Turistas ingleses pagam 100 euros a sem-abrigo para fazer tatuagem na cara

(dr)

Tomek, o sem-abrigo que recebeu 100 euros de turistas ingleses para fazer uma tatuagem na cara

Tomek, um sem-abrigo polaco de 34 anos, recebeu 100 euros de um grupo de turistas ingleses que estavam a comemorar uma despedida de solteiro em Benidorm, Espanha, para fazer uma tatuagem na cara com detalhes sobre o noivo.

“Jamie Blake, North Shields, N28”. Foi esta a frase que Tomek, um sem-abrigo polaco a viver em Benidorm, Espanha, tatuou na testa em troca de 100 euros. De acordo com o The Guardian, a proposta foi feita por um grupo de turistas britânicos que estava a festejar uma despedida de solteiro.

Em declarações ao jornal, Karen Maling Cowles, presidente da Benidorm British Business Association, afirma que o mendigo de 34 anos tatuou o nome e a nova morada do noivo, embora a tatuagem não tenha sido acabada porque Tomek estava com muitas dores.



O estúdio que fez a tatuagem partilhou a fotografia do momento no Facebook, que entretanto foi apagada, causando a revolta dos residentes desta região turística. Cowles conseguiu, entretanto, encontrar o polaco depois de ver a fotografia na rede social.

“Fiquei chocada. Num nível humano, isto é repugnante, este rapaz podia ser meu filho. A comunidade está revoltada e muitos turistas também. É horrível, pegar na situação de uma pessoa vulnerável e pensar que, desperdiçando algum dinheiro, se pode ter um bocado de diversão”, disse ao diário inglês.

Cowles explicou que o sem-abrigo tem icterícia, tremores e problemas com o álcool, acrescentando ainda que terá chegado a Benidorm depois de andar 2.700 quilómetros, após ter acabado com a namorada.

Depois de ter ficado com os 100 euros, Tomek admitiu que gastou parte do dinheiro e que o restante, cerca de 17 euros, lhe acabou por ser roubado quando foi atacado na praia.

“Claro que quando alguém oferece 100 euros a um sem-abrigo, esta pessoa aceita”, afirma Cowles, cujo marido é tatuador. “Infelizmente, isto é o que acontece com pessoas que estão vulneráveis. Ficou envergonhado quando me aproximei dele porque estava coberto de areia por estar a dormir na praia. Eu disse: ‘Vou fazer alguma coisa para tentar ajudar-te’ e ele pegou na minha mão, beijou-a e respondeu: ‘És um anjo’“.

Inicialmente, Maling Cowles planeava angariar dinheiro para que o sem-abrigo conseguisse remover a tatuagem, no entanto, depois de conhecer Tomek, decidiu fazer mais por ele. “Remover a tatuagem é importante porque mostra que não aceitamos isto, mas o resto da sua vida também é muito importante”, disse. “Quero dar-lhe a ajuda que precisa”.

Perante o sucedido, Cowles acredita que é necessário existir um diálogo mais amplo sobre o comportamento de alguns turistas britânicos no estrangeiro. “Temos de perceber porque é que este tipo de comportamentos estão a acontecer e porque é que alegadamente não há problema em fazer o que lhes bem apetece quando estão de férias”.

O município de Benidorm, que passou anos a tentar mudar o estigma de ser uma zona de festas e álcool para se tornar um resort de luxo, já tinha emitido avisos em abril contra os turistas envolvidos em “comportamentos não-cívicos”.

ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Muitos destes turistas são apenas umas “bestas” sem qualquer tipo de educação. Basta passar pelas zonas mais turísticas de Espanha e vê-los bêbados e vomitando pelos cantos. Podem ter dinheiro mas a educação não existe . Já podemos encontrar em Portugal algo semelhante no Algarve na zona de Albufeira

    • Ai coitadinho do Renato! Saia mais à noite em Lisboa, Porto e em todas as cidades deste nosso país e verá jovens bêbados vomitando pelos cantos… e não são turistas ingleses.
      Deixe de ser palerma! Não é isso que está em causa! O que está em causa é o abuso perante pessoas vulneráveis!

      • Diga-me quantos casos destes encontra com jovens portugueses, ou espanhóis. Repito o que disse quem faz isto são umas “bestas” e sim os ingleses são os piores pela sua falta de educação. Só no Algarve tivemos confrontos desta gente no aeroporto com as autoridades, houve um programa de férias chamado Portugal invasion que causou muitos problemas, há casos de violações, jovens bêbados e nus à luta, ha promessas de sexo e álcool nos pacotes de viagens e muito mais … é um tipo de turismo que não interessa. Claro que o abuso de pessoas vulneráveis foi o que aconteceu, mas acontecem violações, lutas e tudo mais .tudo isso faz parte desta “cultura” dos “jovens Ingleses ” em férias pelo sul da Europa.

      • Oh limitadinho; quantos desses jovens portugueses viste a pagar para fazer uma tatuagem num sem-abrigo, ou algo do género?!
        Eu já me cruzei com turistas em Portugal, Espanha, França, Itália, Suiça Alemanha, Holanda, Grécia, etc, etc – vê lá se consegues advinhar de que país eram os que se “portavam melhor”!…
        Pois… coincidências!…
        Em Tenerife vi um bando desses anjinhos a pegar fogo a um bar de praia enquanto diziam que aquilo era uma colônia inglesa!!
        .
        Beber (e até vomitar) é uma coisa, destruir e deaprezar tudo por onde passam é outra – só alguém muito apalermado é que não percebe a diferença!!

    • Há uns dois anos encontrei um inglês completamente nu algemado a um STOP em Albufeira, enquento os amigos se riam e tiravam fotos!!
      Eram prai 7 da manhã e estavam todos bêbados – parecia um bando de loucos tirados da filme Mad Max!…
      Comentei logo que realmente os ingleses eram um exemplo de educação e civismo!…

RESPONDER

Rio abre o jogo sobre o futuro do PDS. Não se recandidata se fizer "igual, pior ou muito pouquinho melhor"

Líder social-democrata deu a conhecer o que é, para o próprio, um bom resultado nas próximas autárquicas, recusou-se a falar sobre as movimentações internas no PSD, expôs o papel do partido na votação do OE …

Nuno Espírito Santo admite que "muita coisa correu mal", mas não escapa às críticas

O Tottenham saiu derrotado por 3-0 do embate com o Chelsea. Nuno Espírito Santo reconheceu os problemas na equipa, que foi duramente criticada por Roy Keane. O Chelsea manteve-se no comboio dos líderes da Liga inglesa, …

Críticas às novas tabelas da ADSE em várias áreas da Saúde

A nova tabela da ADSE, que entrou em vigor a 01 de setembro, tem enfrentado críticas de vários setores da Saúde, desde dentistas a nutricionistas, principalmente pelos valores atribuídos a alguns atos, exclusões e restrições. A …

Cuba é o primeiro país a vacinar crianças a partir dos dois anos

Depois de um drástico aumento de casos e mortes em crianças, a estratégia de vacinação em Cuba mudou. Com o objetivo de ter mais de 90% dos 11 milhões de habitantes imunizados até Dezembro, as autoridades …

Penálti que deu vitória ao Sporting devia ter sido repetido

Um penálti convertido por Pedro Porro deu a vitória, este domingo, ao Sporting. Especialistas entendem que a grande penalidade devia ter sido repetida. O Sporting CP conquistou uma vitória sofrida, este domingo, após derrotar o Estoril …

Marques Mendes: Governo vai abrir discotecas e acabar com limite à lotação no comércio e restaurantes

Marques Mendes considera também que a task force para a vacinação deve ser extinta em Outubro e que em Dezembro deve ser decidida uma terceira dose para os cidadãos acima de 65 anos. No seu habitual …

OE2022: Governo negocia englobamento obrigatório de rendimentos no IRS

O englobamento obrigatório de rendimentos no IRS é uma medida que está incluída no programa do Governo e é um dos temas de grande interesse no núcleo comunista. O assunto está a ser negociado no …

Falcao marcou mas o protagonista foi o árbitro: "Já nem sei quem viu amarelo"

Falhas na comunicação com os outros árbitros e confusão numa suposta expulsão, após 13 cartões amarelos: um jogo que Cordero Vega não vai esquecer. Radamel Falcao estreou-se neste sábado pelo Rayo Vallecano e já terá reunido …

Descoberta de ossos com mais de 120 mil anos pode revelar a primeira evidência de uma fábrica de roupa

Uma equipa de arqueólogos encontrou aquela que pode ser a primeira evidência de uma fábrica de roupa. A descoberta foi feita numa caverna em Marrocos e foi datada de há cerca de 120 mil anos. Emily …

Câmaras de videovigilância nas ruas portuguesas disparam em oito anos

Desde que foram autorizadas pela primeira vez em território nacional, os sistemas de videovigilância com recurso a câmaras nos espaços públicos tem sido cada vez mais requisitado pelas forças de segurança. Em 2009 foi autorizada pelo …