Rio volta a não ser cabeça de lista no Porto às legislativas. Baptista Leite é a aposta em Lisboa

Estela Silva / Lusa

Rui Rio, presidente do PSD

Rui Rio apresenta recandidatura à liderança do PSD

Sofia Matos vai encabeçar a lista do PSD no Porto, ficando Rui Rio em segundo. Já em 2019, Rio tinha atribuído o primeiro lugar a Hugo Carvalho. Alguns deputados que apoiaram Rangel já não são cabeças de lista.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Depois de discussões internas com as distritais sobre as listas de deputados, Rui Rio já escolheu quem vai encabeçar cada distrito nas eleições legislativas de 30 de Janeiro.

O presidente do PSD volta a não ser o número 1 no Porto, ocupando a deputada Sofia Matos esse lugar. Rio fica no segundo lugar da lista, tal como em 2019, quando Hugo Carvalho, na altura presidente do Conselho Nacional da Juventude, ficou no primeiro lugar. Carvalho, que apoiou Rio nas directas, vai agora substituir Fernando Ruas na lista em Viseu, visto que Ruas voltou para a autarquia da cidade.

Já em Lisboa, o deputado e médico Ricardo Baptista Leite, que também já foi vereador em Cascais, é a principal aposta.

Rio mantém oito nomes a liderar as listas em relação às eleições de 2019, mas tirou do topo das listas alguns deputados que apoiaram Paulo Rangel nas directas, sendo eles: Ana Miguel Santos (Aveiro), Carlos Peixoto (Guarda), Cristóvão Norte (Faro) e Margarida Balseiro Lopes (Leiria).

A divulgação dos cabeças de lista antecedeu a reunião da Comissão Política Nacional e do Conselho Nacional, que é esta terça-feira em Évora e onde o PSD vai decidir se quer fazer uma coligação pré-eleitoral com o CDS. Rio é quem escolhe os lugares cimeiros das listas, que vão ser depois aprovadas da reunião desta noite.

Relativamente aos restantes distritos, Jorge Mendes lidera em Viana do Castelo. Já o deputado André Coelho Lima encabeça a lista em Braga enquanto que Adão Silva é a primeira escolha em Bragança. Artur Soveral de Andrade é a aposta em Vila Real.

Em Aveiro, António Topa Gomes encabeça a lista. Gustavo Duarte e Cláudia André são as escolhas pela Guarda e por Castelo Branco, respectivamente. Mónica Quintela é a cabeça de lista por Coimbra, Paulo Mota Pinto por Leiria, Isaura Morais por Santarém e Nuno Carvalho por Setúbal.

João Pedro Luís é a escolha em Portalegre, Henrique Silvestre em Beja, Sónia Ramos em Évora, Luís Gomes em Faro, Sérgio Marques na Madeira e Paulo Moniz nos Açores. Já na Europa, a cabeça de lista é Maria Ester Vargas, enquanto que fora da Europa, a aposta é em Maló de Abreu.

  Adriana Peixoto, ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.