Na Física, sete fotões comportam-se como mil milhões

Uma equipa de físicos revelou que só são necessários sete partículas quânticas, os fotões, para que estas se comportem como se estivem numa multidão de mil milhões, segundo um novo estudo. 

Num novo estudo, publicado nesta segunda-feira na Nature Physics, os cientistas explicam um sistema composto por poucas partículas atua como um sistema maior, permitindo aos cientistas estudar o comportamento quântico mais facilmente.

Em grandes escalas, a matéria sofre alterações, a chamadas transições de fase, nas quais, por exemplo, a água líquida transforma-se num sólido (gelo) ou em vapor. Os cientistas costumam observar estas alterações em grandes massas de moléculas, mas nunca em aglomerados tão pequenos.

Na nova pesquisa, os físicos observaram a transição de fase em sistemas compostos por apenas sete partículas de luz, os fotões, num estado físico raro e exótico conhecido como Condensado Bose-Einstein (BEC) – estado no qual se pode atingir temperaturas extremamente frias, começando, consequentemente as partículas a misturar-se e a agir em uníssono.

Como os fotões são “pacotes” de luz – isto é, são feitos de luz e não de matéria – parece estranho que estas partículas de luz passem por transições de fase. No entanto, uma pesquisa levada a cabo em 2010 por equipa de cientistas alemães mostrou que os fotões podem ser induzidos de forma a comportar-se como os BEC.

Nesta experiência, os investigadores quiseram descobrir o número mínimo de fotões necessários para que estas partículas interagissem e exibissem um comportamento semelhante aos BEC.

Recorrendo a um laser, os investigadores dispararam fotões para uma “armadilha” semelhante a um espelho e observaram a interação para descobrir quando é que um BEC emergia. Em média, descobriram que eram necessários sete fotões para que as partículas formassem um BEC, começando a agir como uma única partícula.

A nova experiência define o número mínimo de partículas necessárias – sete fotões – para que se dê uma transição de fase.

“Agora que está confirmado que a transição de fase é também um conceito útil em sistemas tão pequenos, podemos explorar as suas propriedades de formas que não seriam possíveis em sistemas maiores”, disse o autor principal do estudo Robert Nyman, físico do Imperial College London em comunicado.

Sinteticamente, o novo estudo veio demonstrar que, mesmo em escalas mais pequenas, a transição dos fotões ocorre de forma incrivelmente semelhante ao que é registados na escalas maiores – na Física, sete fotões comportam-se como mil milhões.

PARTILHAR

RESPONDER

Há caranguejos mutantes e zangados a invadir a costa dos EUA (e são verdes)

Uma espécie agressiva de caranguejo verde está a invadir as águas do estado norte-americano de Maine, deixando um rasto de destruição nos habitats e ecossistemas aquáticos. Os caranguejos (Carcinus maenas) ameaçam várias espécies, como mexilhões azuis, …

Porsche quer ser a primeira fabricante alemã a deixar o diesel

A Porsche quer tornar-se a primeira fabricante automobilística alemã a deixar o diesel, apostando em motores a gasolina, híbridos e, a partir de 2019, em veículos elétricos, anunciou este domingo o presidente executivo da empresa. "Agora …

Viver nas cidades aumenta risco de demência (e a culpa é da poluição)

Viver na cidade influencia a nossa saúde. Segundo um estudo recente, a poluição do ar pode aumentar em 40% o risco de desenvolver demência. O impacto da poluição do ar na nossa saúde já era conhecido, …

Finalmente resolvido o mistério do assassino de gatos em Londres

Um dos mistérios criminais que intrigava a Inglaterra está finalmente resolvido. A conclusão é que, afinal, o famoso assassino de gatos de Croydon não existe. O mistério à volta da morte de mais de 400 gatos …

Benfica - Aves | Triunfo de águia exuberante e perdulária

O Benfica respondeu ao triunfo do FC Porto no sábado com uma vitória caseira sobre o Desportivo das Aves, por 2-0. O resultado pode indicar algumas dificuldades por parte da formação “encarnada”, mas pode-se dizer, sem …

Aquecimento global no Pleistoceno elevou nível do mar até 13 metros

O aquecimento global no final do período do Pleistoceno, com temperaturas similares às previstas para este século, reduziu a camada de gelo da Antártida oriental e elevou o nível do mar até 13 metros acima …

Autor dos mais famosos estudos sobre comida viu 13 artigos retirados

O famoso investigador norte-americano está envolvido numa polémica, depois de 13 dos seus estudos científicos terem sido retirados de algumas publicações. É provável que nunca tenha ouvido falar de Brian Wansink mas, tal como recorda o …

NASA observa movimentos tectónicos recentes em Marte

A sonda Mars Express da NASA observou fissuras proeminentes em Marte causadas devido à ação de falhas tectónicas que atingiram a superfície do planeta há menos de dez milhões de anos. As imagens foram capturadas …

Mulher que acusa de abuso juiz nomeado por Trump para o Supremo aceita depor

Christine Blasey Ford, a mulher que acusou de agressão sexual o juiz Brett Kavanaugh, nomeado por Donald Trump para o Supremo Tribunal dos Estados Unidos, aceitou testemunhar perante o Senado, na próxima semana, disse neste …

Hubble deteta radiação nunca antes vista numa estrela de neutrões

Uma invulgar emissão de radiação infravermelha, de uma estrela de neutrões próxima, detetada pelo Telescópio Espacial Hubble da NASA, pode indicar novas características nunca antes vistas. Uma possibilidade é que exista um disco poeirento em redor …