Richard Gere leva comida a navio humanitário no Mediterrâneo

O ator norte-americano Richard Gere levou hoje comida ao navio da organização não-governamental (ONG) espanhola Open Arms, que está à espera de autorização para aportar e desembarcar 121 migrantes resgatados no Mediterrâneo há uma semana.

A organização divulgou fotos nas quais se vê o ator e ativista a levar comida e provisões ao navio humanitário.

“Finalmente, uma pequena boa notícia. Chegam alimentos ao #OpenArms e temos um companheiro de tripulação excecional, #RichardGere”, elogiou a organização na rede social Twitter.

A estrela de cinema partiu da ilha italiana de Lampedusa, tendo afirmado estarem “todos bem” depois de subir a bordo do navio humanitário e ser cercado por um grupo de jovens migrantes.

“As pessoas que vemos neste navio estão aqui por causa do trabalho que a Open Arms desenvolve e a coisa mais importante para quem aqui está é chegar a um porto, sair do barco, pisar terra e começar uma nova vida”, defendeu.

Richard Gere pediu apoio para que a Open Arms possa continuar a ajudar “estes irmãos e irmãs” que fogem de África à procura de um futuro na Europa.

A Open Arms está em águas internacionais, à espera, desde a semana passada, de receber autorização para desembarcar num porto seguro para pôr a salvo 121 migrantes resgatados no mar em duas operações diferentes.

O primeiro resgate aconteceu na quinta-feira, 01 de agosto, quando 55 imigrantes, incluindo dois bebés e uma mulher grávida, foram descobertos num barco prestes a naufragar, explicou o fundador da ONG, Oscar Camps.

O segundo resgate foi feito a meio da noite do dia seguinte e foram socorridas 69 pessoas, incluindo duas crianças e duas mulheres grávidas, uma das quais “de nove meses e já com contrações”.

Entretanto, as organizações SOS Mediterrâneo e Médicos Sem Fronteiras estrearam um novo navio de resgate, o Ocean Viking, que já salvou 85 migrantes no meio do mar, mas as equipas continuam à procura de um outro barco com migrantes que partiu da Líbia ao mesmo tempo.

O ministro italiano do Interior e líder da extrema-direita, Matteo Salvini, mantém há várias semanas os portos fechados às ONG, a quem acusa de favorecerem a imigração ilegal.

Salvini, que abandonou na quinta-feira a coligação que governava a Itália desde 2018, já garantiu que não permitirá que o navio Open Arms entre em águas italianas, remetendo a responsabilidade pelos migrantes a bordo para Madrid.

O parlamento italiano aprovou recentemente um decreto promovido por Salvini, que permite requisitar os navios das ONG que violem a proibição de entrar em águas italianas e que prevê multas de até um milhão de euros.

Em Espanha, a cidade de Valência ofereceu-se para acolher o barco e a comunidade da Extremadura mostrou-se aberta receber os migrantes.

No entanto, precisa de autorização do Governo de Madrid, que em janeiro proibiu a Open Arms de retomar as buscas ativas de embarcações em perigo no Mediterrâneo central, justificando com o encerramento dos portos italianos às ONG e impondo multas elevadas, que podem atingir quase um milhão de euros.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Violência policial é uma das principais causas de morte de jovens negros nos EUA

A violência policial é uma das principais causas de morte entre jovens nos Estados Unidos, com os negros a terem 2,5 vezes mais hipóteses de serem mortos do que os homens brancos. O estudo, publicado este …

A Volocopter apresenta o seu táxi voador mais potente (e já andou no ar)

https://vimeo.com/355573555 Desde 2013 a Volocopter tem vindo a aprimorar o seu projeto de táxi voador. Desta vez, o design é mais redondo, mais simples e mais potente. O Volocopter é uma aeronave 100% elétrica que os criadores …

Israel desenvolve terapia à base de ecstasy para tratar stress pós-traumático

O Ministério da Saúde israelita desenvolveu uma terapia à base de MDMA - o componente ativo da metanfetamina popularmente conhecida como 'ecstasy' - para tratar pessoas que sofrem de stress pós-traumático resistente. Num entrevista sobre a …

Quaresma de saída do Besiktas. "Presidente não me quer na equipa"

Revelação feita pelo jogador, no Instagram: "Acabei de ser informado pelo presidente do clube que ele não quer que eu continue a jogar na equipa. Estou a tentar encontrar solução para o meu futuro". O internacional …

O Dr. House português diz que 90% dos médicos só fazem "fantochadas"

É conhecido como o Dr. House português, numa referência à série televisiva norte-americana, pela forma como faz diagnósticos certeiros. E Vítor Brotas que trabalha no Hospital dos Capuchos, em Lisboa, admite que é "um médico …

Homem morre após ataque de vespas asiáticas. É a segunda morte por picadas de insecto em 2 dias

Um homem de 79 anos de idade morreu nesta sexta-feira em Oliveira do Bairro, Aveiro, após ter sido atacado por vespas asiáticas. Dois dias antes, outro homem de 50 anos faleceu na região da Beira …

Polícia antimotim dispersa manifestantes em Hong Kong com gás lacrimogéneo

A polícia antimotim de Hong Kong carregou hoje com gás lacrimogéneo sobre manifestantes que tinham erigido uma barricada no bairro de Kwun Tong, no Este da antiga colónia britânica. Embora os protestos tenham decorrido de forma …

Eleições. CDU vai manter campanha clássica, mas dispensa o "lombo assado"

O chefe do maior partido da Coligação Democrática Unitária (CDU), que junta comunistas e ecologistas, assumiu enfado com carne assada nas jornadas e ações de esclarecimento pelo país, mas garante uma campanha eleitoral nos cânones …

Bloco quer mais funcionários públicos e quotas por raça nas universidades

O BE afirma, no programa eleitoral disponibilizado hoje na íntegra, que "é o partido que quer e pode impedir uma maioria absoluta", um resultado nas eleições legislativas que faria Portugal "voltar ao passado da arrogância …

Balas com defeito que encravam armas. PSP confirma, mas diz que não é um problema

A Polícia de Segurança Pública (PSP) confirma que estão a ser utilizadas algumas balas com defeito que até encravam as armas, nos treinos dos candidatos a agentes na Escola Prática de Polícia. Mas garante que …