinais químicos, os cientistas decidiram anestesiar traças Manduca sexta para, desta forma, retirarem as suas antenas e poderem usá-las neste drone biónico.

Uma vez separada, a antena permanece biologica e quimicamente ativa durante quatro horas, mas o intervalo de tempo pode ser estendido armazenando as antenas no frigorífico.

A antena foi depois conectada por fios a um circuito de análise, que deteta as alterações elétricas na antena conforme é exposta a odores. Para isso, a equipa comparou os sinais da antena com os sinais gerados por sensores eletrónicos enquanto submetia ambos aos mesmos cheiros, como etanol e perfumes florais.

A antena reagiu mais rapidamente e demorou menos tempo para recuperar entre os odores. “Do ponto de vista da robótica, isto é ótimo”, comentou o investigador Sawyer Fuller.

O drone não necessita de ajuda para procurar odores. O Smellicopter voa de forma autónoma, imitando o modo como as próprias traças procuram os cheiros.

O equipamento começa a sua busca movendo-se para a esquerda e, se não se cruzar com o cheiro específico que está a procurar, move-se para a direita pela mesma distância, evitando qualquer obstáculo que surja no caminho.Assim que deteta um odor, muda o seu padrão de voo para avançar na sua direção.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Ataques aéreos dos EUA mataram até 48 mil civis em 20 anos. Pentágono admite morte de civis em Cabul

Uma investigação independente concluiu que entre 22 mil e 48 mil civis morreram vítimas de ataques aéreos das forças dos EUA desde o 11 de Setembro. O Pentágono admitiu também que o ataque a um …

Fernando Pimenta é campeão do mundo em K1 1.000 (e aponta a "mais medalhas" do que os golos de Ronaldo)

O canoísta Fernando Pimenta sagrou-se campeão mundial de K1 1.000 metros, ao bater o húngaro Balint Kopasz na final, nos Mundiais de Copenhaga, aumentando para dois os pódios de Portugal na Dinamarca. Na pista quatro, Pimenta …

MNE garante que todos os afegãos que trabalharam com o Exército português foram retirados do país

O ministro dos Negócios Estrangeiros garantiu esta sexta-feira que o Governo apoiou a retirada de todos os afegãos que trabalharam com as forças portuguesas no Afeganistão, reconhecendo ser "provável" alguns não terem respondido aos contactos. "Nós …

"Não quero ser arrogante: o melhor médio da Premier League sou eu"

Yves Bissouma joga no Brighton e tem despertado o interesse de clubes ingleses de outro nível. Cresceu no Mali ao serviço do Majestic SC, passou pelo AS Real Bamako antes de rumar à Europa. Começou por …

Tratamento inovador para cancro pesa nos orçamentos do IPO de Porto e Lisboa

Os custos associados ao tratamento de cancros do sangue com células CAR-T estão a ser suportados apenas pelos hospitais autorizados a aplicá-la, no caso, os IPO do Porto e de Lisboa. De acordo com o Jornal …

Gravuras descobertas no Tibete são as mais antigas da arte pré-histórica. Foram feitas por crianças

Uma equipa encontrou antigas pegadas e marcas de mãos feitas por crianças no planalto tibetano. Esta descoberta traz novos detalhes sobre a presença humana no local. O estudo, publicado na revista Science Direct, revela que estes …

Comissão nos EUA desaconselha terceira dose da Pfizer a maiores de 16 anos

Uma comissão consultiva da agência reguladora dos EUA para os medicamentos e a alimentação (FDA, na sigla em inglês) pronunciou-se esta sexta-feira contra a aplicação de uma terceira dose da vacina Pfizer contra a covid-19 …

Santos Silva quer preços da eletricidade na agenda da UE

O ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, defendeu esta sexta-feira que a União Europeia (UE) tem de colocar em agenda o problema do aumento dos preços da eletricidade no continente, alertando que a reação …

Já há uma calculadora que prevê o risco de se ser infetado com covid-19 (em diversos cenários)

Já existe uma ferramenta online que calcula o risco de se ser infetado com covid-19. Chama-se microCOVID, baseia-se em dados recentes, analisa diferentes cenários e foi desenvolvida por um grupo de amigos. Numa altura em que …

Alargamento de teletrabalho não deve abranger empresas de menor dimensão

O Governo defendeu esta sexta-feira, na Concertação Social, que "as empresas de menor dimensão" devem ficar excluídas da medida que prevê o alargamento do teletrabalho a pais com filhos menores de oito anos, sempre que …