Rui Rangel suspeito de “angariar clientela”

António Pedro Santos / Lusa

O juíz desembargador Rui Rangel

O procurador-geral adjunto Paulo Sousa põe Rui Rangel no centro de um esquema de fraude, corrupção e troca de influências.

A tese do procurador-geral adjunto Paulo Sousa põe Rui Rangel como o centro de um grupo de pessoas que, nos últimos anos, se dedicou à “angariação de clientela” para o magistrado do Tribunal da Relação de Lisboa.

O procurador Paulo Sousa aponta Rui Rangel como o “principal suspeito nos autos”, e indica que este se “encontrará associado a um conjunto de indivíduos que, numa conjugação de esforços e intentos, comparticipam no desenvolvimento da atividade ilícita”, refere o mandado.

O documento acrescenta que essa atividade poderia ocorrer ao nível da “angariação de clientela para a prestação de serviços de alegada influência junto de decisores judiciais” ou para aquilo que o Ministério Público designou por “serviços jurídicos diversos”.

De acordo com a Sábado, é neste último ponto que entram os advogados José Santos Martins, Jorge Barroso e João Rodrigues e o funcionário judicial do Tribunal da Relação de Lisboa Octávio Correia, como os principais suspeitos de associação a Rangel.

Os outros suspeitos fariam parte da “dissimulação dos ganhos“: o mesmo Santos Martins e o seu filho, Bernardo Santos Martins, a juíza desembargadora Fátima Galante, Rita Figueira e o seu pai, Albertino Figueira, e Bruna Amaral.

Na justificação para o pedido de buscas, Paulo Sousa refere ainda que o juiz desembargador desenvolveu “uma atividade remunerada de prestação de serviços jurídicos de natureza privada – principalmente para clientes africanos e indivíduos de nacionalidade portuguesa arguidos em processos crime pendentes em tribunais sob a alçada decisória do Tribunal da Relação de Lisboa – incompatíveis com o cargo de juiz“.

Além disso, Rui Rangel é ainda suspeito da prática de crimes no exercício das funções de juiz. O Ministério Público alega existir a suspeita de que o desembargador “manterá acordos com terceiros, tendo como objetivo a promessa da prática de atos de natureza ilícita levados a cabo no exercício das respetivas funções como juiz de direito” a troco de vantagens patrimoniais.

Este segmento da investigação, como o próprio procurador admitiu, ainda está a dar os primeiros passos, já que será necessário cruzar a “listagem da clientela com os processos distribuídos aos suspeito”.

O Ministério Público suspeita ainda que Octávio Correia, oficial de justiça do Tribunal da Relação de Lisboa, tenha influenciado a distribuição de processos na Relação de Lisboa, que, por regra, é feita por sorteio.

No entanto, o Ministério Público não pediu a suspensão de funções do oficial de justiça.

ZAP //

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. Este senhor Juiz deve fazer parte da “camaradagem” retornada que tomou conta do poder após ter sido “espoliada” dos “seus” pertences em África. Andam por cá a exercer a “vingança” geracional. Percebo-os !!!

    • és pouco estúpido, a falares assim sem saber e a dar tiros para o ar (a relacionar com proveniências), só podes ser uma coisa: frustado e incompetente, quiçá frustado, incompetente e desonesto. Nem todos são como tú (desculpe … você, que não quero nada consigo)
      as pessoas se são desonestas, chame-as pelo nome, e não generalize, pois aí estará a meter no saco inocentes que nada têm a haver coma situação, e quantas vezes até serão vítimas dessa situação que estára a aventar, ou de outras do tipo
      e já agora, cure-se dessa azia intelectual e defeito de percepção e capacidade de analisar as pessoas, apenas pela proveniência, pois a realidade observada, não é nada o que você de uma forma quasi-velada escreveu acima.
      passe bem

    • Que eu saiba os actos ilícitos não são todos da autoria dos tais “espoliados de África ”
      Pôr todos no mesmo saco não deixa de ser uma afronta insensata.
      Sugiro ponderação nos ditos e dixotes que profere.

  2. Estao mas eh eh com muita inveja da “actividade remunerada para clientes africanos” e tornaram a coisa bem preta pro coitado do Rangel que nao vai poder desfrutar dos caviares, champagnes, lagostas, presuntos do porco preto, da life bueh da good que tinha, pois os invejosos deram-lhe cabo do canastro, ops! ou do cadastro? Bem, os invejosos precisam verificar se realmente existe um clube, o Clube da Justissa (sim editor, com dois SS) e se nesse clube tambem foi parar o processo das aguas celulosas do Tejo…

RESPONDER

Marques Vidal diz que hipótese de recondução nunca lhe foi colocada

Joana Marques Vidal, atual procuradora geral da República, disse nesta sexta-feira que a hipótese de recondução para um novo mandato nunca lhe foi colocada, revelando ainda que só soube da decisão ontem à noite. Em reação …

Universidade de Lisboa vai ter de devolver milhares em propinas de bolseiros

A Universidade de Lisboa vai ter de devolver milhares de euros em propinas cobradas ao longo de dois anos a estudantes de doutoramento que tinham uma bolsa de estudo atribuída pela instituição de ensino. A Universidade …

94 mortos e dezenas de desaparecidos em naufrágio na Tanzânia

Pelo menos 94 pessoas morreram num naufrágio de uma embarcação, na Tanzânia, que transportava cerca de 400 pessoa. O balanço inicial dava conta de 79 mortes e dezenas de desaparecidos. De acordo com as equipas de …

Nem extraterrestres, nem espiões. FBI explica porque encerrou Observatório Solar

O Observatório Solar do Novo México, nos EUA, esteve encerrado durante 11 dias, sem se saber porquê. Depois dos rumores de extraterrestres ou de espionagem, descobre-se que, afinal, o fecho se deveu a uma investigação do …

Finanças confirmam fim da proibição dos prémios de desempenho

O Governo confirmou que vai eliminar no Orçamento do Estado para 2019 algumas normas para a função pública, como a proibição de atribuir prémios de desempenho ou a possibilidade de progressões na carreira por opção …

Taxista mantêm protesto até reunião em Belém. "Resistir, resistir, resistir"

As duas faixas 'Bus' da Avenida da Liberdade, em Lisboa, continuavam esta sexta-feira de manhã, pelo terceiro dia consecutivo, preenchidas com táxis em protesto contra a entrada em vigor da lei que regula as plataformas …

Criatura "alienígena" encontrada numa praia na Nova Zelândia

Uma família neozelandesa passeava ao longo de uma praia no norte de Auckland quando encontraram uma bizarra criatura em forma de bolha e vermelha. A criatura, que acabou por ser identificada como uma espécie específica de …

Presidente do Vietname morreu aos 61 anos

O Presidente do Vietname, Tran Dai Quang, figura conservadora do regime comunista, morreu esta sexta-feira aos 61 anos vítima de doença prolongada, informou a agência estatal de notícias VNA. “O presidente Tran Dai morreu no hospital …

Passos Coelho diz que faltou "decência" para justificar saída de Joana Marques Vidal

O ex-primeiro-ministro Pedro Passos Coelho disse que faltou "decência" para "assumir com transparência" os motivos que levaram à substituição de Joana Marques Vidal como procuradora-geral da República (PGR). “Nestes anos de mandato, que a Constituição determina …

Fazer omeletes sem ovos. O futuro da alimentação tem uma mão portuguesa

Há quem lhe chame carne artificial, carne celular ou até carne de laboratório, mas a verdade é que este tipo de carnes sintetizadas estão cada vez mais perto de se tornarem uma realidade na nossa …