Sindicato acusa Pingo Doce de violar normas de trabalho

Pingo Doce

O Sindicato dos Trabalhadores do Comércio alertou esta quarta-feira para alegadas violações das normas de trabalho num dos supermercados Pingo Doce no concelho de Sesimbra, com funcionários “intimados” a prolongar o horário, depois de cumpridas as oito horas.

“Estão a tentar forçar os trabalhadores a trabalhar mais horas do que o horário normal”, disse à agência Lusa o presidente do sindicato dos Trabalhadores do Comércio, Escritórios e Serviços de Portugal (CESP), Manuel Guerreiro.

Fonte oficial do Pingo Doce disse à Lusa que “terça-feira é um dia normalmente de pico de trabalho nas lojas, devido à entrada de nova promoção semanal”, admitindo que que esta terça-feira “houve, efetivamente, lugar à realização de trabalho suplementar, devidamente registado e remunerado”.

Na base das alegadas pressões está, segundo o dirigente sindical, a falta de pessoas para o volume de trabalho e a vontade de gestores de algumas unidades locais conseguirem resultados com redução de custos, na tentativa de usufruírem de prémios e avaliações.

“Isso leva as pessoas a serem muito mais agressivas, impondo trabalho não remunerado ou para além do horário normal”, lamentou.

O sindicato emitiu hoje um comunicado dando conta de situações de “trabalho a mais, em violação de todas as regras” e recordando episódios em que os trabalhadores terão sido mesmo impedidos de sair da loja ao final do dia.

“Têm poucas pessoas dentro da loja e muita atividade, então fechavam as pessoas dentro da loja. Quando iam sair tinham a porta fechada, isto é um sequestro”, declarou Manuel Guerreiro.

“Isto foi denunciado. O gerente disse que foi algum engano, mas era sistemático, de tal forma que um dia um dos chefes da loja ficou lá preso. Ainda estava lá uma chefia que queria sair e não podia porque as portas estavam trancadas”, contou, indicando que a situação está relatada num email: “Tinha de entrar às 5 ou às 6 da manhã no dia seguinte”.

Em relação à “à situação de fecho das portas de loja”, o Pingo Doce assegurou que “a mesma observou o protocolo de segurança noturna em vigor na companhia, em nenhum momento se podendo alegar que os colaboradores fiquem ‘trancados’ no interior da loja, já que existe em permanência uma chave ao dispor sendo por todos conhecido o depositário da mesma”.

Na sequência destes episódios houve fiscalizações e o compromisso de que não voltariam a acontecer, referiu o representante dos trabalhadores, garantindo que na terça-feira voltaram a “impor” trabalho aos funcionários.

“Obrigaram pessoas a ir trabalhar a partir das 22h, até às 2h e 3h… Pessoas que hoje às 6h e 7h já estavam novamente a trabalhar. Isto é um regime quase de escravatura, de trabalho forçado, porque depois as pessoas não descansam, para já não falar da vida pessoal”, disse.

De acordo com o sindicato, são invocadas normas de trabalho extraordinário que as pessoas desconhecem, mas não contestam por receio de serem prejudicadas.

“Põe-se a fazer invocações de normas e de leis que não existem ou são mal invocadas para obrigarem as pessoas a trabalhar. As pessoas não são juristas e ficam pressionadas”, relatou.

“Este caso é um dos muitos que detetámos. Além de obrigarem as pessoas a trabalhar mais, ainda as fechavam lá dentro. Esta prática de obrigar as pessoas a trabalhar mais é generalizada na empresa, o não respeito pelos tempos de descanso”, acusou.

No comunicado, o sindicato diz que o Pingo Doce “insiste em forçar os trabalhadores” a trabalhar a mais, “horas e horas”, depois de cumprirem os horários normais, “sem respeitar o intervalo mínimo legal de descanso entre jornadas de trabalho”.

A situação relatada hoje abrangeu, segundo o sindicato, uma dezena de trabalhadores, “intimados a ir trabalhar das 22h às 2h ou 3h, depois de já terem cumprido a sua jornada de oito horas e estarem escalados para retomar o trabalho três, quatro ou cinco horas depois”.

/Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Este alerta seria interessante se fosse transversal e verdadeiro.
    mas infelizmente não passa de uma reação grosseira a uma acusação
    de que os sindicatos se preocupam muito com a politica e pouco com os trabalhadores,
    o que infelizmente até é verdade.

    e já agora seria bom que os sindicatos se actualizassem no discurso porque as ovelhas que abanam a cabeça a tudo o que o pastor diz já vai escasseando, para maleita de muitos, as pessoas lá têm evoluido.

RESPONDER

Estados Unidos filtram imigrantes que possam ser um "fardo" para o país

Os imigrantes que optem por residir permanentemente nos EUA, mas que o Governo considere que são um encargo para as finanças públicas, podem ver negado o seu visto, de acordo com uma lei que entra …

"A solução única é apoiar a minha candidatura". CDS e Chega reúnem-se para falar sobre as presidenciais

O presidente do CDS-PP, Francisco Rodrigues dos Santos, vai reunir-se na quinta-feira com o deputado e líder do Chega, André Ventura, na Assembleia da República. A reunião "de cortesia" foi pedida pelo CDS, para "apresentação de …

Gordura à volta dos vasos sanguíneos pode ajudar a mantê-los saudáveis

A gordura encontrada à volta das artérias pode ajudar a manter os vasos sanguíneos saudáveis, ajudando a reduzir a tensão deles quando esticam. A gordura à volta das artérias, conhecida como tecido adiposo perivascular, pode …

Sporting disposto a pagar 5 milhões ao Sp. Braga por Rúben Amorim

O Sporting estará decidido a "roubar" o treinador Rúben Amorim ao Sporting de Braga. E para isso poderá pagar cinco milhões de euros, incluindo jogadores nas negociações, segundo a CMTV. O percurso vitorioso do Sp. Braga …

Rui Pinto apresenta queixa contra Portugal na União Europeia

A defesa de Rui Pinto, criador do Football Leaks, anunciou esta segunda-feira que vai apresentar uma queixa contra Portugal na União Europeia, alegando que as regras europeias de extradição do seu constituinte não foram respeitadas. “Houve …

Português infetado com coronavírus no Japão já foi transferido para o hospital

O português infetado com o coronavírus Covid-19 num navio de cruzeiros no Japão foi esta terça-feira transferido para um hospital na cidade de Okazaki. A mulher de Adriano Maranhão afirmou à agência Lusa que tinha acabado …

Cientistas descobrem novo estado eletrónico da matéria

Uma equipa de cientistas norte-americanos observou um novo estado da matéria, que mostra que os eletrões podem unir-se de maneira semelhante à forma como os quarks se combinam para formar neutrões e protões. Normalmente, os eletrões …

"Célula de combustível reversa" converte resíduos de carbono em produtos valiosos

Uma equipa de engenheiros da Universidade de Toronto, no Canadá, anunciou o desenvolvimento de um eletrolisador capaz de produzir produtos químicos valiosos a partir de CO2 e eletricidade limpa com uma velocidade 10 vezes superior …

Descobertas da missão Juno alimentam mistério da água em Júpiter

A missão Juno da NASA forneceu os seus primeiros resultados científicos sobre a quantidade de água na atmosfera de Júpiter. Publicados recentemente na revista científica especializada Nature Astronomy, os resultados da Juno estimam que, no …

Os humanos podem descender de marcianos antigos, diz Bill Nye

Bill Nye defendeu recentemente que é importante continuar a financiar a agência espacial norte-americana, especialmente se as missões levadas a cabo pela NASA no futuro ajudarem a responder a uma questão há anos tira o …