Robles vai ter um bónus fiscal quando arrendar ou vender prédio

Ricardo Robles / Facebook

Ricardo Robles, vereador do Bloco de Esquerda na Câmara de Lisboa.

A Câmara de Lisboa atribuiu ao ex-vereador do Bloco de Esquerda um bónus fiscal que lhe vai permitir pagar menos impostos sobre as mais-valias obtidas com a venda ou com o arrendamento do prédio que adquiriu em Alfama, Lisboa.

Um dado apurado pelo Correio da Manhã que refere que Ricardo Robles conseguiu a isenção da autarquia ao abrigo do Estatuto de Benefícios Fiscais (EBF), o que lhe vai permitir pagar taxas de imposto mais reduzidas pelo valor da venda ou do arrendamento do imóvel.

O jornal cita um requerimento efectuado por Robles a 16 de Outubro de 2017 e nota que a mais-valia obtida com a venda do edifício em Almada, estará sujeita a uma taxa reduzida de IRS de 5%.

Em caso de arrendamento das habitações do imóvel, Robles pagará também a taxa reduzida de 5% em vez dos 28% que são habitualmente cobrados pelo Fisco.

Robles refere ao CM que “não se trata de evitar imposto sobre o lucro”, mas apenas de beneficiar de uma isenção prevista na lei.

O pedido de redução das taxas foi apresentado pelo ex-vereador um mês depois de terminadas as obras de reabilitação, orçadas em mais de 640 mil euros.

O político do Bloco de Esquerda comprou o edifício por 347 mil euros, num leilão da Segurança Social, e colocou-o à venda numa imobiliária por 5,7 milhões de euros.

ZAP //

PARTILHAR

37 COMENTÁRIOS

  1. Há de facto parasitas de primeira e portugueses de segunda… o problema é que o sistema favorece os primeiros e explora os segundos.
    Chama-se a isto “aberração social”.

    • Perfeitamente de acordo JR!!! Mais grave ainda, quando este Roubles embandeirava em samaritano dos inquilinos. Mas também não deixa de ser talvez mais grave, a atitude da safardana Katy. Que até quiz impingir a ideia de que o chico-espertismo do reguila era aceitável.

    • Só que as leis do sistema são feitas pelos próprios deputados e aceites por eles!!! Nós o Zé povinho vê a caravana passar e nada faz, um deixa andar que alguém fará!

  2. Premiado…??? Começo a acreditar no Pai Natal, nos Marcianos, nos Alien’s, nos UFO’s, que a Terra é Plana… O que vale ser político, hein!? Tenha a cor que tiver, eles (todos eles), protegem-se bem uns aos outros… Povo? Apenas serve para existirem tótós que continuam a alimentar estas sanguessugas continuando a botar cruzinha por altura de eleições… Para quando eleições com escolha de pessoas e não de partidos?

    • o mais esperto é o coelho que foge aos cães que andam atrás dele e chega a catedrático sem ter ido à escola e contornando os impostos para a segurança social enquanto arrecadava 6.000.000. de subsidios da UE. o “babush” é inteligente.

  3. Todos que são VIGARISTAS, CORRUPTOS, MENTIROSES são bons é pena que o apliquem somente no que não era preciso. Estes tipos fazem e aprovam leis p/ SEU BENEFICIO.
    O cidadão comum é para trabalhar e pagar impostos p/ eles nos ROUBAREM… É indecente, agora é á DESCARADA. Ainda falam dos da “direita” os da “ESQUERDA” são muitissssimo PIORES

  4. Companheiros, parem lá com tanta acidez nos comentários. O rapaz só utilizou o que a lei permite para qualquer um de vocês.

    Se em vez de virem para aqui cortar na casaca, fossem mas é procurar oportunidades de compra de imóveis e depois estudassem o EBF (Estatuto dos Benefícios Fiscais), disponível no portal das Finanças, também poderiam ter estas e outras beneces que desconhecem.

    Ou então trabalhar um bocadinho, porque com este calor não dá para trabalhar muito.

    Tenho dito…

    • Não te parece estranho que a “esperteza” dele tenha nascido quando se apanhou num lugar destes?
      E a hipocrisia dele não ter limites ao defender o que defendia e fazer o contrário?

    • Sei de casos exactamente iguais em que o pedido foi recusado. Ou você acha que ele descobriu a pólvora? Quem investe sabe das leis… Só q não é político na câmara que dá as isenções

  5. Pelo que se tem dito sobre este caso, fica a ideia de que o Sr. Robles está a roblar o erário público com a conivência do vereador Ricardo Robles!

  6. E olha que ele conseguiu ser o número 2 de um governo onde todos andavam a roubar e ele nem deu por nada… diz ele. E pelo meio ainda enganou uns velhos e fez umas massas às contas da terceira idade e da especulação imobiliária. Já para não dizer que é o homem do SIRESP e dos KAMOV. Ai Costa, Costa…

  7. Vejam bem quem são os amigos do Costa:
    – 44
    – Medina (que por sua vez faz bons negócios no imobiliário em Lisboa)
    – O Robles
    – O Vara
    – Os Penedos
    – O Raríssimas da Silva
    – …

    • entao nao sabe??? como o salgado fazia ao socrates e aos outros amigos…. o banco empresta, neste caso acho que a caixa… o berardo tambem comprou o bcp para derrubar o administrador, com dinheiro emprestado pelo vara…. e nfim esquerdistas e sucialistas!!!!! mais palavras para que?

  8. Porque será que a Segurança Social vendeu tão barato um prédio, com uma avaliação de venda tão elevada?
    Tantas críticas a quem comprou e nenhuma a quem vendeu ao desbarato, apesar das dificuldades que se conhecem na segurança Social?
    600.000€ para o restauro integral do prédio e ampliação de mais um piso, Só???
    Esta estória está muito mal contada, porque quem trouxe este assunto à baila só queria fazer politiquice e encher chouriços durante as férias.

      • Eu também li o mesmo e espanto! Os leilões têm um valor base mínimo! Quem foi o energúmeno da Segurança Social que fixou o valor mínimo do imóvel? É que não é preciso ter dois dedos de testa para perceber que só o terreno sempre valeria muito mais! Quem o fez tem responsabilidades e deverá responder por isso repondo o valor que foi sonegado. Com negociatas destas não admira que a Segurança Social esteja insustentável.

  9. Este bloco de esterco gosta de fazer moralidade mas faz o contrário a.andam a apreguar despejos quando na verdade está informação e mintirosa .todos os contratos tem prazo,no final do prazo ,ou e renovado mediante acordo entre as partes , não havendo acordo deverá ser entregue ao proprietário..Mas o nosso amigo ainda consegue benefícios fiscais, não é para qualquer um.Assim vai a nossa democracia,e tudo com o apoio do nosso governo que para se manter no poleiro aceita tudo .

  10. o que acho de mais extraordinário é a candura com que se desculpam com a lei como se fossem um qq outro cidadão.

    este sr e o seu partido criam e aprovam este tipo de legislação, portanto nunca se podem desculpar com ela.

    que cambada!

  11. Júlio César Braga da Silva,

    Acertou na mouche.

    Ainda estou para perceber como é o preço do terreno/fracção no centro de Lisboa custou 25.000 €/unidade…!!!
    – Nem no Cu de Judas o preço do terreno para construção era tão barato!

    Ainda estou para perceber como é que se reconstroem 14 fracções no centro de Lisboa
    por 600.000€!!!!
    – Ou seja, 42.000 €/fracção!! Ou preferir, 35.000 € + IVA!!!
    – E já incluí projectos, taxas e afins…

    Ele há coisas… Por isso é que esta malta considera todos os promotores imobiliários agiotas/ladrões, gatunos… Julgam que todos beneficiam de ter custos de construção semelhantes…
    – Deve ser mesmo generalizado que os custos de promoção de uma fracção em local privilegiado de Lisboa ronde os 67.000 €… Portanto, quando se vê um apartamento à venda por 500.000 €, garantidamente que o promotor estará a ganhar no mínimo 433.000 €…

    Cheira-me que os 600.000 € mais não são que uma factura pro-forma de uma qualquer empresa de construção que por mero acaso até fará umas empreitadas à CM-Lisboa…
    – Não será aquela que adjudicou a sustentação do muro do miradouro por ajuste directo por 5.000.000 €?

    Por fim, para completar a arte, palpita-me que o financiamento deverá ter sido assegurado pela CGD….

    Enfim, é preciso ter lata.

    p.s.: votei nestes artistas!

  12. Júlio César Braga da Silva,

    Acertou na mouche.

    Ainda estou para perceber como é o preço do terreno/fracção no centro de Lisboa custou 25.000 €/unidade…!!!
    – Nem no C* de Judas o preço do terreno para construção era tão barato!

    Ainda estou para perceber como é que se reconstroem 14 fracções no centro de Lisboa
    por 600.000€!!!!
    – Ou seja, 42.000 €/fracção!! Ou preferir, 35.000 € + IVA!!!
    – E já incluí projectos, taxas e afins…

    Ele há coisas… Por isso é que esta malta considera todos os promotores imobiliários agiotas/ladrões, gatunos… Julgam que todos beneficiam de ter custos de construção semelhantes…
    – Deve ser mesmo generalizado que os custos de promoção de uma fracção em local privilegiado de Lisboa ronde os 67.000 €… Portanto, quando se vê um apartamento à venda por 500.000 €, garantidamente que o promotor estará a ganhar no mínimo 433.000 €…

    Cheira-me que os 600.000 € mais não são que uma factura pro-forma de uma qualquer empresa de construção que por mero acaso até fará umas empreitadas à CM-Lisboa…
    – Não será aquela que adjudicou a sustentação do muro do miradouro por ajuste directo por 5.000.000 €?

    Por fim, para completar a arte, palpita-me que o financiamento deverá ter sido assegurado pela CGD….

    Enfim, é preciso ter lata.

    p.s.: votei nestes artistas!

    • p.s.: votei nestes artistas!

      Isso é que é pior! Se não sabe ao que eles vinham não votava. Eu sabia bem ao que esta rapaziada, dita de esquerda, vinha! Era mesmo para gamar, como se demonstrou! Agora imaginem se fossem governo. Isso é que era roubar. Provavelmente roubariam tanto ou mais do que o PS… que diga-se de passagem já não rouba pouco.
      Menos Estado, menos oportunidades de roubar. Vamos diminuir o Estado ao seu mínimo.

  13. Estou a ficar repetitivo, mas a única maneira de moralizar a política, é comecar a abater aos efectivos, todos estes gatunos e ladrões. E já se faz tarde. Porque será que os políticos do PCP Não aparecem nestes roubos??? Serão mais sérios??? Quero acreditar nisso. Mas os Portugueses são masoquistas e estão sempre a votar naqueles que nos roubam á grande.

  14. Só 2 políticos tiveram coragem de se demitir no meio político. O 1.JORGE COELHO quando caiu a Ponte de entre os Rios o 2. RICARDO ROBLES.
    A quem essa coragem eu consigo respeitar.
    Pensem nos outros rastejantes nem falo. Tanta mentira..

  15. ó Rables as leis para ti são tão meigas que consegues dinheiro do pé para a mão para arranjar o prédio todo , para fazer mansardas e transformas os 28% em 5% das rendas . Tudo isto é magia.

  16. Os bloquistas armados em moralistas criaram o imposto mortágua. Aqui está um bloquista que consegue em seu próprios proveito fazer com que as leis malfazejas não o atinjam .
    Jé o loução em tempos idos proclamava a pés juntos que ninguém devia ter pprs. Só que este era detentor deste tipo de poupanças.
    O proprietário de imóveis que honradamente obteve os seus bens não pode estar sujeito a leis que restrinjam os seus direitos e os coloquem numa posição de fraqueza.Quando os seus praticam o contrário e passam por cima das ideologias que apregoam , todos os argumentos servem de explicação para desculpar os seus pares. Sabe-se que os portugueses estão sobrecarregados de impostos , mas a dita lei mortágua não tem o intuito de beneficiar o cidadão a quem é aplicada , mas sim de o prejudicar criando-lhe dificuldades acrescidas. A percentagem de votos deste partido em função das ideologias que apregoa como sendo as melhores deste mundo poderá estar sujeita a descidas .

RESPONDER

Saúde do papa emérito Bento XVI é "extremamente frágil", diz biógrafo oficial

O ex-Papa Bento XVI ficou gravemente doente depois de visitar o seu irmão que esteve internado na Alemanha em junho e a sua condição é "extremamente frágil", contou o seu biógrafo oficial, Peter Seewald, depois …

Centenas de pessoas na manifestação do Chega. Ventura quer afastar "fantasma" sobre racismo em Portugal

Centenas de pessoas participaram este domingo em Lisboa numa manifestação promovida pelo Chega para dizer que “Portugal não é racista” e tentar afastar “esse fantasma” que assola o país sempre que algo de trágico acontece. “Em …

Rendas das casas podem ficar congeladas no próximo ano

Depois de cinco anos consecutivos a subirem, as rendas habitacionais e comerciais poderão ficar congeladas no próximo ano. Segundo dados do Instituto Nacional de Estatística (INE) revelados no final da semana passada, a taxa média de …

Reabertura de bares e discotecas. Setor critica "esperteza saloia" do Governo

Os bares e discotecas, encerrados desde março devido à pandemia de covid-19, podem funcionar como cafés e pastelarias, seguindo as mesmas regras. A medida do Governo tem sido alvo de fortes críticas por parte do …

Portugueses podem colmatar falta de estrangeiros no Algarve, mas não chega para salvar o ano

Os portugueses podem ajudar a colmatar a falta de estrangeiros de férias no Algarve, afastados por causa da pandemia de covid-19, mas já não será possível salvar o ano turístico desta região. As previsões são …

Das três linhas de apoio à cultura, só uma estará disponível esta segunda-feira

O Ministério da Cultura tinha anunciado que três linhas de apoio iam estar disponíveis esta segunda-feira, para trabalhadores, empresas artísticas e espaços culturais. No entanto, só uma abriu. Das três linhas de apoio social que foram …

Além da "hipocrisia" no processo, Novo Banco cometeu dois pecados capitais

No seu habitual espaço de comentário na SIC, Luís Marques Mendes falou sobre a queda histórica do PIB e a polémica do Novo Banco. Luís Marques Mendes considera que a queda do Produto Interno bruto (PIB) …

Covid-19. Austrália recua em força e Londres pondera vir a ter cerca sanitária

Depois de ser retratado como um caso de sucesso no combate à covid-19, a Austrália começa a dar passos atrás. No Reino Unido, equaciona-se uma cerca sanitária na capital. Melbourne, a segunda maior cidade australiana, vai …

FC Porto tem plano para desviar Taremi e Nuno Santos de rivais

Os 'azuis e brancos' estão a estudar as contratações de Mehdi Taremi e Nuno Santos. Os jogadores vilacondenses são também cobiçados por outros clubes. O FC Porto está a sondar as contratações de Taremi e Nuno …

PSP fez ajuste direto de 113 mil euros com empresa que doou viseiras

O Jornal de Notícias escreve na sua edição impressa desta segunda-feira que a PSP fez três ajustes diretos no valor de mais de 113 mil euros com uma empresa de Sintra que tinha antes feito …