Rio Douro vai funcionar como uma auto-estrada com portagens

nunodantas / Flickr

O projecto da Via Navegável do Douro (VND), um investimento de 75 milhões de euros com fundos comunitários, prevê a aplicação de taxas de utilização, semelhantes às portagens das auto-estradas, para quem navegar nas águas do rio.

A notícia é avançada pelo Público, que salienta que a medida está prevista no projecto da Via Navegável do Douro (VND), um investimento de 75 milhões de euros da Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo (APDL) e que tem o apoio de fundos comunitários.

A ideia é transformar o Rio Douro “numa verdadeira auto-estrada” com a “aplicação do princípio do utilizador-pagador”, sublinha o diário.

O Público fala numa taxa de “1,46 euros por cada passageiro”, frisando que as operadoras do Douro já admitem vir a “repercutir gastos no preço dos bilhetes” cobrados. O pagamento destas “portagens” no Douro deverá arrancar, de forma gradual, ao longo de quatro anos, a começar já em 2017.

Assim, uma pequena embarcação de recreio, por exemplo, “passará a pagar 15 euros por ano em 2017, 30 euros em 2018, 45 euros em 2019 e 60 euros em 2020”, revela o jornal.

Como forma de justificar estas novas taxas, a responsável pelo projecto da VND, Raquel Maia, explica ao diário que, actualmente, as embarcações pagam apenas pela utilização das eclusas de navegação pelos mesmos preços que se pagavam em 1999, que nunca foram actualizados.

“Na sua grande maioria, os restantes serviços e respectivos gastos de exploração incorridos, como seja a manutenção e assinalamento do canal de navegação, a gestão do tráfego fluvial, bem como a acostagem e estacionamento de embarcações, têm sido prestados pela APDL, ou pelas anteriores entidades gestoras da via navegável, graciosamente, sem o pagamento de qualquer contra-prestação por parte dos utilizadores”, acrescenta Raquel Maia.

ZAP

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. O habitual, algo está a correr bem, a gerar lucros na economia, vem o estado acabar com a “pouca vergonha”.

    Matem as galinhas todas, depois queixem-se que não há ovos.

  2. Obrigado costa, obrigado PS. Ainda bem que a austeridade acabou. As autoestradas têm um custo porque elas custaram dinheiro e custam dinheiro para as manter. O rio não custou nada a fazer. A água da torneira tem um custo porque custa dinheiro filtrá-la e levá-la às torneiras. Isto é simplesmente ridículo e não vai para a frente. Isto porque não acredito que haja gente tão estúpida que aceite tal coisa. Isto só em governos de esquerda. Ainda dizem que a direita é radical? tá tudo tolo…

  3. Mais outra genial invenção da vaca voadora, a seguir quem tiver casas com vista para o rio vai pagar também as vistas, o que virá depois mais a seguir?

  4. Acho muito bem!
    Tal como acontece com outros rios pela Europa fora, quem usa, paga!
    A manutenção tem custos e não tem que ser sempre o povo a pagar tudo – enquanto os grandes grupos económicos ficam com os lucros…
    E, para os mais ignorantes, a APDL nada tem ver com o Costa!…

Presidente do Governo da Catalunha pede a Filipe VI que abdique

O presidente do governo regional da Catalunha, Quim Torra, pediu na terça-feira ao rei Filipe VI que abdique e solicitou ao presidente do parlamento que convoque uma sessão plenária extraordinária para estabelecer uma "posição comum" …

Virologista chinesa diz que novo coronavírus foi "criado em laboratório militar"

A virologista chinesa que fugiu para os Estados Unidos deu mais uma entrevista onde assegura que o novo coronavírus foi "criado num laboratório militar". Numa nova entrevista, citada pelo jornal online Observador, Li Meng-Yan, a virologista …

Ministério da Saúde abre 435 vagas para médicos de família

É o maior número de vagas dos últimos anos colocadas a concurso para a contratação de médicos especialistas em medicina geral e familiar para o SNS. De acordo com o jornal Público, o Ministério da Saúde …

MP brasileiro processa pastor por anunciar cura com feijões para a covid-19

O Ministério Público brasileiro pediu a abertura de um processo contra o pastor evangélico Valdemiro Santiago e a Igreja Mundial do Poder de Deus, que anunciaram a cura da covid-19 a partir do cultivo de …

Dívida do Estado à ADSE ascende a 200 milhões de euros

A dívida do Estado à ADSE, em 2019, ascendia a 198,2 milhões de euros, segundo o parecer do Conselho Geral e de Supervisão (CGS) ao relatório e contas do ano passado, publicado no site do …

Governo dos Açores violou Constituição ao impor quarentena obrigatória

O confinamento obrigatório de 14 dias que o governo regional dos Açores tem imposto a quem chega à região autónoma é inconstitucional, dizem os juízes do Tribunal Constitucional. As autoridades açorianas violaram a Constituição ao impor …

China caminha a passos largos para a normalidade. Gaming, cerveja e Ikea dão empurrão

A China não regista, desde 17 de maio, vítimas mortais causadas pelo novo coronavírus. No entanto, há dois surtos ativos que parecem não impedir a população de caminhar em direção à normalidade. À semelhança do resto …

No regresso ao Superior, o Ministério recomenda aulas presenciais, com máscara e ao sábado

No regresso do Ensino Superior, o Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior recomenda que voltem as aulas em regime presencial com uso obrigatório de máscara e algumas das quais lecionadas ao sábado. Num comunicado …

"A profissionalização é fundamental". Este ano já morreram quatro bombeiros, todos voluntários

Nos incêndios deste ano já morreram quatro bombeiros. O último ano tão mortífero foi 2013, em que sete bombeiros perderam a vida. Em comparação, nos incêndios de 2019, não se registaram vítimas mortais entre esses profissionais. Como …

Portugal só tem 4 fiscais da ferrovia (e cada um tem de inspecionar 811 quilómetros)

O Instituto da Mobilidade e dos Transportes (IMT) tem apenas quatro técnicos afetos à fiscalização do setor. O organismo está a pedir o reforço destes profissionais desde 2014. De acordo com a edição desta quarta-feira do …