Reaberto ao público o primeiro palácio de Nero, construído há 2.000 anos

O primeiro palácio do imperador Nero, localizado no Monte Palatino, em Roma, foi reaberto ao público na passada semana. Depois de uma década de reformas, o monumento construído há 2.000 anos volta a poder ser visitado.

O palácio – também conhecido pelo seu nome em latim, Domus Transitoria – faz parte do “Caminho Neroniano”, uma rota turística que une este edifício ao segundo palácio do imperador, o Domus Aurea (também conhecido como a Casa Dourada).

O primeiro palácio ficou completamente coberto por terra depois de um grande incêndio em Roma e, por isso, localiza-se agora numa “caverna” artificial construída na década de 1960. Segundo noticia a agência AF, os visitantes do Domus Transitoria vão poder agora ir até ao subsolo e visitar os quartos e jardins da residência, que foram cobertos ao longo dos séculos por outros edifícios e destroços.

O edifício restaurado contém a frescos bem preservados e outros elementos decorativos notáveis. Exemplo disso são as paredes do santuário das ninfas, onde existem pequenos furos pelos quais, na época, caíam pequenas cascatas de água. A iluminação é outro aspeto de destaque, evidenciando os principais elementos decorativos do interior.

Os próprios contemporâneos de Nero criticaram a opulência do seu primeiro palácio, que foi construído com mármores, murais e tetos decorados com ouro e pedras preciosas. Alfonsina Russo, responsável pelo Parque Arqueológico do Coliseu, explicou que “Nero queria [no palácio] uma atmosfera que expressasse a sua ideologia, a de um soberano absoluto, um monarca absoluto”.

“A restauração começou há dez anos e abrangeu todas as superfícies”, disse Maddalena Scoccianti, arquiteta responsável pela reforma, ao jornal italiano Corriere della Sera.

Nero subiu ao poder em 54 d.C e construiu o Domus Transitoria poucos anos depois, por volta de 60 d.C. O Grande Incêndio de Roma (64 d.C) destruiu completamente o palácio. Duas décadas depois, durante a construção do Palácio Flávio, o edifício ficou completamente enterrado, sendo considerando durante século como perdido. Em XVIII foi descoberto. Agora, e depois de uma série de reformas, volta a estar reaberto ao público.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Família de George Floyd apresenta queixa-crime contra Minneapolis

A família de George Floyd apresentou esta quarta-feira uma queixa-crime contra o município de Minneapolis e contra quatro polícias pela responsabilidade na morte do afro-americano às mãos da polícia, em maio, anunciaram os advogados. "Não foi …

UE reduz lista de países para reabrir fronteiras e mantém EUA e Brasil de fora

Os Estados-membros da União Europeia (UE) atualizaram, esta quinta-feira, a lista de países aos quais reabrem as fronteiras externas, mantendo de fora os Estados Unidos e o Brasil. "Na sequência da primeira revisão ao abrigo da …

24 horas depois, estátua de manifestante antirracismo em Bristol foi removida

A estátua de uma manifestante do movimento Black Lives Matter, erguida, esta quarta-feira, na cidade de Bristol, no Reino Unido, já foi removida. De acordo com o jornal The Guardian, 24 horas depois de ter sido …

Advogados continuam luta para manter declarações fiscais de Trump em segredo

Depois de o Supremo Tribunal ter determinado que os procuradores nova-iorquinos podem ter acesso às declarações de impostos do Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, os seus advogados informaram na quarta-feira que estavam a considerar …

EUA negam vistos a funcionários da Huawei que apoiem "violadores de direitos humanos"

Esta quarta-feira, o Governo norte-americano que vai impor restrições nos vistos a funcionários da Huawei e a outras empresas que os Estados Unidos vejam como apoiantes de Governos violadores de direitos humanos. Além das restrições, o …

Ventilador produzido em Portugal recebe autorização de utilização do Infarmed

O ventilador Atena, produzido em Portugal, recebeu, na terça-feira, a autorização do Infarmed para o seu uso em contexto hospitalar na luta contra a covid-19. Esta quarta-feira, numa publicação na sua página de Facebook, o CEiiA …

American Airlines avisa 25 mil trabalhadores que podem perder emprego

Os dirigentes da American Airlines escreveram a cerca de 25 mil trabalhadores da transportadora aérea para lhes comunicar que o seu emprego pode desaparecer em outubro. Os dirigentes das Companhias de aviação dos Estados Unidos admitiram …

Trump substitui diretor de campanha a menos de quatro meses das eleições

O Presidente dos Estados Unidos substituiu, esta quarta-feira, o seu diretor de campanha, perante os maus resultados nas sondagens, a menos de quatro meses das eleições. "Tenho o prazer de anunciar que Bill Stepien foi promovido …

Bristol acordou com uma nova estátua. Manifestante antirracismo substitui comerciante de escravos

Bristol acordou com uma nova estátua. Um artista britânico ergueu uma estátua de uma manifestante do movimento ‘Black Lives Matter’ no topo do pedestal na cidade inglesa antes ocupado pela estátua de um comerciante de …

Enfermeira norte-americana matou sete doentes num hospital de veteranos com injeções de insulina

Uma enfermeira num hospital de veteranos norte-americanos matou deliberadamente pelo menos sete doentes com injeções de insulina. A mulher, que admitiu o crime, deverá ser condenada a sete penas de prisão perpétua, mais 20 anos …