Roma tapa estátuas nuas para não ofender o presidente do Irão

Em Roma, sê romano, diz o velho adágio. Mas foi Roma que cedeu à sensibilidade do presidente do Irão, tapando as suas estátuas antigas nuas para não ofender Hassan Rohani.

A agência italiana Ansa reporta que, aquando da visita de Hassan Rohani ao museu do Capitólio, onde se reuniu com o primeiro-ministro Matteo Renzi, várias estátuas com figuras nuas ou semi-despidas foram tapadas com panos ou estruturas brancas.

Uma forma de respeito para com a cultura e a sensibilidade iranianas“, justificam as autoridades italianas.

Mas há quem não entenda esta argumentação e também quem compare o Irão ao grupo terrorista Estado Islâmico, notando que este destruiu várias estátuas quando conquistou Mossul, no Iraque.

A Pequena Itália submete-se a Rohani“, constata mesmo o jornal conservador Il Foglio.

Nesta visita a Itália, o presidente do Irão também exigiu que não houvesse álcool à mesa, pelo que o vinho foi proibido à mesa nas cerimónias oficiais.

Em Novembro passado, Rohani recusou marcar presença numa refeição nos Campos Elísios, em França, depois de as autoridades do país terem recusado a mesma exigência de que não fosse servido álcool à mesa.

No Irão, o consumo de álcool está interdito, conforme determina a religião islâmica.

SV, ZAP

PARTILHAR

20 COMENTÁRIOS

  1. Ainda há duvidas que a emigração islâmica não é uma emigração predatória? No meu país esses cão não tem que dar opiniões porque a minha cultura ocidental é superior à desses animais infrahumanos abaixo de ratazana. Gosto mais de uma ratazana do que um insecto islâmico.

  2. É estranho e faz formigueiro no estômago quando se presta vassalagem desta forma. Pensava que isto era real apenas na época medieval, mas parece que não. As estátuas, penso eu , fazem parte da história do país, muitas vezes do suor. sangue e lágrimas e de maneira alguma deveriam ser tratadas dessa forma . Isso é negar a história, o patriotismo. È envergonhar-se daquilo que é o património e que descreve páginas da nação. Deveria ser sempre motivo de orgulho e patriotismo, nunca o contrário. Não será preciso recordar p.ex. que as mulheres que se deslocam a esses países, uma vez lá, respeitam as leis ( forma de trajar) e de estar. A mulher “á ocidental não se passeia da mesma forma que por exemplo em Paris ou Roma”. Então porquê essa exigência? A mulher em Roma é romana, no irão será ” á iraniana”… as culturas que não pregam o odio, racismo ou outras formas de discriminação podem evidentemente conviver sem qualquer tipo de confrontação. Basta respeitar os ideais do próximo.

  3. Tristeza de gentalha. Se vamos aos países arabes somos OBRIGADOS a andar conforme eles andam, eles não querem saber se nós temos outra civilização. Eles vem aos n/ países e nos temos que nos alterar conforme os hábitos deles? Afinal o que somos? Gente sem caracter, personalidade, orgulho dos nossos? BASTA de tanta estupidez e burrice. Eles senão estiverem bem que não venham, até agradecemos.

  4. Lamentável. Cobrir as mesmas obras de arte que todos fazemos fila para admirar é. no mínimo indigente. Na realidade trata-se de um atentado à nossa cultura e civilização levado a cabo pela cobardia do “politicamente correcto”. Outra coisa não seria de esperar da pessoa que em vez da sua solidariedade ofereceu a Alexis Tzipras uma gravata… Vivemos num mundo de aparências.

  5. O governo italiano pôs toda a Itália de cocaras perante um ditador islâmico e fanático, isto é uma pura ofensa para toda a Europa, mas tem sido assim com submissões aos árabes e islâmicos ao abrigar por cá milhões deles e deixá-los impor a sua vontade que a Europa está cada vez mais refém desta gente e hoje sofre e sofrerá cada vez mais a tortura de atentados e insurreições por parte desta gente incapaz de conviver com outras culturas.

  6. Na primeira vez tapam as estátuas,
    Na segunda vez destruam as estátuas e
    Na próxima vez usem saiotes e a burka.
    Assim se percebe que espécie de governantes temos por cá.
    Se na Europa os recebem bem seria bom também que não tentassem interferir. Já que quando uma mulher visita o Irão tem de se tapar o mais possível.

Responder a joff Cancelar resposta

Novo recorde em cinco meses. Mais 780 casos por covid-19 em Portugal

Portugal regista mais seis mortos e 780 casos de infeção por covid-19 esta sexta-feira, de acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da Saúde (DGS). Os números revelados no boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde …

"Podemos chegar a 1.000 novos casos por dia". Costa pede cautela

No final da reunião de emergência com o gabinete de crise para o acompanhamento da evolução da covid-19 em Portugal, Costa deixou conselhos e pediu cautela. A reunião, convocada na quinta-feira por António Costa, surgiu …

13 de Outubro em Fátima "sim, mas sem peregrinos". Delegada de Saúde espera que a Igreja se "porte bem"

A delegada de Saúde Pública do Médio Tejo defende que as cerimónias religiosas do 13 de Outubro no Santuário de Fátima decorram "sem peregrinos", esperando que a Igreja se porte "tão bem" como aquando do …

Espanha acusa hackers chineses de roubarem informações de vacina contra coronavírus

O Centro Nacional de Inteligência (CNI) espanhol argumenta que hackers chineses terão, alegadamente, acedido a informações confidenciais sobre o desenvolvimento de uma vacina contra o novo coronavírus. A diretora do CNI, Paz Esteban, alerta para um aumento …

Tribunal de Loures. António Joaquim vai manter-se em liberdade

O Tribunal de Loures decidiu esta sexta-feira manter a medida de coação de termo de identidade e residência a António Joaquim, condenado pelo Tribunal da Relação pelo homicídio do triatleta Luís Grilo, após um pedido …

Mesmo com o aumento de infetados, diminuir a quarentena para 10 dias é uma hipótese

A DGS deverá decidir em breve se o período de quarentena pode ser reduzido de 14 dias para apenas 10 dias, mas não para todos os casos. Para ficar menos tempo isolado é necessário cumprir …

Porfírio Silva vê “papel positivo” na candidatura de Ana Gomes, mas critica farpas a Costa

O dirigente socialista Porfírio Silva considera que a candidatura presidencial de Ana Gomes pode ser positiva se não cair na "armadilha" de se centrar no ataque a António Costa e se não "atropelar" o Estado …

Operação Lex. Três juízes acusados de corrupção. Luís Filipe Vieira vai ser julgado por um crime

Os juízes Rui Rangel, Fátima Galante e Vaz das Neves e o presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, estão entre os 17 acusados da Operação Lex. Em causa estão crimes de corrupção, abuso de poder, …

Em tempos difíceis, Von der Leyen diz que “sempre vi em Portugal um forte aliado"

Numa entrevista, Ursula von der Leyen disse que Portugal terá “a tarefa de liderar” com a recuperação da pandemia quando chegar à presidência do Conselho da UE em 2021. E promete uma proposta “mais humana …

Caso Eurofin. Salgado recebe coima de 4 milhões de euros do Banco de Portugal

Ricardo Salgado, ex-presidente do BES, foi condenado pelo Banco de Portugal a pagar mais uma coima, no valor de quatro milhões de euros, no processo sobre o veículo suíço Eurofin e por operações que lesaram …