Site de genealogia permite à polícia sueca encontrar homicida 15 anos depois dos crimes

Um sueco foi acusado e está a ser julgado por dois homicídios cometidos em 2004, crimes que na altura ficaram sem solução. Após mais de 15 anos, as autoridades conseguiram identificar o suspeito graças a sites de genealogia que armazenam informações sobre ADN.

Segundo noticiou na terça-feira o Guardian, Daniel Nyqvist, que confessou os crimes logo após a sua detenção, em junho, foi acusado do assassinato de uma mulher de 56 anos e um menino de oito, crimes que ocorreram em 2004. As duas vítimas, que moravam na cidade de Linkoping, no sul da Suécia, foram esfaqueadas.

Na altura, os investigadores não conseguiram identificar o indivíduo nem as suas motivações, apesar de terem encontrado ADN do suspeito no local, a arma utilizada, um boné com sangue e dos depoimentos de testemunhas, que apontavam para um jovem de cabelo loiro.

A polícia pediu ajuda ao FBI, mas o caso não foi solucionado. Com o passar dos anos, o arquivo do caso cresceu e tornou-se no segundo maior da história da Suécia, depois do assassinato do ex-primeiro-ministro Olof Palme, em 1986.

O caso foi finalmente resolvido quando uma nova lei – em vigor desde janeiro de 2019 -, permitiu à polícia procurar combinações de ADN de suspeitos em sites de genealogia, populares entre os suecos que buscam por parentes há muito perdidos. Os investigadores recorreram aos bancos de dados de GEDmatch e Family Tree.

“Recebemos uma correspondência imediatamente. E vários meses depois, o suspeito foi preso. O seu ADN foi coletado e correspondeu a 100%”, informaram as autoridades em comunicado, no dia seguinte à detenção. Nyqvist, cujo irmão esteve sob suspeita por um breve período devido à correspondência de ADN, confessou os dois crimes.

Com 21 anos na época, o homem admitiu durante os interrogatórios ter pensamentos obsessivos sobre matar, tendo escolhido as vítimas ao acaso, primeiro esfaqueando o menino e depois a mulher, que testemunhou o primeiro crime. Os especialistas concluíram que Nyqvist sofre de um distúrbio psiquiátrico grave.

O advogado de defesa Johan Ritzer disse na terça-feira em tribunal que, embora o seu cliente tenha admitido os crimes, rejeitou a acusação de assassinato premeditado, insistindo que o mesmo deveria ser julgado por homicídio culposo.

“Daniel estava a sofrer de um sério distúrbio psiquiátrico no momento dos assassinatos. Isso causou pensamentos obsessivos sobre matar duas pessoas e ele agiu de acordo com esses pensamentos. Ele tinha uma capacidade limitada para controlar as suas ações”, indicou Ritzer em tribunal.

Nyqvist disse aos investigadores que esperava ser preso ou morrer após os assassinatos. “Lembro que não escovei os dentes porque ia morrer ou ser apanhado naquele dia. Mas tive que fazer isso. E fiz no [modo] automático”, afirmou, durante o interrogatório.

Desempregado na altura dos crimes, o homem raramente saía da casa – na qual morava com os pais – na época dos assassinatos. De acordo com os investigadores, continuou a ter uma vida isolada, perto de Linkoping, depois de ter cometido os crimes.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"Adiem a Liga dos Campeões", pede o Borussia Dortmund

Sorteio está marcado para esta quinta-feira mas Michael Zorc avisa: "Faltam requisitos legais para a fase de grupos arrancar". A fase de grupos da Liga dos Campeões vai começar, pela primeira vez, em outubro. A primeira …

Artista "ressuscita" 54 Imperadores Romanos com ajuda da Inteligência Artificial

Artista canadiano usou um ramo da Inteligência Artificial para criar retratos ultra-realistas de antigos Imperadores Romanos como, por exemplo, Calígula, Nero e Adriano. A aparência física destes antigos Imperadores Romanos foi preservada em centenas de esculturas …

Cantar pode ser uma má ideia durante a pandemia

Uma nova pesquisa revelou que cantar em grupo pode ser perigoso em termos de propagação de patógenos. Esta é só mais uma prova de que 2020 chegou para pôr um travão na diversão. A Universidade de …

Emirados Árabes Unidos anunciam missão espacial à Lua para 2024

Um alto responsável dos Emirados Árabes Unidos disse hoje que o país tenciona enviar para a Lua uma nave com um veículo não tripulado em 2024. O desejo de pisar a lua é uma ambição de …

Exército norte-americano quer ter acesso à rede de satélites da SpaceX

O exército dos Estados Unidos está de olho na Starlink, a constelação de satélites da SpaceX, cujo CEO é o multimilionário Elon Musk e que tem como objetivo levar Internet de banda larga a todos …

Portugal tem cada vez menos água disponível

Portugal tem cada vez menos água disponível e nos próximos cem anos a precipitação em certas regiões do país, como o Algarve, pode sofrer uma redução de até 30%, alertou esta terça-feira a Associação Natureza …

Tel Aviv vai ter estradas elétricas que recarregam autocarros em movimento

Tel Aviv, em Israel, está a trabalhar na criação de estradas elétricas sem fios para carregar e fornecer energia aos transportes públicos da cidade. As estradas elétricas são parte de um programa piloto liderado pelo município …

Suicídio entre militares norte-americanos aumenta 20% em época de covid-19

Os suicídios entre os militares subiram 20% este ano em comparação com o mesmo período de 2019, registando-se um aumento nos incidentes de comportamento violento à medida que as tropas lutam contra a covid-19 e …

Turista apanhado a gravar as suas iniciais no Coliseu de Roma. Arrisca ser condenado a prisão

Um turista foi apanhado a gravar as suas iniciais no Coliseu de Roma, em Itália, e arrisca ser punido com um até um ano de prisão. De acordo com o diário italiano La Repubblica, o turista, …

Função Pública. Fesap exige subida de remuneração mínima para 693 euros

A Federação de Sindicatos da Administração Pública (Fesap) exige que a primeira posição da Tabela Remuneratória Única avance para 693,13 euros em 2021 e uma atualização do subsídio de refeição para seis euros. Estas duas medidas …