Ainda em serviços mínimos, Silas resgata Sporting e quebra várias maldições

Octávio Passos / Lusa

Desde agosto que o Sporting já não sabia o que era ganhar. A vitória magra do Sporting na Vila das Aves significa o fim de uma série negra de resultados dos ‘leões’.

Costuma dizer-se que depois da tempestade vem a bonança. Este é o princípio que os adeptos do Sporting esperam ver replicado com a chegada de Silas ao comando técnico. A exibição não agradou na vitória pela margem mínima frente ao Desportivo das Aves, mas estes são três pontos valiosos para o emblema de Alvalade.

A chegada de um novo técnico normalmente exige mudança e foi isso que se observou no jogo de estreia do antigo treinador do Belenenses. Wendel e Marcos Acuña ficaram no banco — eles que eram os únicos jogadores sportinguistas que tinham alinhado em todos os encontros — e deram lugar a Eduardo Henrique e Cristián Borja, respetivamente.

Acuña e Wendel não jogaram por fadiga. Iam para o quarto jogo seguido de três em três dias, com um risco elevado de lesão. E neste momento, o pior que me podia acontecer era perder jogadores por lesão. Além disso, posso dizer que acredito muito nos que jogaram: o Eduardo foi meu jogador e sabia que ia render e o Borja acabou por estar bem”, justificou o treinador em conferência de imprensa, citado pelo jornal A BOLA.

https://twitter.com/playmaker_PT/status/1178755749612326913

Na teoria, o Sporting procurou mudar a sua ideologia de jogo, mas em termos práticos pouco estava a fazer efeito. Sem nenhum remate enquadrado com a baliza até ao golo, os ‘leões’ mostravam dificuldades em penetrar no último terço do terreno. E frente ao ‘lanterna vermelha’ do campeonato, esperava-se uma exibição mais revigorante.

“Fizemos muito passes, tivemos muita posse de bola, mas acabámos por perder mais lances do que aquilo que eu quero. Isso é a fadiga acumulada que se está a fazer sentir. Estamos a jogar na Liga contra equipas intensas, num campo muito rápido. Acabámos por pagar o preço de ter de jogar de três em três dias”, concluiu.

O Sporting acabou por conseguir marcar através de uma grande penalidade convertida por Bruno Fernandes ao minuto 83. O suspeito do costume voltou a fazer das suas e apontou o sexto golo da temporada, totalizando cinco jogos seguidos a marcar.

E se Bruno Fernandes a marcar já é o pão nosso de cada dia, para Silas o golo significou muito mais. Além de permitir ao treinador respirar de alívio no seu jogo de estreia, este é também o primeiro golo (e vitória) de Silas esta época. Nos cinco jogos em que esteve no comando técnico do emblema do Restelo, a equipa não ganhou nem marcou qualquer golo.

Um aspeto positivo para o Sporting é que este é também o primeiro jogo da época em que o Sporting não sofre golos. Renan Ribeiro conseguiu manter a baliza inviolável, face à falta de tentativas dos caseiros. Destaque ainda para o regresso de Coates às boas exibições — o uruguaio foi criterioso no capítulo do passe e raramente perdeu um duelo aéreo.

“Não entendo esta proteção a Bruno Fernandes”

Quem não ficou satisfeito com o resultado foi o treinador do Desportivo das Aves. Augusto Inácio considerou que a sua equipa merecia mais, já que os ‘verdes e brancos’ apenas conseguiram colocar-se na frente do marcador graças a uma grande penalidade.

O futebol é o que é. O Sporting marcou um golo, nós não marcámos nenhum. Os meus jogadores portaram-se bem, bloqueámos muito o jogo do Sporting. Tivemos oportunidades, mas o Sporting foi feliz num penálti que soube aproveitar. Parabéns aos meus jogadores, não merecíamos nunca na vida perder este jogo. Saímos daqui com uma espinha atravessada porque foi extremamente injusto“, explicou o treinador.

O técnico dos avenses deixou ainda uma crítica à arbitragem, acusando uma alegada proteção a Bruno Fernandes. “Fala-se muito do Bruno Fernandes. À segunda falta que sofreu, o árbitro mostrou-nos logo amarelo. E não entendo como Doumbia passa o jogo inteiro sem receber um cartão. Não entendi esta proteção a Bruno Fernandes“, atirou.

O Doumbia fartou-se de dar fruta e nem amarelo levou. Não sei onde está o critério e nesse aspeto o Sporting foi muito beneficiado”, disse Augusto Inácio, desejando, ainda assim, boa sorte ao novo treinador do Sporting.

Apesar da vitória, os adeptos sportinguistas ainda não estão convencidos com a gestão de Frederico Varandas. Entre insultos, alguns adeptos ‘leoninos’ reuniram-se à porta do estádio exibindo uma tarja em que se lia “Fivelas, o terrorista és tu”.

A presidências de Varandas tem sido muito criticada por vários adeptos, que, segundo o JN, já tinham exibido uma faixa durante a partida com a inscrição: “Varandas out”.

DC, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Governo vira-se para Rio para mudar a Lei e garantir o novo aeroporto

O Governo está a preparar uma alteração à Lei para evitar que o projecto do novo aeroporto do Montijo seja chumbado. Uma medida que passará, necessariamente, pela necessidade de um entendimento entre PS e PSD …

"Entretenimento saudável". Santa Casa desvaloriza estudo sobre raspadinhas

O Departamento de Jogos da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa desvalorizou a investigação da Universidade do Minho que aponta para o vício das raspadinhas. Esta sexta-feira, um artigo científico publicado na The Lancet alertou para …

"Diga-lhe para ligar ao FBI". Autocarro com a cara do príncipe André circula em Londres

Um autocarro escolar, com a cara do príncipe André, andou a circular por Londres, esta sexta-feira, numa campanha da advogada Gloria Allred para pressionar o filho da Rainha a falar com o FBI. Esta sexta-feira, um autocarro …

Suspeito de terrorismo ouvido em tribunal (com o juiz a recusar ver os seus vídeos por não ter Internet)

O arguido Rómulo Costa, um dos oito portugueses acusados por financiamento ao terrorismo e recrutamento, adesão e apoio ao Estado Islâmico, foi interrogado, esta sexta-feira, na fase de instrução do processo que vai decorrer no …

FC Porto recorre do castigo de um jogo à porta fechada

O FC Porto vai recorrer do castigo de um jogo à porta fechada, aplicado pelo Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) por ofensa a um agente desportivo. "O FC Porto vai recorrer …

Moita Flores investigado por corrupção. Antigo PJ fala em "coincidência" com empréstimo aos filhos

Francisco Moita Flores, antigo inspector da Polícia Judiciária e ex-presidente da Câmara de Santarém, está a ser investigado por suspeitas de corrupção. Há transferências de dinheiro de uma construtora para empresas a que esteve ligado …

SOS Animal vai constituir-se assistente no processo contra João Moura

A SOS Animal anunciou, esta sexta-feira, que se vai constituir assistente no processo criminal contra o cavaleiro tauromáquico detido, na quarta-feira, por suspeitas de maus-tratos a cães em Monforte, no distrito de Portalegre. Em comunicado, a SOS …

SMS de Rangel revelam teia de corrupção na Relação de Lisboa. Juiz Vaz das Neves tem empresa contra a lei

O ex-presidente do Tribunal da Relação de Lisboa, Luís Vaz das Neves, que foi constituído arguido na Operação Lex, tem uma empresa que se dedica à arbitragem extrajudicial de conflitos, o que constitui uma violação …

Presidente da PwC esteve em Lisboa para controlar danos do Luanda Leaks

O presidente mundial da PricewaterhouseCoopers (PwC) esteve em Lisboa, há duas semanas, para controlar os danos provocados pelo caso Luanda Leaks. Bob Moritz, presidente mundial da PricewaterhouseCoopers (PwC), esteve em Lisboa, há duas semanas, para perceber até …

CM Lisboa vai negociar avenças em parques para moradores da envolvente da Baixa

O presidente da Câmara de Lisboa afirmou, esta sexta-feira, que a autarquia irá tentar acordar com os operadores dos parques de estacionamento da envolvente da Zona de Emissões Reduzidas da Baixa-Chiado a criação de "avenças …