/

“Who else?”. Ronaldo resgata vitória para o United com golo no último suspiro

Peter Powell / EPA

No dia em que bateu o recorde de jogos na Liga dos Campeões, Cristiano Ronaldo foi decisivo na vitória do United com um golo ao cair do pano.

O Manchester United venceu, esta quarta-feira, o Villarreal por 2-1 em jogo a contar para a segunda jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões. Aos red devils valeu um golo ao cair do pano, marcado pelo suspeito do costume: Cristiano Ronaldo.

Aos 90+5′, com o jogo empatado a uma bola, Fred cruzou para dentro da grande área, Ronaldo respondeu com um toque de cabeça para Lingard, que devolveu a bola ao internacional português antes de este chutar o esférico para o fundo da baliza.

Os adeptos do Manchester United foram ao rubro e nem Cristiano Ronaldo conseguiu ficar indiferente ao golo. Num festejo efusivo, o avançado tirou a camisola e festejou com os colegas de equipa o tento da vitória.

O Villarreal chegou a estar na frente do marcador, mas um fantástico golo de Alex Telles aos 60 minutos empatou a partida, antes de Cristiano dar a machadada final.

“A Liga dos Campeões é mágica em Old Trafford e às vezes a história pode ajudar-nos. Esta noite, Cristiano fez um bom golo e o Alex [Telles] marcou um golo fantástico. É o que acontece aqui em Old Trafford e já aconteceu tantas vezes. Tivemos de ser cautelosos devido ao vento e tivemos sorte no final”, disse o técnico Ole Gunnar Solskjaer no final do encontro.

“Já fez isto tantas vezes. Quando o vimos frente à República da Irlanda há algumas semanas, falhou um penálti, não tocou muito mais na bola, mas depois marcou com dois grandes cabeceamentos nos últimos dois minutos do jogo. É exatamente isto que ele fez ao longo da sua carreira. É tão forte mentalmente”, disse o treinador norueguês sobre Ronaldo.

“Vi-o o dia todo hoje, a maneira como se preparou para este jogo, o quão focado esteve e quando tem aquela oportunidade, é golo. Mas a principal marca de que é um finalizador muito bom é que se mantém calmo quando aparece a oportunidade”, acrescentou.

O ex-futebolista do Manchester United e agora comentador desportivo, Rio Ferdinand, elogiou a exibição de Cristiano Ronaldo e revelou uma SMS que recebeu do jogador depois do encontro.

“O United não esteve muito bem. Não estiveram ao nível que Solskjaer quer. Agora, quando é preciso de um golo, um momento para galvanizar a equipa, o estádio, os adeptos, Cristiano Ronaldo está lá”, disse Ferdinand, em declarações à BT Sport.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

“Cristiano Ronaldo enviou-me uma mensagem ontem à noite a dizer ‘Não joguei bem, mas marquei’. Essa é a crença que ele tem. Os outros jogadores alimentam-se disso”, acrescentou o antigo internacional britânico.

O jogo frente ao Villarreal também foi marcante para Ronaldo por outras razões. CR7 tornou-se o jogador com mais jogos na Liga dos Campeões, superando o ex-guarda-redes Iker Casillas, que passou por Real Madrid e FC Porto, com quem estava empatado.

Ronaldo passou a somar 182 jogos na principal prova europeia de clubes e 178 nas estatísticas da Champions (desde 1992/93, sem pré-eliminatórias).

  Daniel Costa, ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.