Roubar aos ricos para dar aos pobres. Misterioso grupo de hackers desviou dinheiro para doar à caridade

Tor Håkon / Flickr

Um misterioso grupo de hackers, conhecidos como hackers Darkside, doou dinheiro a duas instituições de caridade – mas esse dinheiro foi roubado pelo mesmo grupo a grandes corporações através de um ataque de ransomware.

Quase podia ser a história infantil “Robin dos Bosques”, na qual o personagem principal, Robin Hood, um fora-da-lei, roubava da nobreza para dar aos pobres. Porém, esta é mesmo uma história real.

De acordo com a BBC, o grupo de hackers partilhou uma publicação num blogue na indetetável dark web, onde afirmou querer “tornar o mundo um lugar melhor”.

Na mesma publicação, o grupo de hackers Darkside publicou recibos de 10 mil dólares em doações de Bitcoin a duas instituições de caridade: Children International – uma organização que ajuda crianças a quebrar o ciclo da pobreza – e The Water Project – uma organização que fornece projetos de água confiáveis a comunidades na África Subsaariana que sofrem com a falta de acesso a água limpa e saneamento adequado.

Na publicação, partilhada em 13 de outubro, o grupo de hackers afirmou ter como alvo apenas grandes corporações lucrativas com os seus ataques de ransomware.

Os ataques de ransomware mantêm os sistemas de tecnologia de informação (TI) de uma pessoa ou organização como reféns até que o resgate seja pago. O não pagamento geralmente resulta na exclusão de arquivos e ativos importantes pelos invasores.

“Achamos justo que parte do dinheiro que as empresas pagaram vá para a caridade”, escreveram os hackers. “Não importa o quão mau se pense que o nosso trabalho é, temos o prazer de saber que ajudamos a mudar a vida de alguém. Hoje enviamos as primeiras doações”.

A Children International já anunciou que não ficará com o dinheiro. “Se a doação estiver vinculada a um hacker, não temos intenção em mantê-la”, disse um porta-voz da Children International, em declarações à BBC.

Os hackers usaram um serviço com sede nos Estados Unidos chamado The Giving Block, que ajuda os utilizadores a aproveitar o incentivo fiscal da doação com Bitcoin para fazer a sua doação.

O Giving Block disse que “ainda está a trabalhar para determinar se esses fundos foram realmente roubados. Se essas doações tiverem sido feitas com fundos roubados, é claro que começaremos o trabalho de devolvê-los ao legítimo proprietário”.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. A justiça de Rawls “sobre o véu da ignorância”.
    O homem nasce livre, e por toda a parte encontra-se acorrentado. Rosseau

    • Olhe que essa frase do Rosseau é, em minha opinião, bastante infeliz. Se pensar bem, o homem não nasce livre mas sim preso pelo cordão umbilical. E essa, o Rosseau não conseguiu roçar no seu pensamento.

RESPONDER

Dupla de cientistas apresenta uma nova abordagem para reciclar plástico

Um novo estudo oferece uma abordagem totalmente nova para reciclar plástico, tendo sido inspirada na forma como a natureza naturalmente "recicla" os componentes dos polímeros orgânicos presentes no ambiente. As proteínas são um dos principais compostos …

Edição de 2021 da Web Summit recebe 40 mil participantes. Moedas como presidente não será problema

Evento, que se realiza entre 1 e 4 de Novembro, volta a decorrer em formato presencial depois de em 2020 a pandemia ter transferido as atividades para o ambiente digital. O presidente executivo da Web Summit, …

Alunos carenciados com desempenho inferior aos dos mais favorecidos

Mesmo tendo acesso a meios digitais, o desempenho dos alunos carenciados foi sempre “inferior” aos dos seus colegas oriundos de meios mais favorecidos.  Segundo noticia o Público, esta é uma das principais conclusões a que chegou …

José Rendeiro condenado a três anos e seis meses de prisão efetiva

Embaixador jubilado Júlio Mascarenhas acusa o BPP de o ter convencido a investir num produto com juros e capital garantido num momento em que o banco já atravessava sérias dificuldades. O antigo presidente do Banco Privado …

Cantor R. Kelly declarado culpado por crime organizado e tráfico sexual

O cantor norte-americano R. Kelly foi esta segunda-feira declarado culpado por crime organizado e tráfico sexual, após um julgamento em Nova Iorque, nos Estados Unidos da América (EUA), que decorreu durante seis semanas, no qual …

"A FIFA engloba 211 países e 133 nunca estiveram num Mundial"

Arsène Wenger apresenta argumentos para defender a realização de um campeonato do mundo de dois em dois anos. O novo calendário FIFA continua a originar reacções e entrevistas. Arsène Wenger falou sobre as propostas - a …

Responsáveis do Lar do Comércio acusados por 67 crimes de maus tratos

O Ministério Público (MP) imputou 67 crimes de maus tratos, 17 deles agravados por resultarem em morte, a um ex-presidente e a uma diretora de serviços do Lar do Comércio, em Matosinhos. Num processo em que …

Sporting: espanhóis analisam o "maior" Haaland

Avançado do Borussia Dortmund apresenta recordes que, nem Messi, nem Cristiano, tinham. O Sporting entra em campo para a segunda jornada da Liga dos Campeões, diante de um Borussia Dortmund que tem no seu plantel uma …

Escola proíbe alunos de levarem almoço de casa. Ministério da Educação fala em “recomendação”

Interpretações distintas das normas emitidas pelo Ministério da Educação e a inexistência de equipamentos para aquecer as refeições em linha com as recomendações de segurança motivadas pela covid-19 podem estar na origem da decisão. Os alunos …

Autárquicas foram prova de vida para o CDS. Rodrigues dos Santos respira, Melo põe-se à espreita

Nuno Melo já se tinha colocado em posição de ataque na corrida interna, mas terá de esperar. O CDS "está vivo" e as autárquicas foram prova disso. O CDS decidiu apoiar Carlos Moedas e não se …