Síria. Crianças morrem ao frio após ofensivas do regime de Bashar Al-Assad

A intensificação da ofensiva das forças governamentais em Aleppo e em Idlib, na Síria, levaram a que milhares de famílias tivessem que se deslocar para o noroeste do país, na fronteira com a Turquia. Nas últimas semanas, devido ao frio, nove crianças morreram congeladas.

Segundo noticiou o Expresso, a história de uma delas, de 18 meses, é contada ao New York Times pelo pai, Ahmad Yassin Leila. “Eu sonho com estar aquecido”, indicou o homem, acrescentando que só queria que os filhos se sentissem aquecidos. “Não quero perdê-los para o frio”, frisou. A família vive num abrigo de cimento, parcialmente coberto.

As tropas do Presidente sírio Bashar Al Assad, com o apoio da força aérea russa, tem aumentado os ataques, levando a que quase um milhão de deslocados procurem abrigo em prédios alugados ou abandonados, com a maioria a dormir em tendas e outros nas ruas.

De acordo com o Expresso, há quem compre combustível para os aquecedores, enquanto outros queimam madeira, roupa e sapatos para se aquecer. Uma família acabou por provocar um incêndio na tenda onde vivia, matando dois filhos.

Alertas sobre as condições dos deslocados já foram feitas por diferentes organizações. Num comunicado de 18 de fevereiro, a UNICEF informou que a violência naquela zona do país obrigou à deslocação de mais de 500 mil crianças nos últimos três meses. Segundo a organização, desde o início de 2020 morreram pelo menos 30 crianças e outras 40 ficaram feridas devido ao aumento da violência na zona.

“A situação no noroeste da Síria é insustentável, mesmo para as padrões sombrios Síria”, afirmou Henrietta Fore, diretora-executiva da organização. “As crianças e as famílias são apanhadas entre a violência, o frio, a falta de comida e condições de vida desesperantes. Este desprezo abjeto pela segurança e bem-estar das crianças e das suas famílias está para lá de todos os limites”, afirmou ainda.

A diretora da Save the Children, Sonia Khush, chamou a atenção para as baixas temperaturas e para as “péssimas condições de vida” nos campos de deslocados em Idlib. “À medida que mais civis procuram desesperadamente segurança na fronteira da Síria com a Turquia, estamos preocupados que o número de mortos aumente também devido às condições de vida absolutamente desumanas” nesses campos, indicou.

O Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR) divulgou que 298 civis foram mortos desde o início do ano e cerca de 900 mil pessoas foram obrigadas a abandonar as suas casas desde dezembro.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Turquia retém avião com ventiladores para Espanha

A ministra das Relações Exteriores de Espanha, Arancha González Laya, disse esta sexta-feira que as autoridades da Turquia retêm em Ancara um avião oriundo da China com ventiladores, para combater a pandemia de covid-19. A ministra …

Arqueólogos revelam condições horríveis de campo de concentração nazi no Reino Unido

Uma equipa de arqueólogos revelou as condições horríveis de um campo de concentração nazi em Alderney, a ilha britânica mais setentrional do Canal da Mancha, onde estavam prisioneiros políticos e trabalhadores forçados durante a Segunda …

Governo quer reabrir ensino secundário a 4 de maio. Telescola deve arrancar depois da Páscoa

O Governo está a preparar a reabertura das escolas apenas para o ensino secundário para 4 de maio. Ainda falta ouvir a Direção-geral da Saúde, os especialistas, o Conselho Nacional de Educação e o Conselho …

“Não há razão para alarme”. Governo quer perdoar penas até dois anos e antecipar liberdade condicional

A proposta de lei do Governo que estabelece um regime excecional para as prisões, no âmbito da pandemia covid-19, já deu entrada na Assembleia da República, podendo ser consultada na página oficial do Parlamento. No diploma, …

O nosso cérebro evoluiu para acumular mantimentos (e julgar os outros por fazer o mesmo)

O nosso cérebro evoluiu de uma forma que, em situações de stress, acumulamos mantimentos e julgamos os outros por fazer exatamente o mesmo. Os media estão repletos de histórias – e a condenação – de pessoas que …

Autarca de Vieira do Minho denuncia: testes estão a ser desviados para Lisboa

O Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Gerês/Cabreira, Vieira do Minho, detetou 77 infetados pelo novo coronavírus, com os autarcas da área a reclamarem contra a demora na distribuição de testes, disse esta sexta-feira à …

Trump recomenda uso de máscaras (mas recusa-se a usá-las)

Esta sexta-feira, os Estados Unidos tiveram, pelo quarto dia consecutivo, o maior número de mortes em 24 horas, num total de 1.094, e contam com quase 30 mil novos casos. No seu briefing diário, de acordo …

A Antártida já foi uma floresta tropical

A Antártida pode ter sido o lar de ecossistemas quentes e pantanosos cercados por fetos e árvores coníferas há 90 milhões de anos, altura marcada pelo auge dos dinossauros. Uma análise do solo antigo extraído da …

Algumas estrelas têm "veneno" dentro de si (e é por isso que explodem)

Algumas estrelas têm um "veneno" dentro de si: o elemento néon no núcleo das estrelas pode desencadear uma reação química que leva a uma morte definitiva e explosiva. Estrelas menos massivas, como o nosso Sol, expandem-se …

Criada tecnologia que traduz pensamentos diretamente em texto

Uma equipa de investigadores diz ter criado um sistema capaz de traduzir sinais cerebrais diretamente em texto escrito. Este é um passo promissor para que no futuro seja possível escrever num computador apenas com o …