Cristiano Ronaldo “só me surpreendeu quando tinha 18 anos”

Cristiano Ronaldo não foi uma surpresa para Fernando Santos. O selecionador nacional vai disputar a segunda final desde que está ao comando de Portugal e garante que a seleção vai à final “para vencer”.

No final de março, Portugal empatou duas vezes – primeiro com a Ucrânia e depois com a Sérvia – não conseguindo mais do que dois pontos nos primeiros dois jogos da qualificação para o Euro 2020. Fernando Santos foi muito criticado, como provavelmente já não era desde a fase de grupos do Euro 2016.

Dois meses depois, o selecionador nacional teve tempo e espaço para escolher os convocados que iriam disputar a fase final da Liga das Nações, garantindo que Portugal iria sempre atrás do troféu da competição europeia.

E assim será. Frente aos suíços, a seleção portuguesa esteve longe de brilhar, mas acabou por beneficiar de uma noite inspirada de Cristiano Ronaldo e, assim, carimbou o passaporte para a final da Liga das Nações.

A verdade é que, segundo o Observador, a seleção das quinas leva já nove jogos consecutivos sem perder – a última vez que perdeu foi na eliminação do Mundial da Rússia, há quase um ano, com o Uruguai. Portugal vai disputar a segunda final em três anos (Euro 2016 e agora Liga das Nações 2019) e a terceira do seu palmarés (mais Euro 2004).

Na flash interview, Fernando Santos afastou qualquer surpresa relativa à exibição da camisola 7 e lembrou que Cristiano só o surpreendeu “quando tinha 18 anos”, reforçando a ideia de que “Portugal sempre teve talento“.

“Já vem desde 2004 e é por isso que quando digo que Portugal sempre teve talento, às vezes parece que é proibido dizer. A mim não me surpreende nada, surpreendeu quando tinha 18 anos e o treinava no Sporting. Há que aproveitar a qualidade destes jogadores e continuar a crescer coletivamente”, atirou o selecionador, destacando o “génio coletivo” da reta final da partida.

“O génio coletivo, isso é que desbloqueou o jogo nos 10 minutos finais. A equipa começou a ter mais bola, a sair com outra qualidade. Foi um jogo tremendo, duas equipas muito fortes. Tivemos momentos ansiosos, a querer jogar direto com a bola, faltou circulação. A Suíça sabe ter bola, mas os jogadores trabalharam muito e acabaram por merecer a vitória. Portugal acabou por ter as melhores oportunidades e vencer bem”, defendeu.

Fernando Santos recordou ainda que esta equipa só perdeu três vezes, “duas nos 90 minutos e uma nos penáltis”. “As finais ganham-se a jogar. Se não se jogarem, não se podem ganhar. Vamos para a final para vencer.”

https://twitter.com/playmaker_PT/status/1136373572438503425

Sobre João Félix, o selecionador referiu que “não foi um teste, esses fazem-se na escola”. “Eu avalio os meus jogadores durante a temporada e chamo-os porque merecem e podem jogar sob quaisquer circunstâncias. Não tem nada a ver com estar a testá-los ou a fazer um exame. Não estou aqui a testar ninguém.”

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Professores "desenrolam" queixas em frente do parlamento (e pedem saída do ministro)

Dirigentes da Federação Nacional dos Professores (Fenprof) colocaram esta quinta-feira grandes faixas com reivindicações junto da Assembleia da República e criticaram o ministro da Educação, que tem que “ir embora”. “Quem não sabe ter uma atitude …

Iniciativa Liberal quer retirar "carga ideológica" da Constituição

A Iniciativa Liberal vai apresentar um projeto de revisão constitucional com uma primeira parte dedicada a retirar "carga ideológica à Constituição", clarificando, por exemplo, que serviços públicos de saúde e educação podem ser prestados pelo …

Urgência do Hospital Santa Maria está a chegar ao limite

A urgência dedicada aos casos suspeitos de covid-19 do Hospital Santa Maria, em Lisboa, reflete a evolução da pandemia em Portugal com doentes a avolumarem-se à porta para realizar o teste e no interior a …

Novo Banco. BCP garante que não faz "favores a ninguém" ao emprestar dinheiro ao Fundo de Resolução

O presidente executivo do BCP, Miguel Maya, disse ontem que o banco não faz "favores a ninguém" ao entrar no empréstimo de 275 milhões de euros da banca ao Fundo de Resolução, que posteriormente financiará …

Máfia italiana "lavou" milhões de euros ganhos com fundos europeus na Madeira

Uma das mais violentas máfias de Itália, a Società Foggiana, utilizou a Madeira para branquear mais de 16 milhões de euros obtidos com um esquema de burla à União Europeia (UE). Em causa estão fundos comunitários …

Ajudas de custo para professores deslocados ficaram na gaveta (e não estão previstas no OE2021)

O Orçamento de Estado para 2020 (OE2020) previa um programa de ajudas de custo para professores deslocados como incentivo à fixação. No entanto, a medida não avançou. O Jornal de Notícias avança esta sexta-feira que a …

Biden ainda à frente, mas nada está perdido para Trump. A luta pelos "swing states" continua

O dia em que os norte-americanos vão saber quem é o próximo presidente dos EUA está muito próximo. Entres sondagens, parece fácil levantar a ponta do véu. No entanto, é importante não esquecer que não …

Nani entre os candidatos a melhor jogador da época na MLS

O internacional português, capitão dos Orlando City, está entre os 46 jogadores nomeados para o prémio de melhor da época na liga norte-americana de futebol (MLS), anunciou, esta quinta-feira, o organismo. A eleição decorre até 9 …

"Estranho, muito estranho". Ana Gomes comenta morte do marido de Isabel dos Santos e é criticada

O empresário congolês Sindika Dokolo, marido de Isabel dos Santos, morreu no Dubai, durante a prática de mergulho. Uma morte prematura aos 48 anos que leva Ana Gomes a comentar o assunto como "estranho", "muito …

Conselho Europeu. Vacinas distribuídas de forma justa e fronteiras não vão fechar

O presidente do Conselho Europeu garantiu, esta quinta-feira, no final de uma videoconferência entre os líderes da União Europeia, que os 27 estão "unidos" para enfrentar a "luta difícil" contra a segunda vaga da covid-19. "A …