Rei da Suécia retirou estatuto de Alteza Real a cinco netos (para o bem de todos)

O Rei da Suécia, Carl Gustaf, decidiu retirar a cinco dos seus sete netos — todos os que não são filhos da princesa Vitória, herdeira direta da coroa sueca — o estatuto de Alteza Real.

A decisão foi detalhada e explicada numa nota publicada no site oficial da Casa Real Sueca, citada pelo Observador. “O objetivo destas mudanças é definir de que membros da Família Real se pode esperar que cumpram deveres oficiais de Chefe de Estado ou relacionados com o estatuto de Chefe de Estado. Sua Majestade, o Rei, decidiu que os filhos de Suas Altezas Reais príncipe Carl Philip [filho do Rei] e princesa Sofia e os filhos de Sua Alteza Real princesa Madalena e Mr. Cristopher O’Neill deixarão de ser membros da Família Real”.

A nota dá conta de que estes cinco netos do Rei Carl Gustaf a quem foi alterado o estatuto Real, que têm entre um e oito anos — príncipe Alexandre, duque de Södermanland; príncipe Gabriel, duque de Dalarna; princesa Leonor, duquesa de Gotland; príncipe Nicolas, duque de Ångermanland; e princesa Adriana, duquesa de Blekinge — “vão manter os seus títulos de Duque e Duquesa, previamente atribuídos por Sua Majestade”.

Na prática, embora permaneçam elementos da realeza, os cinco príncipes a quem foi alterado o estatuto deixarão de ser chamados de “Sua Alteza Real”, perderão benefícios fiscais e deixarão de estar obrigados ao cumprimento de obrigações Reais.

Relativamente aos benefícios, perderão o direito de receber anualmente o appanage, um fundo anual alimentado pelos impostos dos cidadãos que serve para cobrir despesas dos membros da Família Real. Já quanto às obrigações, as cinco crianças ficarão livres do dever de participação em múltiplos eventos de Estado que impliquem a representação da Monarquia Sueca.

A decisão do Rei da Suécia surge na sequência de uma discussão pública no país sobre a necessidade dos contribuintes suecos pagarem a tantos elementos da Família Real, tendo-os como disponíveis para cumprir funções monárquicas e obrigações decorrentes da sua afinidade com o estatuto de possível futuro Chefe de Estado.

“O Parlamento anunciou há uns anos que teria de rever alguns princípios da Monarquia. Um deles era o tamanho da Família Real”, explicou à BBC Roger Lundgren, apresentado pela estação britânico como “especialista em assuntos Reais”.

À BBC, o historiador sueco Dick Harrison sublinhou o sentimento vigente entre contribuintes suecos de que não existia necessidade de pagarem a tantos elementos da família Real, destacando ainda a possibilidade que as crianças passarão agora a ter de seguirem cursos de vida “mais normais”. Teoricamente, as cinco crianças poderão continuar a ser candidatas futuras ao trono e deverão aparecer em eventos sociais — mas deixarão de ter os deveres e as benesses económicas previstas no seu anterior estatuto.

Em 1980, a monarquia sueca tinha já dado um passo sem precedentes ao tornar-se a primeira a alterar as regras de sucessão, impondo que o candidato direto à sucessão fosse sempre o descendente mais velho do Rei, independentemente do seu género. A princesa Vitória, que tem 42 anos (mais dois que o príncipe Carl Philip e mais cinco que a princesa Madalena), é a principal candidata à sucessão. Os filhos da princesa Vitória — princesa Estela e o príncipe Óscar — foram os únicos a quem não foi alterado o estatuto real.

Os dois filhos mais novos do Rei, príncipe Carl Philip e princesa Madalena, congratularam-se com a decisão do Rei em retirar o estatuto de Suas Altezas aos seus filhos. Através de publicações nas redes sociais, a princesa Madalena afirmou que esta alteração estava a ser “planeada há muito tempo” e dará aos seus três filhos “uma maior oportunidade de moldar as suas vidas”, ao passo que o seu irmão sublinhou que os seus dois filhos poderão fazer “escolhas mais livres” nas suas vidas daqui para a frente.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Zoo de Paris apresenta Blob, uma estranha criatura amarela sem cérebro e com quase 720 sexos

O zoológico de Paris exibe desde esta quarta-feira um estranho organismo unicelular criado em laboratório: parece um fungo, mas interage como um animal. De acordo com a agência AFP, a estranha criatura, batizada de bolb (bolha), …

Apesar das críticas, Venezuela conquista um lugar no Conselho de Direitos Humanos da ONU

A Venezuela conquistou um assento no Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas, depois de uma votação, esta quinta-feira, na Assembleia Geral da ONU. O Brasil ficou com a outra vaga destinada aos países da …

Amália Rodrigues apoiou secretamente a causa antifascista

A fadista Amália Rodrigues, que chegou a ser acusada de estar ao serviço do Estado Novo, financiou presos políticos e apoiou a causa antifascista durante a ditadura, revela uma investigação publicada pela revista Visão Biografia. Numa …

FC Porto pode ser obrigado a criar equipa de futebol feminino

A UEFA deverá obrigar todas os emblemas que participem nas competições europeias a ter uma equipa de futebol feminino. O objetivo é promover o desporto e aumentar o número de jogadoras. O FC Porto pode vir …

Há novas suspeitas no negócio do lítio. João Galamba rejeita ilegalidades

A aprovação da concessão de exploração de lítio em Cepeda, no concelho de Montalegre, à empresa Lusorecursos Portugal Lithium continua envolta em polémica. Desta vez, surgem suspeitas de ilegalidades relacionadas com divergências no capital social …

Pequenos partidos "roubam" quase um milhão de euros da campanha aos grandes

Escreve o jornal Eco esta sexta-feira que os quatro pequenos partidos que conseguiram eleger deputados para a Assembleia da República têm direito a quase um milhão de euros do total disponível das subvenções de campanha …

Rúben Semedo na mira do Benfica para a próxima época

O Benfica está de olho no defesa-central dos gregos do Olympiacos para a próxima época. Rúben Semedo foi recentemente chamado à seleção para os jogos de apuramento para o Euro 2020. Segundo o Record, Rúben Semedo está …

Violência, voos cancelados e manifestação com cinco colunas marcam continuação dos protestos na Catalunha

Milhares de manifestantes pró-independência da Catalunha concentram-se esta sexta-feira em Barcelona para protestar contra a condenação pelo Tribunal Supremo espanhol dos 12 dirigentes políticos envolvidos na tentativa de independência da Catalunha em 2017. Os manifestantes, organizados …

Morreu Rui Jordão, o "quase herói" do Euro 84

Rui Jordão, antigo avançado que passou pelo SL Benfica e pelo Sporting CP, morreu esta sexta-feira aos 67 anos. O luso-angolano faleceu devido a problemas cardíacos. Internado no Hospital de Cascais devido a um problema cardíaco, …

Rio tentado a recandidatar-se por temer pelo futuro do PSD

O atual líder do PSD, Rui Rio, pondera uma recandidatura ao cargo por temer pelo futuro do partido, escreve o jornal Público esta sexta-feira. Rui Rio pouco ou nada tem revelado sobre a decisão: desde as …