Rio não vai “andar tipo queijo limiano” e só aceita acordo de ordem estrutural com Costa

PSD / Flickr

O presidente do PSD, Rui Rio

Rio deixou bem claras as suas intenções para as legislativas de 6 de outubro. Seja o PS ou o PSD a ganhar, sem maioria absoluta, Rio apenas aceita um “acordo de ordem estrutural” com Costa.

No programa “Uma pergunta para si”, da TVI24, Rui Rio esclareceu a sua visão sobre um possível acordo entre PS e PSD caso quem vença não consiga maioria absoluta. O líder social-democrata admitiu eventualmente apoiar um Governo de António Costa caso este aceite negociar com ele um “acordo de ordem estrutural”.

Rio tem de pesar os prós e os contras, mas já disse que pretende “prestar um serviço ao país e jogar com o apoio eleitoral que tiver para forçar reformas estruturais”. O seu objetivo é bastante simples: “ajudar a pôr o país nos trilhos e a romper estrangulamentos”. Para tal, não pode haver um acordo semelhante ao da geringonça.

Não tenho perfil para andar tipo queijo limiano. Qualquer acordo que possa haver (ganhe o PS ou o PSD as eleições) tem que ser de ordem estrutural” e não pode ser limitado “a questões de gestão corrente”, como aconteceu com a geringonça das últimas legislativas.

A referência ao queijo é relativa ao episódio que ficou conhecido como “Orçamento do Queijo Limiano” de fevereiro de 2000. Na altura, num Governo socialista sem maioria absoluta na Assembleia da República, Daniel Campelo, a troco de vários investimentos públicos em Ponte de Lima, viabilizou dois Orçamentos de Estados — 2001 e 2002.

Rui Rio não está aberto a facilitismos e promete pulso firme. O líder do PSD diz que se perder as legislativas, Costa não vai contar com ele só para aprovar Orçamentos. “Só para ele poder governar? Não é para isso que eu estou neste lugar”, disse, citado pelo Expresso.

Durante o seu discurso no programa da TVI24, afastou-se da visão de Costa sobre uma eventual crise económica internacional. “A minha teoria é a de uma economia saudável e tudo o que propomos está sustentado por um quadro macro económico assente nas previsões do Conselho das Finanças Públicas”, explicou Rio, acusando ainda o atual primeiro-ministro de ter “gasto tudo o que tinha sem preparar o futuro”.

O social-democrata reiterou as negociações para fazer reformas estruturais, em áreas como a Segurança Social ou a Justiça, defendendo que para tal não é necessário estarem os dois partidos no Governo. “Para se fazer um acordo para reformar a Segurança Social não é preciso ter lá um ministro“, atirou.

Em matéria mais concreta, admitiu repor as 40 horas do horário de trabalho da Função Pública, considerando “um erro” baixar para as 35 horas. Em relação aos professores, prometeu negociar carreiras, salários e descongelamentos — recebendo o apoio do secretário-geral da Fenprof, Mário Nogueira, que estava presente em estúdio.

A retórica de Rui Rio parece ter agradado aos portugueses que assistiram ao programa, tendo sido o entrevistado que recebeu mais avaliações positivas dos telespectadores: 76% consideraram que esteve bem e apenas 24% mostraram-se desagradados.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Lotes de medicamentos para azia com possível carcinogénio retirados do mercado

O Infarmed ordenou este sábado a recolha e retirada imediata de uma série de lotes de medicamentos protetores gástricos contendo o princípio ativo ranitidina do mercado, depois de ter sido detetada a presença de uma …

Ator de Star Trek morre aos 50 anos

Aron Eisenberg, o Nog de Star Trek: Deep Space Nine, morreu este sábado, com apenas 50 anos. A causa de morte do ator ainda não foi revelada. Morreu Aron Eisenberg, ator que interpretou a personagem Nog, …

Mesmo que não beba, o seu fígado pode sofrer danos causados por álcool

A lesão hepática é uma das consequências bem conhecidas do consumo excessivo de álcool. Mas nem sempre é preciso beber para sofrer delas. Algumas bactérias intestinais produzem álcool e podem danificar o nosso fígado sem lhe …

Colisão gigante de asteróides no Espaço provocou um boom de vida na Terra

Os asteróides desempenharam um "papel divino" na história da vida na Terra. Um novo estudo sugere que um gigantesco boom de biodiversidade na Terra, há cerca de 470 milhões de anos, poderá ter acontecido devido …

Alguns planetas podem orbitar um buraco negro supermassivo em vez de uma estrela

Estamos habituados à ideia de que um planeta orbita estrelas. No entanto, estes corpos celestes podem também existir em torno de buracos negros supermassivos. Os cientistas já haviam adotado a ideia de que há planetas a …

PSD a 3 deputados da maioria na Madeira. CDS afasta geringonças

Miguel Albuquerque, político experiente, apreciador de música e apaixonado por rosas, voltou hoje a vencer as eleições regionais da Madeira, mas tem agora pela frente a ‘espinhosa’ tarefa de negociar um entendimento que garanta estabilidade …

Porto 2-0 Santa Clara | E vão cinco vitórias consecutivas na Liga

O FC Porto respondeu ao triunfo do Benfica no sábado em Moreira de Cónegos com a quinta vitória consecutiva na Liga, na recepção ao Santa Clara, por 2-0. Num jogo morno, com uma segunda parte mal jogada …

Mazda entra na corrida e prepara lançamento do seu primeiro carro elétrico

A Mazda garantiu o lançamento do seu primeiro carro elétrico já no próximo ano. O veículo será apresentado no Salão Automóvel de Tóquio. A corrida dos veículos elétricos acelera a todo o vapor e a Mazda …

Descobertas evidências de um reino bíblico em pleno deserto israelita

A bíblia faz referência a um reino de Edom, do século X antes de Cristo. Novas evidências sugerem que este reino poderá ter estado assente no deserto de Arava, no Israel. A análise de arqueólogos a …

PSD vence regionais na Madeira mas perde maioria absoluta

O PSD venceu hoje as eleições legislativas regionais na Madeira, com 37% a 41% dos votos, o que lhe retira a maioria absoluta no parlamento, segundo a projeção da RTP/Católica. O Partido Social Democrata venceu as …